sexta-feira , 23 / junho / 2017
Início / Américas / América do Sul / Chile / 11 dicas de ouro para você que está embarcando para o Chile

11 dicas de ouro para você que está embarcando para o Chile

“Chi-Chi-Chi-le-le-le viva Chile”, foi a primeira coisa que me veio à cabeça quando recebi o email com a confirmação do bilhete aéreo para Santiago, a capital e mais importante cidade da República do Chile. Para quem não sabe, essa expressão é tão famosa por lá como o nosso “Ai, ai ai ai…, em cima, em baixo, puxa e vai”.

O cântico é uma adaptação de uma das canções mais emblemáticas do país, criada por um jovem de 20 e poucos anos na década de 30. Nos anos 70 a frase começou a ser utilizada nos estádios de futebol, tornando-se um hino popular, que anos mais tarde também recebeu conotação política durante a ditadura militar de Augusto Pinochet.

Planeje sua viagem => Onde ficar em Santiago: dicas de bairros e hotéis

As 10 principais dicas e segredos para acumular milhas aéreas

 

11 dicas de ouro sobre o Chile

Sempre que estou planejando alguma viagem, procuro saber algumas informações básicas sobre o país. Não estou falando de número de habitantes ou algo assim, mas pesquiso sobre a moeda, para conseguir converter rapidamente e saber se o preço de determinado produto ou serviço está bom; procuro aprender as principais expressões e gírias locais; enfim, tudo para conseguir me virar com mais facilidade no novo destino.

 

1) Cotação do peso chileno

Cotação do Peso Chileno

Eu confesso que sempre faço confusão quando estou no exterior e tenho que fazer a conversão para dólares, depois para reais…isso já me fez gastar mais do que o necessário. Sabe aquele malandrão que sempre quer enganar o turista??? No Chile a confusão é maior por causa dos zeros, aí tudo parece valer mais.

Depois de tantos países no currículo, hoje aprendi e sempre saio de casa com essa conversão na cabeça. Nessa viagem 1 real valia aproximadamente 200 pesos chilenos. Como nada vale menos do que 1.000, a melhor métrica é 1.000 pesos valem 5 reais, ou 1.000 pesos valem 1,6 dólares. Como você bem sabe isso varia muito, então antes de viajar sempre acesso o conversor de moedas do Banco Central do Brasil.

Leia também => 7 dicas de como viajar sem medo da alta do dólar

 

2) Principais expressões

Mesmo falando bem a língua espanhola, herança de minha viagem que durou 8 meses na Espanha, cada país latino tem suas peculiaridades, da mesma forma como em São Paulo existem expressões que não são usadas no nordeste, e por aí vai. Porém, é preciso ter cuidado com algumas palavras, pois alguma palavra corriqueira num país, pode ter significado totalmente diferente em outro, como acontece com o português do Brasil e de Portugal.

Claro que esses detalhes não influenciam diretamente na viagem, no entendimento do idioma, mas essa atenção especial pode abrir portas. Imagine que você chega na recepção do hotel, e mesmo que seu espanhol seja na verdade portunhol, você lança algo no dialeto local. A pessoa se impressiona e logo ganha a sua simpatia.

Expressões comuns no Chile:

  • Permiso = com licença
  • Si, pô (diminuição de porsupuesto) = Sim, claro
  • Papas fritas = batatinha frita
  • Un te, por favor = um chá (bebida comum no Chile)
  • Estoy pato = liso, sem dinheiro (bom para negociar passeios, taxis, etc)
  • Me voy a empinar una pilsoca / una chela = vou beber uma cerveja
  • Mala leche = pessoa mal intensionada
  • Gamba = 100 pesos
  • Luca = nota de mil, ou simplesmente mil pesos chilenos
  • Carretear = festejar, ir de festa

Se quiser aprender mais sobre gírias e como utilizá-las no Chile, recomendo o site Bom Espanhol. Se quiser se aprofundar nas expressões chilenas tem uma página exclusiva no Mochileiros.

 

3) Como ir do aeroporto ao centro de Santiago

Dicas de viagem sobre como chegar em Santiago
Ônibus na saída do aeroporto de Santiago.

Existem diferentes opções para ir do aeroporto ao centro de Santiago, mas essa é sempre uma dúvida que temos ao chegar numa cidade que não conhecemos. Qual a melhor opção? A mais segura? A mais econômica? O melhor custo-benefício? É possível utilizar transporte público? Para ajudá-lo, pesquisamos as alternativas mais comuns para facilitar seu deslocamento entre aeroporto e hotel.

Geralmente existem quatro opções: transfer, táxi, carro alugado e ônibus, mas tenha certeza de sempre utilizar empresas autorizadas para evitar dores de cabeça.

Leia mais => O aeroporto e como ir ao centro de Santiago

 

4) Como se locomover por Santiago

As corridas de táxi costumam ser bem baratas em Santiago, mas é preciso tomar cuidado porque alguns motoristas querem sempre tentam levar vantagem, então é bom negociar o valor com antecedência ou então exigir o taxímetro. Em média, as corridas dentro da cidade saem por volta de 5.000 pesos, mas trajetos curtos podem sair ainda mais barato.

O metro de Santiago também é uma excelente alternativa, sendo um dos mais modernos da América Latina e o segundo maior desta região, contando com cinco linhas, 108 estações e 103 km de extensão, atrás somente da Cidade do México.

Eu sempre utilizo o Google Mapas para saber como ir de um lugar para outro, mas a própria empresa que administra o metro disponibiliza um planejador de viagens, disponível também em aplicativos para smartphone.

Leia também => Transporte público e como se locomover em Santiago

 

5) Os vinhos chilenos

Os melhores vinhos do Chile
Cacho de uva na Vinícola Montes, no Vale do Colchagua.

Os vinhos chilenos são mundialmente famosos por sua qualidade e também muito baratos, comparados com os preços que pagamos no Brasil. Para você ter ideia, com poucos dólares é possível comprar um excelente vinho.

Para baratear ainda mais o preço da bebida, muitas vinícolas oferecem também vinhos em embalagem Tetra Pak, aquelas de leite que estamos acostumados no Brasil. A própria Concha y Toro, uma das vinícolas chilenas mais bem conceituadas, tem sua versão mais econômica. É fato que não é o melhor vinho do mundo, mas são muito bons e mais baratos até que leite.

Leia também => Mapa das melhores vinícolas em Santiago do Chile

Precisa enviar dinheiro para o exterior com as melhores taxas?
Remessa online rápida e segura com desconto na Bee Câmbio »

Veja mais => Os melhores vinhos para comprar no Chile: custo x benefício

 

6) Beber água da torneira

Um costume que tenho em São Paulo é beber água da torneira, desde criança. Acho uma delícia acordar no meio da noite e matar a sede ali mesmo, na torneira do banheiro. Hoje sei que isso não me causa problemas, pois a água da SABESP é uma das mais limpas e confiáveis do mundo.

Fora isso, sou bastante pão duro com algumas despesas durante a viagem, e água é uma delas. Desde sempre tenho o costume de pesquisar se é seguro beber água da torneira em determinado destino, aí descobri que água de Santiago é uma bênção. Vinda direto da Cordilheira dos Andes, é cheia de sais minerais e dizem que é praticamente um Gatorade…PODE BEBER TRANQUILAMENTE.

Agora se realmente for comprar garrafinhas de água, tem que pedir sem gás, porque para eles pedir água significa água com gás.

 

7) O que você não pode deixar de comer

Blog de viagem com dicas sobre o Chile
Salmão, uma das especialidades da culinária chilena.

O que é uma viagem sem provar as delícias locais, desde a comida de rua até os bons restaurantes? Eu costumo comer de tudo um pouco, e posso dizer de boca cheia, você se encantará pela gastronomia chilena, principalmente se gostar de frutos do mar. As carnes também são sempre boa pedida, e sempre encontrará uma boa parrillada chilena, ou o nosso churrasco.

Pode nos parecer estranho num primeiro momento, mas eles comem tudo com abacate, por aqui chamado de “palta”. No hot dog, Mc Donald’s, na salada, café da manhã…é realmente bastante comum, e uma delícia.

A empanada chilena também é algo bastante típico, algo parecido com um calzone ou pastel assado. São feitas numa infinidade de sabores, mas é mais fácil encontrar de carne e queijo.

Fora o vinho, outra bebida alcoólica típica é o pisco, algo como se fosse a cachaça chilena. O Pisco Sour é o drink mais famoso, você encontrará em qualquer lugar. Prove também o suco de framboesa…nem dá pra acreditar que é a mesmo fruta que conhecemos no Brasil.

Lamba os beiços => Restaurantes que você precisa conhecer em Santiago

 

8) Cuidado com os furtos

O Chile é um país bastante seguro, pois qualquer crime que haja violência é severamente punido. Porém, apesar de o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) mais elevado da América Latina (o Brasil ocupa o 16° lugar), acontecem muitos furtos.

Portanto, cuidado com seus pertences nos aeroportos, procure utilizar os cofres dos hotéis, deixe sempre as malas fechadas…enfim, tome as mesmas precauções que tem no Brasil.

Cuidado também ao receber troco, pois algumas notas do peso chileno possuem cores parecidas. Sempre confira os valores ao sair do táxi, mercados, etc.

 

9) Quanto dinheiro levar

Quanto dinheiro levar em viagem ao Chile
Caixa automático no desembarque do aeroporto de Santiago.

Antes de tudo saiba que o ideal é trocar dinheiro apenas nas casas de câmbio do centro (Calle Moneda x Estado), pois oferecem as melhores cotações. Agora em março de 2015 valia mais a pena levar reais ao invés de dólares, por causa da cotações (Isso vale a pena em Santiago, pois poderá trocar reais por pesos sem problemas).

Minha fórmula ideal para uma viagem de 7 dias é levar entre 300 e 400 reais em espécie para deixar como emergência, caso não consiga fazer saques (certifique-se de habilitar seu cartão de crédito e débito para uso no exterior).

Logo na chegada em Santiago, faria um saque de 50.000 pesos para as despesas do dia a dia. No aeroporto, esses “cajeros automáticos” estão localizados à direita do desembarque.

Sempre pago as maiores despesas com cartão de crédito, como diárias de hotéis e compras. Apesar de ser mais caro, é seguro e me garante acúmulo de milhas (Claro que está opção é perigosa, pois fico nas mãos da variação cambial.

 

10) Onde ficar em Santiago

A região central de Santiago (onde indiquei as casas de câmbio) é para mim a melhor opção para quem visita a cidade pela primeira vez. Existem uma infinidade de pontos turísticos, bons lugares para comer e sair a noite. Sem contar que o metro te leva para qualquer lugar.

Fiquei hospedado no Hotel Plaza San Francisco, realmente um encanto de lugar, perfeitamente localizado. No próprio site do hotel, existe um mapa com todos os pontos turísticos próximos, inclusive com uma breve descrição de cada um deles.

Não perca => Onde ficar em Santiago: dicas de bairros e hotéis

 

11) Os Andes e o Valle Nevado

Dicas sobre o Valle Nevado / Chile
Vista de hotel para as montanhas do Valle “quase” Nevado.

O Valle Nevado é o maior centro para a prática de esportes de neve em todo o hemisfério sul, criado na década de 80 por empresários franceses, que queriam trazer o mesmo padrão dos melhores resorts de inverno da Europa.

É óbvio que a grande maioria dos turistas sobe a Cordilheira dos Andes para esquiar durante a temporada de inverno, entre junho e setembro, mas e durante o resto do ano. Bom, apesar falta de neve existem sim boas opções de lazer no Valle Nevado durante os outros meses do ano, sem contar que a paisagem, mesmo sem o branquinho da neve, enche os olhos de qualquer um.

Se liga => Valle Nevado: dicas para planejar sua viagem ao Chile

 

Dicas de viagem ao Chile?

O Chile, e principalmente Santiago, se tornaram um destino bastante procurado por turistas brasileiros. Para você ter ideia, quando postei uma foto no Instagram contando que faria a viagem, dezenas de pessoas me ajudaram com dicas.


Fazendo sua reserva através dos links parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, VOCÊ NÃO PAGA TAXAS EXTRAS, e dessa forma monetizamos nosso trabalho. Se houver dúvida, leia as políticas do blog, ou deixe um comentário.

Planeje sua viagem => Encontre as melhores ofertas de hotéis no Chile

Aluguel de Carros | Passagens Aéreas | Passeios no Chile | Seguro de Viagem


Eu adoraria ver sua participação também aqui no blog, tirando suas dúvidas, ou compartilhando dicas que podem ajudar outros viajantes.

Até + !!!


A viagem foi patrocinada, um convite da B4T Assessoria e Valle Nevado, mas as opiniões aqui expressas são de livre expressão do autor.

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Guilherme Tetamanti

Paulistano de 35 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

Confira Também

Ao Sul da América: pacotes com 35% OFF para Argentina, Chile e Uruguai

A terceira edição dessa campanha do Zarpo trás consigo muita bagagem histórica, cultural, além de …

83 Comentários

  1. Oi Guilherme

    Estou planejando ir á Santiago em setembro ou outubro com duas amigas, mas não vamos comprar passagens aéreas e reservar hotel por conta própria. Você acha que é tranquilo ir sem roteiros comprados por agências daqui do Brasil, usar metrô e outros meios para ir aos pontos turísticos? É nossa primeira viagem ao exterior, rsrs.

    • Oi Tavânia,

      Contratar um roteiro é realmente mais fácil e prático, mas não essencial. O metrô de Santiago é excelente, inclusive é possível visitar vinícolas e a grande maioria dos pontos turísticos. Logo vou publicar um artigo específico sobre isso!

      Abraços

  2. Oi Guilherme
    Vou agora no final de Maio e ficar ate dia 11 de junho 10 dias no total, irei ficar na casa de uma amigo bem no centro de Santiago nao pretendo fazer passeios por agencias ou muitos distantes , gostaria de saber quanto devo levar para ficar la esses 10 dias.
    Desde Agradeço pela ajuda!

    • Oi Erika,

      Em restaurantes baratos, o menu do dia (entrada, prato principal e sobremesa), o valor é de 3 a 5 mil pesos. Mas fazendo as refeições em casa será ainda mais barato. Difícil dizer quanto levar, recomendo que você faça uma pesquisa no Numbeo, é um site que mostra preço de vários itens para estimar o custo de vida.

      Boa viagem, abraços

  3. Oi Guilherme, Bom dia!
    Irei em agosto/17 e tenho algumas dúvidas… vc acha que vale a pena fazer o passeio Valle Nevado + Farellones num dia só ou melhor fazer somente 1? O mesmo pergunto sobre o passeio Viña Del + Valparaíso num dia só…vale a pena? É a primeira vez que vou ao Chile , e como vou ficar somente 4 dias, queria aproveitar pra fazer esses passeios…caso não seja bom fazer os dois num dia só…qual vc indica?
    Obrigada 😉

    • Oi Rosana,

      Eu nunca gosto de fazer muita coisa num dia só kkkkk. Sendo sincero, para aproveitar eu indicaria um dia em cada, tanto na montanha, quanto no litoral. Contudo, se tivesse que juntar dois para otimizar o tempo, faria isso com Viña del Mar e Valparaíso.

      Sobre a estação, o Valle Nevado é mais estruturado, a maior estação de esqui do hemisfério sul.

      Abraços

  4. Oi Guilherme! tenho uma duvida que tem me impedido de ir ao Chile faz anos, é a questão da “solvencia economica” dizem que tem que ter 50 dolares por cada dia que vai ficar no pais, senão não te deixam entrar ao pais, eu pretendia ficar por 2 meses mas na casa de amigos e levaria só 3 mil reais para apresentar a migração, será que me deixariam entrar?

    • Oi Simone,

      Fui 2 vezes ao Chile e nunca tive que comprovar isso, mas por ser uma estadia mais longa é melhor mesmo se precaver. O que eu faria é pedir para algum desses amigos fazer uma carta convite, procure por “como fazer carta convite”.

      Abraços

  5. Olá,

    Estou planejando passar 10 dias no Chile, sendo 3 noites em Santiago, 2 em San Pedro de Atacama, 2 em Pucon, 1 em Valparaíso e 1 em Viña del Mar.
    Minhas dúvidas são: 1) vale a pena passar um dia inteiro em Valparaiso e dormir lá, no dia seguinte passar o dia inteiro em Vina del Mar e dormir também, e voltar para Santiago no dia seguinte?
    2) 100.000 pesos daria para viver os 10 dias? seria o dinheiro pra alimentação, transporte público, talvez alguns passeios

    Obrigada 🙂

    • Oi Aline,

      Muita gente faz um bate-volta para conhecer Vina del Mar e Valparaiso no mesmo dia. Mas eu acho que vale a pena passar uma noite em cada sim, são cidade agitadas e particularmente gosto de ver a vida noturna da cidade.

      Só acho que você deveria escolher entre Atacama e Púcon. 2 dias é muito pouco em cada, fora que você perderá muito tempo no deslocamento.

      100 mil pesos, daria 15 dólares por dia. Sendo bem econômica, é possível se você preparar a maior parte das refeições e escolher apenas alguns tours, mas é bem pouco dinheiro. Você eliminando um destino, já economiza para gastar mais nos outros.

      Abraços

  6. Olá, Guilherme!
    Parabéns pelo blog!
    Vou para Santiago com meu noivo na última semana de junho de 2017. Os passeios em Santiago faremos de metrô + caminhada (somos desses). Os outros passeios (Viña del Mar, Valle Nevado) penso em comprar lá mesmo em Santiago. Você acha arriscado deixar para comprar lá ou podemos fazer isso?
    Obrigada!

  7. Excelente Artigo gostei muito!Tenho muita vontade de algum dia conhecer o Chile.

  8. Mariana Castelli Cirillo

    Olá Guilherme, tudo bom?

    Primeiramente, adorei sua matéria sobre o Chile, parabéns!

    Bom, pretendo ir ao Chile em agosto/2017, e conhecer as principais atrações de Santiago, bem como Vina del Mar/Valparaíso e Cajon del Maipo, mas vi muito gente falando que no inverno não é seguro ir ao Cajon. Qual sua opinião sobre esse passeio no inverno? No inverno realmente não é seguro? Aconselharia alguma agência para comprar esse passeio?
    Outra dúvida seria a respeito de quanto levar para despesas diárias com transporte e alimentação. Pretendo ficar 7 dias. Você aconselha quantos pesos/dia?

    Muito Obrigada, Mariana =)

    • Oi Mariana,

      Para qualquer passeio no Chile recomendo a Turistik. Não sei dizer sobre Cajon del Maipo, ainda não fui.

      Uma refeição baratinha custa a partir de 5000 pesos. Já um menu com 3 pratos, cerca de 15. O bilhete ônibus + metrô custa cerca de 700 pesos.

      Abraços

  9. Oi Guilherme, bom dia !
    Adorei o seu blog me tirou muitas dúvidas, parabéns.
    Eu estava procurando informações na internet sobre o chile e vi fotos do santuário parque yerba loca e me encantei você teria alguma dica de como ir pra lá? As únicas informações que obtive na internet foi de como alugar um carro e ir por conta própria como não tenho nenhuma experiência em dirigir na neve não queria arriscar rs, desde já agradeço sua atenção.

    • Oi Natasha,

      Fico feliz que tenha curtido meu filho, digo, o blog kkkkk

      Sinceramente não conhecia esse parque, mas pesquisei agora e parece incrível mesmo. Sempre uso a Viator para pesquisar passeios ao redor do mundo, é uma empresa do Grupo Tripadvisor. Encontrei essa excursão para o Yerba Loca, é uma alternativa.

      Abraços

  10. Marcio Soledade

    Olá Guilherme! Muitas pessoas me indicaram seu site como referência e fiquei impressionado com suas dicas. Estou com viagem programada para fevereiro/2017 para o Chile, ficarei 20 dias por lá. A principio quero conhecer a cidade de Santiago, Viña de Mar, Valparaiso, Cajon del Maipo, alguma vinicola e (se o dinheiro der) visitar as Puerto Montt e Mendonza.
    Estou um pouco receoso com o quanto de dinheiro levar, percebi que as coisas por lá tem preços bem salgadinhos, o que me faz desistir de conhecer o sul. No centro de Santiago quanto você acha que é possível passar um dia, algo moderado, sem gastos desnecessários?

    • Fala Marcio,

      Pooo fico feliz em saber que o blog ultrapassa as barreiras da internet, sendo indicado pessoalmente por pessoas conhecidas!

      Fora hospedagem, diria que entre R$ 80,00 e R$ 100,00 por dia, por pessoa, é um valor bem razoável.

      Abraços

  11. GLEIDYS RIBEIRO FIRMO COUTO

    Nossa muito bom poder contar com ajuda de alguém nessa hora. Realmente ficamos muito atolados e confusos, obrigada pelas dicas. Deus continue te ajudando e te retribua em dobro.

  12. Olá Guilherme, bom dia!
    No mês de outubro quais são os passeios interessantes e não muito caros para serem feitos no Chile, tipo indispensáveis?
    Em uma viagem de 7 dias falta opções em Santiago e arredores? Minha dúvida é se irei ao Deserto do Atacama ou não, por conta dos custos de uma viagem para lá, com retorno a Santiago.
    Abraço
    Alan

    • Oi Alan,

      Santiago é uma cidade que em 3-4 dias já é possível conhecer bem. Eu apostaria sim no Atacama, deve ser incrível. Outra opção é ir para o litoral, visitar Valparaíso e Viña de Mar…certamente será mais barato.

      Abraços

  13. Olá,

    Parabens pelo blog, estou adorando as dicas. Vale a pena ir ao Valle nevado depois do dia 15 de outubro??

    Obrigada!!

  14. Olá Guilherme, Gostaria de saber sobre transfer pro aeroporto, seria possível NA VOLTA eu ir de ônibus pro aeroporto ? Sabe se consigo transfer lá barato ?

    Obrigada!!

  15. Alex Cavalcante

    Bom dia Guilherme estou indo pro Chile esse mês e gostaria de saber se você tem pra indicar alguma corretora de seguro viagens.

    Desde já muito obrigado

  16. Salve, salve Guilherme, inicialmente quero parabenizar o seu trabalho, ajudando dezenas de pessoas que possuem um pouco de seu espírito aventureiro. Então, estou indo passar 7 dias em Santiago agora na segunda semana de agosto, já li vários blogs e assisti diversos vídeos, já estou por dentro da neve, da importância de ir em Viña Del Mar e Val Paraiso, entre outros aspectos. O que quero saber de você é sobre a locomoção. Ficarei hospedado no centro de Santiago e quando viajo AMO andar pelas ruas da cidade. Andar para mim não é apenas uma forma de economizar, mas de vivenciar a cultura local. Isso incluiria pegar ônibus ou metrôs também. Na verdade, gosto de me sentir parte do local e sinto que Táxi ou Tour Bus nos retira um pouco dessa sensação levando em conta experiências anteriores. sendo assim, te pergunto: Quem vai passar 07 dias, consegue passear por Santiago andando? Pra ir à neve e às cidades próximas pegarei transporte, mas para ir aos museus, vinícolas, parques, bares, restaurantes, posso ir andando sem que isso prejudique meu tempo de passeio?

    • Oi Jeremias,

      Te entendo, também tenho esse espírito quando faço minhas viagens. Andar prestando atenção nas pessoas, lojas, realmente sentir a vibe local.

      Você obviamente não vai conseguir fazer tudo tudo a pé, mas o metrô de Santiago é famoso por sua qualidade. Faz os trechos mais longos de metrô, e o resto a pé!

      Boa viagem, depois conta como foi!

      Abraços

  17. Olá….
    Estou indo agora na primeira semana de julho e chegarei la na sexta fim do dia para e voltarei na segunda, ficarei só o fds … estou com dúvidas se compro pesos chilenos aqui ou deixo para compara lá… ou compro dolares… to na dúvida do que fazer?? e quanto ao Valle nevado estou pensando de ir no Domingo pois ai teria o sabado para fazer algumas outras coisas ou será que é melhor eu ir pra lá no Sabado???

  18. Olá Guilherme, adorei suas dicas, são ótimas!! Estou indo em meado de agosto, mas estou com dúvidas sobre pacotes de passeios, se fecho aqui ( vi vendendo alguns passeios no decolar.com) ou tento comprar lá… por exemplo o Bali Hai, restaurante Ocean Pacific’s, e se vale a pena fazer o passeio por Valparaíso e viña del mar.. vi que tem q fazer reservas, tenho medo de não conseguir no dia, vou ficar apenas 3 dias.. Obrigada pela ajuda, e desculpa por tantas perguntas! rs…

    • Oi Milena,

      Esses restaurantes famosos é bom sim ter reserva antecipada. Não consegue fazer direto no site?? Sobre Valparaíso e Viña del Mar, eu não fui, mas sei que vale a pena sim por já ter pesquisado bastante, além da indicação de amigos. É fácil ir mesmo com ônibus locais!

      Abraços

  19. Guilherme,
    Estou indo em meados de Agosto a Santiago e estou também muito ansiosa para conhecer a neve á a primeira vez que estou saindo do país e espero que seja a primeira de muuuuitas. Encantada com todas suas dicas e o melhor sua linguagem é muito popular e facilita muito rss. Parabéns pelo Blog! Agraços.

    • Oi Raphaella,

      Fico feliz em saber disso. Realmente tento passar as dicas da maneira mais simples possível!

      Tenho certeza que será a primeira de muitas viagens 🙂

      Abraços e obrigado pelo carinho

  20. Rubhia Demaman

    Olá Guilherme, estou planejando uma viagem pro ano que vem com meu namorado, pretendemos passar 10 dias em Santiago. Estou meio perdida em quantos reais devemos levar ou se é melhor levar dólar. Outra duvida é quanto aos passeios (principalmente porque queremos conhecer a neve). Alguma dica? Toda ajuda é bem vinda!! Desde já muito obrigada :*

    • Oi Rubhia,

      Acabei de voltar do Chile, e todos diziam que o dólar estava valendo mais a pena. Porém, isso pode varias de acordo com a cotação do dólar e real, em relação ao peso chileno. É preciso fazer duas contas: a primeira é comprar dólar, para depois trocar por peso; a outra é trocar diretamente o real por pesos. Aí você saberá quantos reais gastará em cada caso.

      Para ver neve, pode ir ao Valle Nevado entre maio e setembro.

      Abraços

  21. Olá Guilerme, tenho uma dúvida, alias.. váaááárias.
    Mas primeiramente, parabéns pelo blog e parabéns pela coragem de vender tudo e sair viajando para realizar um sonho – fotografar por onde passa.
    É o seguinte, estarei indo de lua de mel para Chile, mas menino, estou loka p ir lá só p ver neve…kkkk é mt caro p ir nesse vale nevado??? Fica mt longe do centro? Estamos orçando em ficar num hotel no centro de Santiago, acho que é bairro é Providencia. O que vc pode opinar e dar suas dicas p nós que queremos ver neve? E outra “coisita”, sou péssima no espanhol não falo inglês… meu noivo sim fala inglês e ai o que diz sobre isso.

    Muito obrigada desde já!

    Abcs

    Elaine

    • Oi Elaine,

      Quando será sua viagem? No Valle Nevado sempre é possível ver neve, mesmo que de longe no alto das montanhas. Se vir na temporada, entre final de maio e setembro, aí sim poderá ver neve. Claro que cada ano mudam as condições, então é contar com a sorte mesmo kkkkk. Estou no Valle Nevado agora, lotado de neve, mas não vi nevar e a previsão é para depois que já terei partido! Fica a 1:30hs de Santiago, e passar o dia não é tão caro.

      Sobre o idioma, muuuuitos brasileiros visitam o Chile, então já estão um pouco acostumados com o portunhol. Claro que saber o básico facilita. Assista alguns filmes para se acostumar, programas de TV e rádios locais (Aplicativo Radios Net). Isso acostumará seus ouvidos!

      Espero que ajude 🙂

  22. Ola Guilherme,
    Estou indo com meu namorado no inicio de agosto, nossa primeira vez em Santiago. Ele ira fazer um curso de 3 dias. Para nao ficar no hotel quero dicas do q fazer… A noite nossa programacao e sair p jantar. Tbem preciso de dicas de restaurante.. Ah vi q temos de dicar atentos c taxi. Como pegar um taxi confiavel na volta do shopping? Agradeco desde ja

    • Oi Karla,

      Indico alguns restaurantes nesse post. O bairro Bellavista é bem legal para sair a noite.

      Para ter mais segurança com taxis, use aplicativos. O Uber também já está lá. Ou então peça recomendação para o hotel, eles sempre têm taxistas conveniados. Eu, por exemplo, peguei o telefone do taxista do hotel e sempre o chamava no final da noite.

      Abraços e obrigado pela visita!

  23. Guilherme
    Estamos indo a Santiago na ultima semana de Junho e gostaríamos de sugestão de hotéis. O melhor lugar para se hospedar para quem quer conhecer os principais pontos turísticos, vinículas de cordilheiras.
    Obrigada

  24. Você tem sugestões de roteiros para valdivia?

  25. Bom dia amigo, belas dicas..

    Estou indo para o chile agora em junho, irei passar uma semana…

    Gostaria de saber, quantos reais preciso levar para passar uma semana por lá.. mais ou menos uma ideia?!

    Abraço.

  26. Anderson Rodrigues

    Olá bom dia !!! Vou ao Chile e queria saber s vale a pena esse ano levar real ou já levar o pesos chilenos ?

    Muito boa publicação !!!

    • Fala Anderson,

      Veja o post completo sobre o assunto no blog Esse Mundo é Nosso.

      Abraços

      • Guilherme , as casas de câmbio , cobram taxas extras( Iof), na hora de trocar as moedas ?

        Pelo que entendi , vc não compra pesos aqui no Brasil , leva real e troca lá , é isso ?
        Outra coisa, estou indo no fim de agosto e ficarei 3 dias , que valor vc acha legal levar para gastar , sendo econômica sem ser mão de vaca ?
        Amando seus post!!!!
        Bjo

        • Oi Viviana,

          As casas de câmbio no Brasil cobram sim IOF para comprar moedas, mas a taxa é bem mais baixa do que cartão de crédito ou pré-pago.

          Isso, você pode levar real ou dólar, e trocar por pesos lá no Chile. Acabei de voltar do Chile e estava valendo mais a pena trocar dólar, mas é preciso fazer as contas em quanto gastará em reais. Para as refeições e passeios, 50 dólares por dia é suficiente.

          Abraços

  27. Olá Guilherme,

    Parabéns pelo trabalho nesse site, realmente informações muito valiosas. Desejo que prospere cada vez mais.

    Amigo, você saberia me dizer se no início de outubro, mas precisamente entre os dias 5 e 7 seria interessante ir a vale nevado? Me refiro a paisagem em si, não tenho interesse em esquiar mas aproveitar as outras atrações em família. O que você acha? Obrigado.

    • Oi Fabio,

      Obrigado, fico feliz que esteja ajudando!

      Acho sim interessante, eu inclusive passei um dia lá no verão. Eles oferecem várias atividades fora da temporada, veja aqui. Porém, início de outubro ainda pode ser alta temporada, depende da precipitação de neve. De qualquer forma, o cenário é sim incrível!

      Espero que ajude!

      Abraços

  28. Wesley Leandro

    Oi amigo, valiosas informações, mas eu tenho vontade de ir de carro. De. São Paulo e fazer um tour pelas principais vinícolas, faço curso de Sommelier
    Que vc me diria???? E loucura??

    • Oi Wesley,

      Eu adoro viajar de carro e ainda pretendo fazer essa viagem, mas para curtir o caminho. Se seu objetivo é apenas o Chile, bem melhor ir de avião e alugar um carro por lá, ou fazer os tours.

      Abraços

  29. Betânia Gaudêncio

    Oi Guilherme amei seu blog, parabéns. Você tem ideia qual o valor que as agências cobram para os passeios ao Valle Nevado? Estamos indo em Julho. E também você tem um palpite se está melhor trocar real ou dólar? Eu tinha visto um site que tinha um conversor, mas não estou achando mais. Obrigada.

  30. edmir freitas

    Olá Amigo, estou a caminho do Chile no proximo dia 11/01/2016, muito util sua s dicas de viajem, obrigado. Abraço

  31. Cecilia Luiz de Oliveira

    Muito Objetivas.suas orientacoes. Gostei. E do.Deserto de Atacama vc foi ?

  32. Giovania Vasconcelos

    Olá Guilherme!!!

    Estarei indo em abril/17 correr a Meia Maratona de Santiago e vai ser a minha primeira viajem pro Chile queria fazer tipo mochileira e me hospedar em hostel o que você me indicaria?

    Adorei a forma de nos deixar informado sobre tudo!

  33. Boa noite, adiei minha viagem ao Chile por causa do Terremoto, iria dia 23 Agora, fiquei muito assustada Vc acha que me precipitei?Ja esteve lá E se deparou cm algum tremor mesmo que de baicha densidade?

    • Oi Nalva,

      Não presenciei tremores, mas conversei com diversos guias e todos são bem tranquilos quanto a isso. Eu não teria alterado minha viagem, a não ser que fosse algo que realmente tivesse abalado o país.

      Abraços

  34. Gilberto Ferreira

    Ola Guilherme !
    Sou de Osasco São Paulo .
    Estou indo agora em agosto para Santiago .
    Adorei as dicas ,muito obrigado !!!!!!

  35. Ola, Guilherme! Parabéns pelo site!!!
    Estávamos pensando em passar a lua de mel no Chile e ler suas publicações nos deixou ainda mais animados.
    Poderia, por gentileza, nos dar algumas orientações/dicas? Iríamos no mês de novembro e não estamos querendo ficar presos aos pacotões de agências.

    abraço
    Flávia e Alexandre

    • Oi Flávia,

      Como estará perto do verão, eu dividiria os dias entre Santiago, Valparaíso de Viña del Mar, duas cidades litorâneas que estão bem perto de Santiago.

      É super fácil para alugar um carro e fazer tudo por conta.

      Que tipo de orientação você precisa?? Difícil sem te conhecer um pouco kkkk

  36. Opa Guilherme tudo bem?

    Cara vendo aqui seu site me deu uma enorme vontade de rodar o mundo, que inclusive ta incluído na lista das coisas a se fazer antes dos 30 anos. Só acho que o mundo é muito grande e a vida muito curta :/
    Virei teu fã cara 🙂
    Quando for criar lista dos países que quero conhecer cê me ajuda né? hehe

    • Heheh oi Felipe,

      Eu passei dos 30, já conheço muitos países e ainda tenho essa enorme vontade!!

      Legal saber que te incentivo de alguma forma, bora trabalhar para conseguir.

      Precisando de ajuda estamos aí.

      Abração

  37. Olá Guilherme, que bacana o seu espaço aqui. Estou visitando agora e já curtindo bastante. Também amo viajar e faço sempre que consigo conciliar a agenda da família. Somos 4 aqui em casa. Gostamos tanto que acabei criando um espaço também para contar as várias façanhas dos meus pequenos por aí. Ainda não temos tantos carimbos no passaporte, mas continuamos acumulando. um dia quem sabe… rsrsrsrs Continue viajando e compartilhando conosco. No Chile ficamos uma semana em Santiago e outra na Ilha de Páscoa. Eles amaram. Ainda não escrevi sobre Santiago (o farei em breve, com dicas para quem tem pequenos como eu), mas já fiz sobre a Ilha. Você conhece? Vale a pena e ainda de tabela ganha mais um carimbo no passaporte. É que eles, mesmo pertencendo ao Chile, se entendem soberanos enquanto Rapa Nui e produziram um carimbo local para mimar os turistas. Bom, parabéns pelo seu espaço! Já estou seguindo! Grande abraço!

    • Oi Karin,

      Não conhecia seu espaço, afinal não tenho filhos kkkk, mas vou acompanhar. Viajar com eles realmente deve ser uma delícia.

      Ainda não conheço a ilha de Páscoa, mas está na lista 🙂

      Obrigado pela visita e comentário!

      Abraços

  38. Oi Gui,
    Vamos fazer uma escala de 12 horas em Santiago… o que vc recomenda? Abço

    • Fala Guilherme,

      Se quiser fazer um tour para ter uma visão geral de Santiago, recomendo a Turistik.

      Caso prefira fazer algo por conta, gostei muito de um mirante de Santiago, conhecido como Cerro San Cristoban. Outro também famoso é o Cerro Santa Lucia. Para comer recomendo a Confiteria Torres, o restaurante mais antigo de Santiago.

      Abraços

  39. Oi Guilherme! Gostei muito do que li sobre o Chile e vou encaminhar aos meus amigos brasileiros, que estão se preparando para ir assistir à Copa América, em junho próximo. Eu não vou desta vez, pois irei a Toronto, para os jogos Pan Americanos, em julho. Na volta, pretendo ficar em Miami, até o final do ano, estudando inglês e curtindo o que aquela cidade tem de bom. Se você tiver boas dicas, sobre esses dois lugares, super agradeço! Eu também adoro viajar, já conheço em torno de uns 30 países, mas o nosso planeta é tão grande e fascinante que, às vezes, penso que ainda nem comecei… rsrs. Também achei ótimo o seu posicionamento, sobre todos os assuntos que você abordou. Se quiser, vamos ser amigos! Grato e um abraço!

    • Opa Mauricio,

      Fico feliz que tenha gostando tanto do artigo a ponto de recomendar aos amigos…isso ajuda muito 🙂

      Esse mês vou escrever sobre o Chile, mas o próximo destino é Miami e Orlando (estive lá no carnaval). Cadestre seu email aqui nos formulários do blog, assim recebe as novidades.

      Viajando tanto assim um dia nos encontramos hehehe. Também tenho 30 e poucos carimbos no passaporte.

      Eu que agradeço a visita. Abração

  40. Olá excelente relato!!! Estou com as passagens compradas para o Chile, chego dia 25 de Junho dia 26 esta previsto a abertura do Valle Nevado, sabe me dizer se estará aberto para o publico ?

    Renee

    • Oi Renee,

      Fico feliz que tenha gostado, nas próximas semanas vou postando o restante dos artigos sobre a viagem 🙂

      Então, a previsão é dia 26 mesmo, mas isso varia de acordo com a neve. Se cair o suficiente antes dessa data, pode ser que até antecipem. Tem que ficar de olho na previsão!!

      Obrigado pela visita, abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *