Dinheiro na Itália: 11 dicas para fazer uma viagem barata

Dinheiro na Itália: 11 dicas para fazer uma viagem barata

O nosso dinheiro na Itália realmente vale menos que no Brasil, mas não precisa ser um motivo para desmotivar a viagem. Ao contrário, existem alternativas menos baratas e que podem enriquecer mais ainda sua experiência no país.

Além de um planejamento antecipado, pesar suas preferências e saber o que você não abre mão, já é metade do caminho para reduzir o impacto no bolso. Saiba que existem valores que não irão mudar e que só restará pagar, mas é possível equilibrar nos gastos de outros itens, como alimentação e transporte.

Planeje sua viagem => Dicas dos melhores hotéis da Itália

Seguro viagem para Itália »

 

Quanto gasto por dia na Itália?

Quantos euros por dia gasto na Itália

Para os viajantes que estão dispostos a abrir mão de alguns confortos em prol de uma viagem mais econômica, os gastos diários podem chegar a 60 euros por pessoa, em média, na Itália na Europa.

Esse valor inclui a hospedagem, deslocamento, alimentação e alguns custos extras de menor valor.

Claro que essa média pode variar para mais ou menos dependendo de quantas pessoas viajam com você, quantas atrações serão visitadas por dia e se haverá algum dia de descanso previsto, que reduzirá consideravelmente a média diária.

CLIQUE AQUI para comprar euro online »

 

Como fazer uma viagem barata na Itália?

Como fazer uma viagem barata na Itália?
Veneza, Itália.

A Europa não é um destino barato em si. Ou melhor, em geral, tudo é mais barato que no Brasil, mas se você converter para a nossa moeda, claro que ficará mais dispendioso. Para você ter uma ideia, com 5 euros você faz a festa no mercado!

Pensando nisso, vou te dar algumas dicas sobre dinheiro na Itália e como fazer o seu render. Entre os meus conselhos estão:

  • Escolha a época certa para viajar
  • Seja flexível com voos e bagagens
  • Saiba onde se hospedar
  • Descubra onde e como trocar seu dinheiro
  • Compre ingressos com melhor custo-benefício
  • Analise o deslocamento entre cidades
  • Estude como se locomover dentro das cidades
  • Economize na alimentação
  • Confira os melhores meses para compras
  • Busque melhores lugares para comprar souvenires
  • Não dê chance para o azar!

Dúvida => Como usar WhatsApp no Exterior

 

1) Escolha a época certa para viajar

O período de alta temporada na Itália é o verão. Nesta época, os valores de passagens e hospedagem, principalmente, aumentam muito e as opções terminam rapidamente.

Tenho um artigo sobre o verão na Itália e como aproveitar ao máximo 17 ilhas e praias italianas.

No inverno, alguns pontos turísticos possuem horários reduzidos ou fecham para reformas, o que pode prejudicar sua experiência.

E, embora o inverno tenha passagens mais baratas, as festas de final de ano sobem os preços novamente. Para te ajudar a escolher um lugar ideal para os meses mais frio, leia destinos de inverno na Itália.

Assim, os melhores meses para viajar são os do fim do inverno e verão ou nas estações intermediárias.

Ou seja, procure agendar sua viagem entre o fim de fevereiro e maio ou de setembro a novembro. Para saber mais sobre isso, leia sobre as temporadas na Itália.

 

2) Seja flexível com voos e bagagens

Passagens baratas para Itália

A busca por passagens pode ser cansativa nos meses que antecedem a viagem, mas é uma maneira de garantir o melhor preço. Ative as notificações de alerta nos sites de busca de passagens para a época que você pretende viajar.

Além disso, não deixe para comprar as passagens de última hora. Alguns confortos nos voos também fazem diferença no bolso, opte pela classe econômica e seja flexível com o tempo de viagem, voos sem escalas costumam custar muito mais!

Saiba ainda o que você está comprando. Alguns voos permitem menos bagagens, mas podem ter valores mais acessíveis.

Caso você não abra mão de viajar com várias opções de roupas ou esteja planejado para voltar com itens a mais, procure uma passagem que já inclua a quantidade de bagagens que deseja despachar. Incluí-las como um adicional ou pagar por excesso são alternativas muito custosas.

Economia​ => Chip de celular na Europa

 

3) Saiba onde se hospedar

Dicas de hospedagens econômicas na Itália
Apartamento com vista em Roma.

Outra maneira simples de economizar é saber escolher o local de hospedagem. Hoje é possível abrir mão dos tradicionais hotéis por apartamentos na Itália ou quartos dentro de residências compartilhadas.

Na hora de escolher, pesquise por lugares que tenham facilidades como cozinha e internet. Esses itens são importantes para ter gastos extras com restaurantes ou na hora de comprar mais internet para o celular.

 
 

Aqui estão alguns dos principais motivos do porquê recomendamos de olhos fechados esses passeios da GetYourGuide na Itália. Temos certeza de que ao contratar tours e excursões, você vai amar sua experiência:

  • Milhares de atividades imperdíveis para todas as idades e interesses;
  • Os preços mais baixos, garantidos - sem taxas de reserva ou cobranças ocultas;
  • Faça a pré-reserva de ingressos e pule a fila nas principais atrações com o inventário exclusivo de ingressos;
  • Mantenha-se flexível com cancelamento fácil até 24 horas antes;
  • Pagamento e bilhetes otimizados para celular para reservas onde você estiver;
  • Atendimento ao cliente amigável e experiente, disponível 24/7 no seu idioma.
 

Aposte também em localizações secundárias, como cidades vizinhas ou bairros mais afastados dos centros turísticos.

Por exemplo, ao invés de ficar no centro de Veneza, hospede-se em Mestre ou até em bons hotéis em Treviso, desde que a economia não seja exatamente o valor do transporte para deslocamento.

Descubra => Quanto custa um seguro viagem internacional

 

4) Descubra onde e como trocar seu dinheiro

Trocar seu dinheiro na Itália para economizar

O valor do euro é bastante superior ao do real brasileiro, por isso saber a melhor forma de trocá-lo é também uma forma de valorizar o dinheiro que você tem!

Assim que decidir viajar para a Itália, reserve um tempo durante a semana para acompanhar a cotação do euro e programe alertas de sites de câmbio, assim você não perde oportunidades de compra da moeda por um valor mais em conta.

Além disso, saiba quais as melhores opções para converter seu dinheiro e conheça as taxas do seu cartão de crédito. Para entender como funciona, descubra qual moeda levar para a Itália.

Já na Itália, saiba onde trocar o seu dinheiro sempre que necessário. Fazer um saque de caixa eletrônico com cartão brasileiro tem custo, mas pode ser mais baixo que trocar dinheiro físico em casas de câmbio.

Por fim, evite trocar seu dinheiro físico em locais como aeroportos e estações de trem, embora mais fáceis de encontrar, costumam ter taxas embutidas e cobrar mais caro pela transação.

Descubra​ => Roteiro na Europa (entre 7 e 30 dias)

 

5) Compre ingressos com melhor custo-benefício

Ingressos com melhor custo-benefício na Itália
Turistas no Coliseu, Itália.

Quando fizer o planejamento da sua viagem, antecipe quais atrações você gostará de visitar.

Nas cidades em que desejar conhecer mais de uma estrutura (como igrejas, teatros, museus, campanários e outros), opte pelos tickets que reúnem em um único valor a entrada em várias atrações.

Você pode verificar os valores com antecedência e até adquiri-los nos sites oficiais de cada cidade, como o Venezia Unica, Roma Pass (veja um city pass de 3 dias em Roma) e Firenze Card, por exemplo.

Em Roma, para uma viagem de dois dias pelo local, é possível gastar 28 euros para conhecer o Coliseu, o Capitólio, um museu e ainda ter direito a deslocamento de transporte público incluso no cartão válido por 48 horas. Confira os passeios imperdíveis em Roma.

   

Em Florença, o cartão válido por 72 horas é mais salgado, custa 85 euros, mas dá acesso aos Patrimônios da Humanidade localizados na cidade e ainda permite que pessoas da família com menos de 18 anos não precisem de um cartão individual.

Em Veneza, você pode personalizar seu cartão de acordo com suas preferências, os valores partem de 21 euros.

Imperdível => Passeios na Itália

 

6) Analise o deslocamento entre cidades

Trem na Itália
Trem na Itália.

A forma mais econômica para deslocar-se de uma cidade a outra depende do número de pessoas que viajarão com você. Basicamente, acima de dois viajantes, o mais acessível é viajar de carro (e evitar a autoestrada sempre que possível, para não pagar pedágio). Veja dica sobre aluguel de carro na Itália.

Caso você viaje sozinho ou não queira arriscar ao volante em um país diferente, pesquise as passagens de trem com antecedência pelo site da Trenitalia. Confira o artigo como comprar passagens de trem pelo site da Trenitalia.

Com dois ou três meses de distância da data da viagem, pode conseguir descontos de até 50% em cada passagem.

Imperdível​ => Qual é o custo de vida na Itália

 

7) Estude como se locomover nas cidades

Transporte público barato na Itália
Passe em Roma, Itália.

Dentro das cidades, principalmente na área central, onde ficam os monumentos mais famosos, o ideal é fazer o trajeto a pé para economizar.

Ou seja, a melhor dica são sapatos confortáveis, pois os centros históricos costumam ser áreas liberadas somente para pedestres ou residentes com autorização para trafegar.

Nas partes em que é possível chegar com veículo, se você não estiver de carro, opte por ônibus ou bonde. Uber (que existe em pouquíssimas cidades italianas) ou táxi são os serviços mais caros de transporte.

Caso você faça muitas rotas dentro da mesma cidade, opte pelos “carnês” com 10 bilhetes disponíveis nas tabaccherie, o valor por unidade sai mais barato. E não deixe para comprar o bilhete com o motorista, é sempre mais caro!

Leia também => Cidades mais baratas da Itália

 

8) Economize na alimentação

Como economizar nos restaurantes na Itália
Comida italiana.

A gastronomia italiana é conhecida mundialmente, mas isso não significa que você precisa comer nos restaurantes mais famosos e caros do país. Conheça mais sobre a s curiosidades da culinária italiana.

Entre os diferenciais da comida do país está a utilização de produtos de alta qualidade, que são oferecidos nos mercados também. Assim, aproveite para imergir na cultura local cozinhando pratos típicos em casa, como uma bela massa.

Os preços nos mercados certamente surpreenderão qualquer brasileiro, um quilo de massa da Barilla, que é italiana, pode custar apenas um euro.

Alguns molhos tradicionais do país já vêm prontos e são muito bons também, como o ragú ou o pesto, e custam em média um euro também. Ou seja, dá pra fazer uma refeição para uma família inteira com pouco mais de dois euros!

Sorvete barato na Itália
Gelato na Itália.

Na hora de optar por restaurantes, fuja dos centros turísticos. Os lugares que ficam em frente aos principais monumentos costumam ser os mais caros e, nem por isso, os melhores.

Peça indicações e ao invés de escolher um restaurante de frutos do mar, aproveite para degustar pratos tradicionais que custam menos, como a pizza.

Para o gelato, a ideia é a mesma, fuja dos locais mais centrais. Um preço considerado justo, mesmo pelas melhores gelaterias, é de no máximo três euros por dois sabores.

Surpreenda-se => Gastronomia italiana por região

 

9) Confira os melhores meses para compras

Compras na Itália
Loja de joias na Ponte Vecchio em Florença.

Se a intenção da sua viagem é aproveitar para fazer compras também, escolha os meses certos. Na Itália, existem duas épocas do ano em que são feitas promoções, os “saldi”.

Do final de fevereiro até meados de março são feitas as ofertas dos itens de inverno, já de julho a agosto ocorrem as promoções de verão. Em outras datas você não encontra lojas com artigos em oferta, isso é definido por lei.

Economia => Como receber impostos pagos em compras na Europa

 

10) Busque onde comprar souvenires

Comprar souvenir barato na Itália
Foto: Lucarelli, via Wikimedia Commons.

Ainda em matéria de compras, adquira as lembranças que você levará para o Brasil em locais secundários. Evite comprar esses itens dentro das atrações, como museus e igrejas, ou em frente ao monumento. A diferença pode ser pequena, mas um ou dois euros a mais em cada item fazem diferença na conta final.

Essencial => Tipos de visto para a Itália

 

   

11) Não dê chance para o azar!

Dicas para economizar dinheiro na Itália
Bilheteria oficial no aeroporto de Roma.

Na hora de economizar nem tudo é válido. Compre as entradas para as atrações nos locais licenciados, alugue sua hospedagem por sites confiáveis, cuide dos seus pertences pessoais em locais movimentados e transportes públicos.

Além disso, compre e valide os bilhetes dos transportes, atente para controladores de velocidade, pague o pedágio e o parquímetro. As multas na Itália são salgadas, principalmente para bolsos brasileiros, não dê chance para o azar!

Imperdível => Dicas de viagem para Itália

 

Dá para viajar para Itália com pouco dinheiro?

Viajar para Itália com pouco dinheiro

Lembre-se que não importa o lugar em que você estiver, existem opções para quase tudo. Se não for possível economizar em um passeio, procure equilibrar os custos de outra maneira.

Saiba também quando deixar o dinheiro em segundo plano e simplesmente se divertir no momento em que estiver. Sabe o famoso ditado “quem converte não se diverte”? Faça valer em momentos estratégicos, de acordo com as suas preferências, e quando não for possível, aposte na criatividade.

A viagem quem faz é você e dá pra fazer cabê-la no bolso para voltar sem arrependimentos ou cheio de contas para pagar.

O que não dá é para ficar em casa idealizando uma viagem com todos os confortos possíveis, com os hotéis e restaurantes mais caros, ao invés de simplesmente ir e conhecer as belezas que somente um país tão antigo e apegado às raízes como a Itália pode possuir.

 

Dica final para fazer câmbio seguro e barato para Itália

É comum ficarmos antenados na cotação da moeda estrangeira quando precisamos comprá-la. De um dia para outro, podemos gastar mais ou economizar uma grana na hora de comprar moeda estrangeira, pois a cotação é algo que varia muito, inclusive em um único dia.

Ou seja, de manhã, o dólar pode estar mais barato do que depois do fechamento das bolsas ou vice-versa… O fato é que nem sempre dá para sair correndo em uma casa de câmbio quando moedas fortes, como o dólar, euro ou libra, baixam.

Por isso, pega só essa dica: você sabia que dá para fazer câmbio online, sem sair de casa? Funciona assim: você entra no site da Confidence Cambio, faz a cotação, paga pelo valor que você precisa e a empresa leva o dinheiro no seu endereço.

E se você prefere cartão pré-pago é a mesma coisa: é só escolher o valor, pagar e esperar a entrega chegar na sua casa.

E isso não é tudo: dá para ativar notificações quando a moeda do seu interesse muda de cotação. Já pensou quanta praticidade? É o fim das taxas altas, da correria às vésperas da viagem e da insegurança ao transportar dinheiro por aí.

Saiba mais no post sobre comprar dólar e euro online. Se preferir, já compare preços e compre online na Confidence Cambio.

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?
Compare preços e compre online na Confidence Cambio »

 

Como enviar dinheiro para Itália

Para viagens mais longas, como intercâmbio ou um período amplo fora do Brasil, você pode fazer uma Remessa Online ou usar o Transferwise, que nada mais é do que transferir dinheiro da sua conta para a conta de outro país, e vice-versa.

Tudo é bem simples e seguro. Você só tem que preencher seus dados, inserir as informações da conta de destino, verificar a cotação bem como taxas e impostos aplicados, e enviar.

Toda a operação é reconhecida e autorizada pelo Banco Central do Brasil e o beneficiário recebe o dinheiro em um dia útil.

Faça sua simulação agora no Remessa Online e insira o cupom de desconto: QUEROVIAJARMAIS para ainda mais vantagens.Tire suas dívidas no post Comprar dólar e euro online.

Confira um pouco mais desse país fantástico nesse vídeo que se chama “Wonderful Italy”, do site oficial de turismo da Itália:

Você já esteve na Itália ou gostaria de ir? Deixe nos comentários sua experiência!

 

CATEGORIAS
ESCRITO POR

Bárbara Armino

ESCRITO POR

Bárbara Armino

Bárbara Armino Decimo - a Bah - é jornalista, gaúcha de apelido e nascença. Italiana nascida no Brasil, reside atualmente na Itália, onde veio resgatar as raízes da família, aprender e reconhecer-se na cultura dos seus antepassados. Ama as coisas simples da vida, o céu, o vento no fim da tarde, um chimarrão compartilhado, cafés e viagens. No momento, não economiza pernas para conhecer novos lugares.

Organize sua viagem

10 dicas para você
planejar sua viagem

Separamos as principais ofertas dos nossos parceiros para você economizar.
Clique nos itens abaixo e confira:

Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Tours Nacionais

Reserve atividades com pagamento em até 10x

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Tours Nacionais

Reserve atividades com pagamento em até 10x

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do post

  1. Diacuy

    MEU SONHO É VISITAR VENEZA ,FAZER UMA LUA DE MEL P COMEMORAR 31 ANOS DE CASADOS ADOREI AS DICAS NESSE SITE SÃO PRECIOSAS VOU ESTUDAR TODAS RS...

  2. Marília Nenilde

    Olá!! Adorei seu blog. Estou com uma dúvida e gostaria da sua ajuda. Vi que em Roma existe um cartão para acesso ilimitado às viagens de trem pela Trenitallia, em segunda classe, que não é o Roma Pass. Esse cartão é exclusivo para viagens de trem entre as cidades italianas. Gostaria de saber como reservar as passagens pelo site utilizando o cartão.

  3. Guilherme Tetamanti

    Oi Marília, Veja esse artigo exclusivo sobre a TrenItalia. Abraços