15 curiosidades da França: cultura e costumes interessantes

por Bruna Correia

15 curiosidades da França: cultura e costumes interessantes

Se você já está prestes a desembarca em solo francês, existem algumas curiosidades da França interessantes de conhecer.

Toda viagem se inicia antes do seu começo temporal, ainda nas expectativas criadas e na busca de informações sobre o destino visitado e sobre seu povo.

Segundo a Organização Mundial do Turismo, a França é o país mais visitado do mundo, e o que faz o país se posicionar tão bem nesse ranking é, sem dúvidas, a mistura de ingredientes.

Afinal, são cenários fantásticos, uma cultura e história interessantes, monumentos de tirar o fôlego, além da gastronomia, deliciosa e reconhecida mundialmente.

Estas curiosidades da França, que são fatos interessantes sobre a cultura, modo de vida, costumes, histórias e tradições francesas são um dos fatores que tornarão sua experiência e vivência turística ainda mais divertida e instigante.

O país possui costumes que chamam atenção e, por isso, selecionei uma lista com quinze curiosidades da França.

Dicas => Bairros e hotéis para se hospedar em Paris

Seguro viagem para a França »

 

Curiosidades da França

Curiosidades da França
Descubra todas as curiosidades da França.
  1. País do vinho
  2. Baguete é de lei
  3. Pain au chocolat x Chocolatine
  4. Queijo também é sobremesa
  5. Torre Eiffel
  6. Singularidades de Napoleão
  7. Friteries
  8. Quem não tem carteira pode dirigir
  9. Batata já foi proibida
  10. Nortistas são conhecidos como Ch’tis
  11. Cassinos
  12. Fête de la Musique
  13. Sobremesas não são muito doces
  14. Banheiro francês
  15. Invenções francesas que revolucionaram o mundo

CLIQUE AQUI para agendar os melhores passeios na França »

 

Fatos interessantes na França

País do vinho

Fatos incríveis sobre a França
País é um dos maiores produtores mundiais de vinho.

É praticamente impossível não falar da França quando o assunto é vinho. Uma das curiosidades da França é que o país é um dos maiores produtores mundiais da bebida e possui uma das populações que mais consome vinho per capita.

Não é à toa que existe a rota dos vinhos franceses, na verdade, várias rotas.

O vinho é a bebida alcoólica mais consumida da França e, em relação ao valor financeiro, esse país da Europa é o maior exportador de vinhos do mundo.

Além disso, a França é o país que mais produz vinho, fabricando cerca de 16% do vinho do planeta ou 41,4 milhões de hectolitros.

Dezessete regiões das antigas vinte e duas regiões francesas são produtoras de vinhos.

A variedade é imensa, além da enorme diversidade de sabores, aromas e cores.

E a legislação que envolve a vitivinicultura é extremamente rigorosa, controlando o cultivo e a produção dos vinhos e garantido a alta qualidade dos produtos.

Vinho de Bordeaux
Ele está presente na mesa dos franceses na hora das refeições.

O vinho faz parte do cotidiano dos franceses e qualquer dia é dia para apreciar um bom vinho. Ele está presente na mesa dos franceses na hora das refeições e até mesmo nos aperitivos.

Segundo pesquisa do site francês Vin et Societé, os vinhos mais comprados são os tintos (60%), em seguida o rosé (23%) e por último o branco (17%).

E se você está pensando que é necessário muito dinheiro pra sustentar todo esse consumo, saiba que na França é possível encontrar vinhos muito bons por apenas 2 ou 3 euros nos supermercados.

Esse talvez seja um dos motivos de sempre encontrar pelo menos uma garrafa nas casas dos franceses!

 

Baguete é de lei

Baguete na França
A baguete é parte fundamental na culinária francesa e está presente nas refeições.

Uma das cenas clássicas que pode ser vista e revista todos os dias são os franceses saindo das boulangeries (padarias) segurando suas baguetes.

Esse é um dos estereótipos e símbolos franceses que se aplica a vida real. Aproveite para saber quais são as pratos típicos da França.

A baguete é parte fundamental na culinária francesa e está presente nas refeições.

Diferentemente de nós brasileiros, que associamos o consumo do pão ao café da manhã, a baguete é um acompanhamento para as refeições principais e, ao final de cada refeição, os franceses literalmente limpam os pratos com pedaços de pão.

É quase uma arte escolher a baguete certa para os franceses e eles levam isso muito a sério!

Os critérios vão de acordo com as preferências de cada um, mas, de forma geral, ela deve ter uma crosta dourada, ser crocante e ao mesmo tempo macia por dentro.

São muito utilizadas para degustar queijos e patês. Os preços variam de 45 centavos no supermercado até 1 euro nas padarias.

Você notará o real papel da baguete na França quando você for a um restaurante e, antes mesmo do garçom anotar seu pedido, já coloca uma cestinha com fatias de pão para acompanhar a refeição.

 

Pain au chocolat x Chocolatine

Pão doce França
Ele é um delicioso pão folheado, recheado com chocolate.

Pain au chocolat ou chocolatine é um delicioso pão folheado, recheado com chocolate, uma preciosidade francesa que particularmente adoro! Ele é unanimidade entre jovens e adultos e vai muito bem no café da manhã ou lanche da tarde.

Há um eterno debate entre os franceses em relação ao nome desse tesouro da culinária francesa.

No sul da França, as pessoas chamam de chocolatine e já na parte norte do país de pain ou chocolat ou até petit pain au chocolat.

O curioso é que se você for na região sudoeste da França e pedir um pain au chocolat, provavelmente irão te corrigir ou não irão te entender. E por incrível que pareça, estas são apenas duas das principais variações de nome dessa iguaria.

Você pode encontrá-la com o nome de croissant au chocolat, couque au chocolat ou simplesmente petit pain.

Bom, independente do nome, o mais importante é que o pain au chocolat continua sendo uma das coisas mais gostosas da França!

 

Queijo também é sobremesa

Onde comer queijo na França
Eles têm o hábito de comer um pedaço de queijo após o almoço.

A França é conhecida como o país dos queijos e esse título é muito merecido.

O país produz cerca de 1200 tipos de queijos, segundo o Centre National Interprofessionnel de l’Economie Laitière. Porém, esse número varia de acordo com as fontes e metodologia.

O queijo é considerado patrimônio gastronômico do país e não pode faltar na mesa dos franceses, principalmente como sobremesa.

 
 

Aqui estão alguns dos principais motivos do porquê recomendamos de olhos fechados esses passeios da GetYourGuide na França. Temos certeza de que ao contratar tours e excursões, você vai amar sua experiência:

  • Milhares de atividades imperdíveis para todas as idades e interesses;
  • Os preços mais baixos, garantidos - sem taxas de reserva ou cobranças ocultas;
  • Faça a pré-reserva de ingressos e pule a fila nas principais atrações com o inventário exclusivo de ingressos;
  • Mantenha-se flexível com cancelamento fácil até 24 horas antes;
  • Pagamento e bilhetes otimizados para celular para reservas onde você estiver;
  • Atendimento ao cliente amigável e experiente, disponível 24/7 no seu idioma.
 

Eles têm o hábito de comer um pedaço de queijo após o almoço ou o jantar, que pode ser acompanhado de um pedaço de pão.

Conheço vários franceses que não trocam o queijinho pós-refeição por uma mousse de chocolate, por exemplo. Apesar de serem conhecidos por fazer maravilhas na confeitaria, eles não comem muitos doces.

Como mineira que sou, confesso que gosto de degustar um pedaço de queijo com doce de leite de sobremesa e, particularmente, não troco uma sobremesa clássica por queijo.

Mas é interessante e curioso ver a versatilidade do queijo na culinária francesa, que pode ser servido como aperitivo, em pratos principais e até como sobremesa!

 

Torre Eiffel

Torre Eiffel França
Ela foi construída pelo engenheiro Gustave Eiffel e pelo arquiteto Stephen Sauvestre.

Um dos monumentos mais visitados do mundo e símbolo da capital francesa, a Torre Eiffel foi originalmente montada para um evento e, logo em seguida, ia ser desmontada.

Com 324 metros de altura, ela foi construída pelo engenheiro Gustave Eiffel e pelo arquiteto Stephen Sauvestre em 1889.

A competição l’Exposition Universelle, que tinha por objetivo colocar em evidência o poder industrial da França bem como sua superioridade para outros estados, realizada pelo governo francês, escolheu os futuros construtores da torre.

Gustavo Eiffel, ao longo dos anos, foi estudando a torre e criando possibilidades de utilização para que esta não fosse destruída e, assim, foram feitas algumas instalações científicas na mesma.

Porém, a instalação de uma estação de rádio, utilizada pelas as forças armadas, foi o que a permitiu ter um papel útil, uma vez que justificava a necessidade da sua existência, e assim, salvá-la da destruição.

 

Singularidades de Napoleão

Curiosidades de Napoleão Bonaparte
Imperador beliscava as pessoas | Foto: Jacques-Louis David, via Wikimedia Commons.

Napoleão Bonaparte, general e imperador francês, entrou na história por suas conquistas no século XIX. Contudo, há alguns registros interessantes e engraçados do imperador que não são encontrados nos livros de história.

O imperador possuía o hábito de beliscar as pessoas, como sua maior marca de afeição.

Segundo relatos, quando estava de bom humor, beliscava as orelhas e bochechas de seus amigos próximos, apertava os narizes das damas e os queixos dos bebês, para o desgosto de suas mães.

Napoleão lia bastante, mas escolhia bem suas leituras. Se, por ventura, o livro não o agradasse, não se contentava apenas em parar a leitura, ele queimava o livro.

Além disso, se cruzasse o caminho de alguém que estivesse lendo um livro que considerava ruim, ele confiscava o livro e o queimava também.

O imperador francês classificou a necessidade do sono como sendo de “seis horas para um homem, sete horas para uma mulher e oito horas para um imbecil”.

 
Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a America Chip, você ganha 10% de desconto com o cupom QUEROVIAJARMAIS para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão 4G de ALTA VELOCIDADE em diversos países. Conheça as vantagens:

  • Receber o chip na sua casa ainda no Brasi;
  • A configuração do chip é extremamente fácil;
  • Os planos têm excelente custo-benefício, com preço a partir de USD 31,00;
  • Muita economia, porque você contrata apenas os dias que for usar;
  • É sem dúvida a opção mais fácil, prática e segura para ter a melhor internet 4G;
  • Já falei internet ilimitada? ;)
 
   

O próprio Napoleão dormia apenas três ou quatro horas por dia, apesar de não recusar tirar um cochilo.

 

Friteries

As friteries ou baraque à frites são pequenos carros de lanche, estilo food truck, que são especializados na venda de batata fritas, fricadelles, bolinhos e todo o tipo de snack fritos, típico da região norte da França.

A friteries são um patrimônio gastronômico e cultural do norte da França, que possui forte influência da cultura belga, devido à proximidade com o país.

É possível encontrar as friteries espalhadas pelas cidades do norte do país, já no sul, raramente você vai encontrar uma.

As baraques à frites são reconhecidas pela excelência de suas batatas fritas, que segue o estilo das famosas fritas da Bélgica e faz parte do cotidiano dos nortistas.

Se você é fã de street food e passar pelo norte da França, não deixe de provar as batatas fritas de alguma friterie, faz parte de um passeio imperdível em Paris.

 

Quem não tem carteira pode dirigir

Dirigir sem carteira na França
Voiture sans permis | Foto: Automobiles Chatenet, via Wikimedia Commons.

Quem não tem carteira de motorista na França tem a possibilidade de dirigir uma voiture sans permis ou carro sem habilitação em português.

Ele é um veículo pequeno, de apenas dois lugares, no qual qualquer indivíduo maior de 14 anos pode dirigir.

Contudo, como nem tudo é tão simples assim, para pessoas nascidas depois do ano 1987, que desejam dirigir sem carteira, é necessário passar em um exame teórico sobre o código de trânsito francês.

É uma das curiosidades da França inusitada e até mesmo perigosa, na opinião de algumas pessoas.

Entretanto, é importante frisar que esse carro possui a velocidade máxima de 45 km/h. Assim, causa mais aborrecimento aos motoristas impacientes do que acidentes.

Há vários modelos, inclusive alguns que chegam a custar mais de 14 mil euros.

E, por incrível que pareça, há muitas pessoas que o utilizam, principalmente em pequenos vilarejos, visto que ele continua sendo um meio de transporte essencial para a população rural. Veja também como é alugar um carro na França.

 

Batata já foi proibida

Curiosidades sobre a batata na França
Cultivo foi banido, pois, segundo os franceses, ela transmitia lepra.

Outra das curiosidades da França tem a ver com comida. A batata é um alimento muito importante na culinária do país, já falei sobre ela acima, e está presente na mesa dos franceses quase sempre.

Eu arriscaria dizer que a batata representa para os franceses o que o arroz e feijão representa para nós brasileiros. Porém, a história não foi sempre assim.

Inicialmente, a batata foi trazida pelos espanhóis e cultivadas apenas para alimentar animais. Em 1748, o seu cultivo foi banido, pois, segundo os franceses, ela transmitia lepra.

Antoine-Auguste Parmentier, boticário, agrônomo e nutricionista francês, buscou a ajuda do rei Luis XVI para a aprovação de uma lei que protegia sua plantação de batatas e foi dessa forma quem, em 1772, a lei que bania a batata foi extinta.

Hoje, ela continua sendo um dos principais alimentos do país e pode ser degustada nas mais diversas formas como purês, fritas, gratins ou sautés, agregando muito sabor à gastronomia francesa.

 

Nortistas são conhecidos como Ch’tis

Norte da França
Região norte agrega muita cultura e especificidades.

A imagem da França é associada, principalmente a Paris, com todo seu charme, romantizada através de seus monumentos incríveis e por seus destinos de praia badalados, como Nice, Saint Tropez e Cannes. Saiba quais são as cidades da França mais bonitas!

Contudo, a região norte, esquecida por muitos e considerada o fim do mundo pelos próprios franceses, é uma região que agrega muita cultura e especificidades.

Os nortistas são conhecidos como “ch’tis”, estereotipados e até sofrem um certo tipo de preconceito devido ao seu modo de vida, costumes e principalmente a forma de falar.

Ch’ti é originalmente uma língua e a maneira que os nortistas falam, com todos os chiados e variações da língua francesa, o que torna o francês realmente quase uma outra língua e difícil de compreender até mesmo para os fluentes.

O frio do norte pode ser realmente insuportável para algumas pessoas, mas é uma região que possui muita história com suas construções medievais, vestígios da guerra e sua rica cultura.

Os franceses do Norte são considerados frios e distantes, porém, uma vez que você visita essa região, você descobre como são simpáticos e acolhedores.

Pra quem quer conhecer um pouco mais sobre os ch’tis, deixo a sugestão do filme “Bienenue chez les ch’tis” ou em português “A Riviera não é aqui”.

Um filme divertidíssimo que mostra a quebra de estereótipos dessa região com muito humor e apresentando um pouco da cultura do norte da França. Vale a pena conferir!

 

Cassinos

Cassino na França
Há mais de 190 cassinos espalhados pelo país.

Muita gente não sabe, mas na França, o cassino é legalizado. Há mais de 190 espalhados pelo país, principalmente em cidades turísticas.

Eles seguem uma lei onde só podem ser instalados em cidades com menos de 500 mil pessoas, dessa forma, o objetivo é combater o vício e restringir a frequentação de turistas.

Os cassinos foram proibidos em Paris durante cem anos, devido a lavagem de dinheiro, e recentemente foram inaugurados alguns “clubes de jogos” para uma fase de experimento.

Esses clubes não podem ser chamados de cassinos, pois não possuem algumas das principais máquinas desse tipo de estabelecimento.

É uma experiência divertida pra quem não conhece, pois é um ambiente diferente, divertido e que te convida a gastar seus euros. Dependendo do cassino, há uma enorme opção de jogos e máquinas que te instigam a tentar ficar rico sempre.

Mas, vá com calma, pois seu dinheiro pode escorrer pelo ralo muito mais rápido do que você espera.

 

 
Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 20% de desconto usando o cupom PAI, é só clicar no botão.

Conheça as principais vantagens:

  • Melhor preço garantido, cobertura de qualquer oferta de seguro viagem;
  • Assistência médica e hospitalar, seguro de cancelamento e atraso de voos, seguro bagagem, reembolso com despesas médicas e muito mais;
  • É mais barato do que comprar direto nas seguradoras;
  • Cancelamento da contratação sem taxas até 48 horas antes da viagem;
  • Parcelamento em 12x sem juros nos cartões de crédito;
  • Compras com boleto bancário têm 5% de desconto;
  • Atendimento ao cliente 24hs em português.
 

Fête de la Musique

Fête de la Musique
Evento ocorre na França anualmente | Foto: Thomas Bresson, via Wikimedia Commons.

A Fête de la Musique ou a festa da música é um evento que ocorre na França, anualmente, no dia 21 de junho, noite que celebra a chegada do verão.

   

É um dos eventos que considero mais legais no país, pois é feito para e pelo público.

Este evento é de cunho festivo e participativo. Shows acontecem por todo o território francês, apresentando cantores já consagrados e também amadores, reunindo milhares de pessoas nos espaços públicos.

Muitas iniciativas são realizadas em toda a França e músicos se instalam nas praças, ruas, pátios, jardins, estações de trem, quiosques, etc.

É um evento inclusivo que gera uma troca entre a cidade e suas periferias, inclui as comunidades rurais e promove o trabalho em várias esferas.

 

Sobremesas não são muito doces

Doces em Paris
Confeitaria francesa é menos doce ao paladar.

A França é aclamada pela sua patisserie que possui uma variedade imensa de doces bem elaborados e que agradam a todos os paladares. Se compararmos a confeitaria brasileira com a francesa, de fato, a francesa é menos doce ao paladar.

Talvez porque nós, brasileiros, nadamos na lata de leite condensado e utilizamos esse item, que já é extremamente doce, como base de muitas sobremesas, o que, eu particularmente, aprecio.

Aqui na França, existem muito doces que têm como estrela principal as frutas e, consequentemente, um sabor menos adocicado.

A forma na qual são feitos os doces aqui, em várias etapas e com muita técnica, permite dosar bem a quantidade de açúcar dos quitutes franceses.

Mas, de uma forma geral, até sobremesa com cremes e chocolates não são açucaradas em demasia.

Conheço franceses que adoram nosso brigadeiro e outros que acham nossa iguaria exageradamente açucarada.

Então, acredito também que é uma questão de gosto pessoal. A verdade é que os doces franceses são deliciosos!

 

Banheiro francês

Salle de bain
Salle de bain é onde fica a ducha e/ou a banheira.

Outra das curiosidades da França é o banheiro diferente do estilo que conhecemos no Brasil. Existe o toilette que é o lugar onde fica apenas o vaso sanitário e a salle de bain, onde fica a ducha e/ou a banheira.

O que mais me irrita nesse esquema de banheiro francês é que na maioria dos lugares não tem uma pia onde fica o vaso sanitário.

Além de ser pouco prático e anti-higiênico, é um pouco estranho quando se é visita e não se sabe ao certo onde lavar suas mãos.

Já a salle de bain normalmente tem pia, uma ducha ou uma banheira com uma ducha dentro. Você fica de pé na banheira, mas tomando um banho de chuveiro. Seria cômico se não fosse tão complicado!

Mas, você se acostuma com o passar do tempo.

Em alguns lugares, é possível encontrar banheiros como os que estamos acostumados no Brasil, principalmente em pequenos imóveis, onde se tem apenas um quarto.

 

Invenções francesas que revolucionaram o mundo

onde foi inventada a bicicleta
Bicicleta foi inventada em 1861, na França.

Muitas pessoas desconhecem o fato de que os franceses inventaram objetos que mudaram e facilitaram a vida cotidiana e que são importantes até hoje. A bicicleta foi inventada em 1861, quando o Francês Pierre Michaux inventa o sistema de pedais.

Foi um grande sucesso na França e abriu as portas para o desenvolvimento de outros modelos.

Já o soutien-gorge ou sutiã foi inventado por Herminie Cadolle em 1889 e apresentado na Feira Mundial de Paris sob o nome de “Bien-Être” ou bem-estar em português. O primeiro modelo foi um espartilho cortado na altura do peito para ser mais confortável.

E, claro, o champagne que ninguém sabe fazer em outro lugar, só na França! Ele nasceu no ano de 1114 entre os monges champenois.

Mas não era o champanhe que conhecemos hoje: era vermelho e não espumante.

 

Fique por dentro das curiosidades da França

A França é um destino que encanta não só pelos seus lindos lugares, mas por sua cultura, arquitetura, gastronomia, arte e história.

Conhecer um pouco sobre as curiosidades da França nos permite imergir ainda mais na cultura do país.

Espero que você tenha gostado das curiosidades da França que te apresentei neste artigo. Au revoir!

Qual das curiosidades da França te deixou mais surpreso? Responda nos comentários!

Até + !!!

 

CATEGORIAS
ESCRITO POR

Bruna Correia

ESCRITO POR

Bruna Correia

Bruna, 30 anos, é mineira, turismóloga e reikiana. Aquariana e sonhadora, desde criança sempre teve em mente que o mundo é muito grande para se criar raízes em apenas um lugar. Adora viajar, descobrir novas culturas e escrever sobre suas aventuras.

Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Melhores Hotéis

Descubra as melhores opções de hotéis para se hospedar

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Roteiro de Viagem

Confira tudo sobre o que fazer durante seus dias no destino

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Melhores Hotéis

Descubra as melhores opções de hotéis para se hospedar

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Roteiro de Viagem

Confira tudo sobre o que fazer durante seus dias no destino

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Quero Viajar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do post

  1. moacir venturini junior

    excelente informaçoes sobre a frança