Torre Eiffel: preço, tour, história, curiosidades e dicas

Torre Eiffel: preço, tour, história, curiosidades e dicas

Torre Eiffel, Chegou o dia de falar sobre o maior e mais impactante símbolo de Paris. Aquele cartão-postal que já faz bater mais forte o coração de qualquer apaixonado por essa cidade, só de ouvir falar sobre ele.

Parece exagero? Pois é só perguntar para uma pessoa que volta da capital da França o que ela sentiu ao ver a torre mais famosa do mundo pela primeira vez. Você vai descobrir que a grandeza do monumento impressiona até mesmo os menos derretidos pela cidade, já que ninguém consegue ficar indiferente a ele.

Se você está programando a sua viagem para Paris e está em contagem regressiva para ver a dama de ferro com seus próprios olhos, acompanhe todas as minhas dicas para aproveitar esse ponto turístico ao máximo.

Planeje sua viagem => Onde se hospedar em Paris

Seguro viagem Europa »

 

História da Torre Eiffel em Paris

Pontos turísticos da França
Fundada em 1889, a torre é um dos pontos turísticos mais visitados do mundo.

Quando foi construída no ano de 1889, única e exclusivamente para integrar a feira Exposition Universelle, a torre treliça de ferro tinha data marcada para ser desmontada e deveria ficar exposta por apenas 20 anos.

O evento, promovido pelo governo em homenagem ao centenário da Revolução Francesa, atraiu a atenção do renomado engenheiro Gustave Eiffel (daí o nome da torre) que projetou o monumento em ferro ao estilo art nouveau e teve a sua obra selecionada para ser o portal da feira.

A ideia inicial era que ela fosse desmontada duas décadas após o evento, mas a torre foi “salva” graças à perspicácia de seu criador, que passou a inventar utilidades para a majestosa — e até então inútil — construção.

Eiffel colocou logo acima dos arcos de sustentação do primeiro patamar da torre os nomes dos 72 cientistas mais relevantes da época e incentivou a instalação de uma estação meteorológica lá no alto, com o objetivo de estudar os ventos.

Porém, foi a inauguração de uma estação de rádio na torre que justificou a importância de sua permanência definitiva. A estação era inicialmente usada pelas forças armadas do país, e teve papel decisivo durante a Segunda Guerra Mundial.

A torre foi construída com 324 metros de altura, em três níveis, e até o ano de 1930 era a estrutura mais alta do mundo. Apesar de sua altitude elevada e de pesar mais de 10 mil toneladas em ferro, a Torre Eiffel levou apenas dois anos para ser construída.

Como na época de sua construção não existiam elevadores, os visitantes subiam os 1700 degraus até o topo pelas escadarias que se entrelaçam em sua estrutura metálica. Tudo isso para ter uma vista panorâmica de Paris a partir do ponto mais alto da cidade.

Gustave Eiffel era tão adepto a obras grandiosas que também já havia participado anteriormente da construção da Estátua da Liberdade, nos Estados Unidos, e da Ponte Maria Pia, na cidade do Porto, sendo essa também uma construção treliça, tipo de estrutura que acabou se tornando a marca registrada do engenheiro.

Agende => Passeios imperdíveis em Paris

 

Preço da Torre Eiffel

Torre Eiffel
Torre Eiffel foi construída em dois anos, dois meses e cinco dias.

Pelo site oficial da Torre Eiffel, os ingressos são vendidos com dois meses de antecedência. Adquirir o ticket antecipadamente é bem vantajoso para quem gosta de viajar com o roteiro totalmente determinado e pode resultar em menos tempo nas filas. Para adultos, os preços começam em 16,30 € e o bilhete dá direito a subir até o segundo andar de elevador.

Para a mesma modalidade de bilhete, jovens de 12 a 24 anos pagam meia-entrada (8,10 €) e crianças de 4 a 11 anos pagam 4,10 €. Menores de 4 anos têm acesso gratuito.

Para subir até o topo da torre, ou seja, até o terceiro piso que fica a 300 metros do chão, os ingressos de elevador custam um pouco mais e será preciso desembolsar 25,50 € por adulto. A meia-entrada (12-24 anos) custa 12,70 € e crianças de 4-11 anos, além de deficientes e seus acompanhantes, pagam 6,40 €.

Para comprar os ingressos para o topo da Torre Eiffel pelo site oficial é preciso ser ágil, pois geralmente eles se esgotam rapidamente. Então, a dica é correr para o endereço online assim que estiver com sua estadia em Paris resolvida. Se for comprar online, opte para receber o seu ingresso por e-mail. Então, é só imprimir e levar com você no dia da visita ao monumento.

A Get Your Guide também vende inúmeros tipos de acesso à Torre Eiffel, bem como passeios guiados pela Torre Eiffel, tours privados, excursões, jantares entre outras atividades.

Imperdível => Excursão guiada a Torre Eiffel com acesso ao topo

 

 
 

Aqui estão alguns dos principais motivos do porquê recomendamos de olhos fechados esses passeios da GetYourGuide na França. Temos certeza de que ao contratar tours e excursões, você vai amar sua experiência:

  • Milhares de atividades imperdíveis para todas as idades e interesses;
  • Os preços mais baixos, garantidos - sem taxas de reserva ou cobranças ocultas;
  • Faça a pré-reserva de ingressos e pule a fila nas principais atrações com o inventário exclusivo de ingressos;
  • Mantenha-se flexível com cancelamento fácil até 24 horas antes;
  • Pagamento e bilhetes otimizados para celular para reservas onde você estiver;
  • Atendimento ao cliente amigável e experiente, disponível 24/7 no seu idioma.
 

Ingressos presenciais para a Torre Eiffel

Ingressos para a Torre Eiffel em Paris
Margens do Rio Senna complementam a paisagem da Torre Eiffel.

Se você não conseguir comprar o seu ingresso online pelo site oficial para a data da sua viagem, não se desespere. Eles acabam rápido mesmo, pois são disponibilizados em uma quantidade reduzida, inferior ao total de ingressos destinados para aquela data, que são priorizados para a compra in loco.

Dessa forma, é só chegar à bilheteria da torre no dia escolhido para visitá-la e encarar as filas para adquirir os seus ingressos.

Mas, se você detesta filas (quem gosta, não é mesmo?), a opção para subir pelas escadas costuma ser bem vazia e ainda é mais econômica. Se escolher subir a pé, você ainda pode decidir chegar somente até o segundo andar — a vista já é bem bonita, acredite — ou então escolher a alternativa de “escadas+elevador”, e pegar o elevador rumo ao topo a partir do segundo nível.

Ambas as opções de compra estão disponíveis somente nas bilheterias da torre. Os preços para subir de escadas somente até o segundo andar são: 10,20 € para adultos; 5,10 € para jovens de 12-24 anos; 2,50 € (4-11 anos) e 2,50 € para deficientes e seus acompanhantes. Leia um post sobre como evitar filas para o ingresso da Torre Eiffel.

Na alternativa “escada+elevador”, adultos pagam 19,40 €; os jovens 9,70 € e as crianças e deficientes são tarifadas em 4,90 €. Menores de 4 anos não precisam de ingresso.

A aventura de subir a torre pelas escadas, como faziam os franceses quando ela foi inaugurada, é uma delícia, mas não é indicada para todos. São 704 degraus de uma subida em zigue-zague, que é dura, porém não impossível. Devagar, ela pode ser feita até mesmo por crianças.

Se decidir encarar, vá com um tênis confortável, suba sem pressa e aproveitando a vista de cada nível, e leve uma garrafinha de água na bolsa para matar a sede quando chegar lá em cima.

 
Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 20% de desconto usando o cupom VERAO, é só clicar no botão.

Conheça as principais vantagens:

  • Melhor preço garantido, cobertura de qualquer oferta de seguro viagem;
  • Assistência médica e hospitalar, seguro de cancelamento e atraso de voos, seguro bagagem, reembolso com despesas médicas e muito mais;
  • É mais barato do que comprar direto nas seguradoras;
  • Cancelamento da contratação sem taxas até 48 horas antes da viagem;
  • Parcelamento em 12x sem juros nos cartões de crédito;
  • Compras com boleto bancário têm 5% de desconto;
  • Atendimento ao cliente 24hs em português.
 

Dica valiosa: se você visitar Paris na alta temporada (primavera e verão), as longas filas para comprar os ingressos da Torre Eiffel serão inevitáveis. Por isso, chegue antes dos guichês abrirem e, mesmo assim, tenha em mente que a espera pode demorar cerca de uma hora.

Por falar nisso, veja como é:

Independente da forma escolhida para subir, tenha certeza que será uma experiência inesquecível e que você poderá riscá-la da listinha de coisas incríveis para fazer na vida.

Confira => Torre Eiffel sem fila e passeio de barco pelo Rio Senna

 

Como chegar a Torre Eiffel

Como chegar na Torre Eiffel
Aconselha-se utilizar o metrô de Paris para chegar a Torre Eiffel.

Para chegar até a Torre Eiffel existem várias formas, sendo de metrô a mais prática. Isso porque as linhas são bem sinalizadas e três delas passam bem próximas a torre.

Você pode optar por descer nas estações Ecole Militaire (linha 8), Bir-Hakeim (linha 6) ou na Trocadero (linha 9). Eu, particularmente, recomendo descer nessa última, para já chegar dando de cara com a dona e proprietária da paisagem parisiense e fazer incontáveis fotos. E se você tem dúvidas de locomoção na Cidade Luz confira as vantagens do Paris Pass.

Agora, se você tiver tempo para uma segunda visita pela região da torre, ou quiser dar um pulo somente para dizer aquele famoso “até logo” para a primeira-dama da cidade, escolha a linha 6 do metrô. Durante o trajeto externo dessa linha, é possível ser agraciado com a vista de um ângulo inédito e bastante inusitado da torre, emoldurado pelas vidraças do metrô.

De ônibus, a linha com parada mais próxima do monumento, praticamente aos seus pés, é a 82. Para descobrir outras formas de chegar até o ponto turístico, basta acessar o site da Torre Eiffel.

Romântico => Cruzeiro ao pôr do sol em Paris

 

Dicas de tours pela Torre Eiffel

Torre Eiffel em Paris
Vista da Avenida Anatole do alto da Torre Eiffel.

Quem sobe a Torre Eiffel encontra lá em cima atrativos que vão além da espetacular vista de Paris. Um deles é o percurso chamado “Descobertas”, que reúne informações sobre a história de construção da torre, bem como fatos curiosos que marcaram a sua existência.

É possível até fazer um tour por uma exposição que reúne todos os pôsteres de filmes do cinema mundial em que a torre apareceu, seja como protagonista ou coadjuvante, ilustrando as tramas passadas em Paris. Praticamente um bônus para os cinéfilos!

Para os fãs da alta gastronomia, no segundo andar, está o badalado restaurante Les Jules Verne, do chef Alain Ducasse, que funciona através de reservas. Os preços, como se pode imaginar, não são baixos e começam em 190 € por pessoa. Mas a boa notícia é que além de fazer uma refeição admirando a vista da cidade, você ainda evita qualquer tipo de fila, pois sobe pelo elevador privativo do restaurante.

Um detalhe importante é que as reservas precisam ser feitas pelo site oficial do Les Jules Verne com muita antecedência. Possivelmente, você só vai começar a encontrar vagas disponíveis para três meses a partir da data em que estiver lendo este artigo!

Já no primeiro andar, fica localizado o Restaurant 58, que está a exatos 58 metros de altura. Essa é uma opção um pouco mais acessível, com preços a partir dos 95 € por pessoa. O esquema de reserva é o mesmo, porém como os preços são menores, os lugares para um jantar no local tornam-se ainda mais disputados.

No térreo, no primeiro e segundo andar, também existem as opções de lanchonetes, onde o visitante pode pedir bebidas quentes ou frias, além de petiscos rápidos para comer no local ou levar para a viagem. Aproveite para descobrir onde comer em Paris.

No alto da torre, os viajantes ainda encontram um bar especializado em champanhe, o vinho branco espumante produzido exclusivamente na região francesa de Champagne, além de no segundo andar outro bar exclusivo para os típicos e deliciosos macarons.

Além disso, há boutiques e lojas de lembrancinhas em todos os andares, caso você queira desembolsar uma quantia considerável para comprar um mimo para alguém que ficou no Brasil e que tenha sido adquirido na própria Torre Eiffel. Porém, se quiser economizar, leia o post sobre compras em Paris, com dicas de lugares mais acessíveis.

 
Procurando opção de hospedagem mais segura por causa do Coronavírus?

A melhor alternativa é alugar imóveis, para se hospedar com conforto e segurança!

Devido a nossa parceria com a Airbnb, você receberá até R$ 350,00 de desconto na primeira reserva, e o cadastro é sem compromisso. Algumas vantagens do Airbnb:

  • Possibilidade de dividir o imóvel com um grupo de amigos ou família;
  • Tarifas mais baratas que hotéis;
  • Comentários 100% autorais;
  • A comodidade de sertir-se em casa.
 

Falando em quantias altas, tanto na torre quanto nos seus arredores, será bastante difícil consumir qualquer coisa por preços justos. Afinal, estamos falando da região mais cara de Paris, onde toda a rede de serviços lucra com o turismo. E para saber como economizar, leia também um post sobre qual moeda levar a França.

Por esse motivo, se você está viajando com os euros contados, a melhor saída para recarregar as baterias depois da subida e matar a fome é passar em um supermercado ou boulangerie a caminho da torre, comprar algumas guloseimas e fazer um piquenique no gramado do Campo de Marte, bem aos pés da atração principal da cidade.

Muitos turistas fazem isso e você ainda terá mais tempo para apreciar a grandeza da estrutura da torre, dessa vez de outro ângulo. E, por falar nisso, confira os lugares de Paris com as melhores visitas para a Torre Eiffel.

Delícia => Almoço no restaurante 58 da Torre Eiffel

 

Curiosidades da Torre Eiffel

Atrativos na França
Independente da época do ano, a Torre Eiffel sempre estará movimentada.

Hoje todos nós reconhecemos a Torre Eiffel como a primeira-dama de Paris e o mais emblemático símbolo da França, mas essa história de tanto prestígio nem sempre foi assim.

Pouca gente sabe, mas, por muito tempo, o cartão-postal mais famoso do mundo foi considerado feio pelos franceses. Além de questionarem a sua utilidade, a população local também se preocupava com o impacto estético que a gigantesca estrutura metálica causaria na paisagem às margens do Sena.

Parece até mentira que o símbolo da cidade gerou tanta discórdia, mas representantes da sociedade da época chegaram até mesmo a redigir manifestos indignados em protesto à construção da torre, estrutura que, segundo eles, ameaçava o bom gosto dos franceses.

Outra curiosidade é que apesar de muitos pensarem que a Torre Eiffel é a estrutura mais alta da França (e ela foi por muito tempo), hoje ela ocupa a segunda posição da lista, ficando atrás do Viaduto Millau (343 metros), que fica no sul do país e é praticamente um estranho aos brasileiros.

Atualmente, a torre é o monumento pago mais visitado em todo o mundo e um fato interessante a seu respeito é que, no verão, ela “cresce” 15 centímetros, em razão da dilatação do ferro quando exposto a temperaturas altas. Confira tudo o que fazer no verão em Paris.

A Torre Eiffel mexe tanto com o imaginário das pessoas que possui diversas réplicas espalhadas pelo mundo. Suas cópias estão por lugares como Las Vegas (Estados Unidos), Sucre (Bolívia), Tóquio (Japão), Hangshou (China), Urais (Rússia), Calcutá (Índia) e Naqura (Líbano).

Recomendo => Excursão guiada à noite pela Torre Eiffel

 

Um passeio inesquecível pela Torre Eiffel

Independente da época do ano que você escolher para a sua vista, ou da sua companhia de viagem, ver a Torre Eiffel com os próprios olhos é, sem dúvida, uma experiência que você jamais esquecerá na vida, principalmente se sempre sonhou em conhecer Paris. Inclusive, se você ficar em um dos melhores hotéis de Paris com vista.

Quer mais uma dica para pôr em prática quando conhecer o destino? Tire quantas fotos puder, pois você sem dúvidas vai amar olhar para elas durante a vida inteira. Veja toda a beleza da Torre Eiffel nesse vídeo do site oficial de turismo de Paris:


E você, já teve a honra de conhecer e passear pela Torre Eiffel? Compartilhe conosco sua opinião nos comentários!

Até + !!!

 

ESCRITO POR

Silvia Montico

ESCRITO POR

Silvia Montico

Silvia Montico tem 33 anos, é jornalista, fotógrafa e ativista pelos direitos dos animais. Ama viajar e vivenciar os destinos visitados como uma moradora local. É apaixonada por cinema, praia, vinho e sonha morar em uma casinha no meio da natureza.

Organize sua viagem

10 dicas para você
planejar sua viagem

Separamos as principais ofertas dos nossos parceiros para você economizar.
Clique nos itens abaixo e confira:

Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes de Viagem

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Ingressos

Reserve as entradas para tours, atividades e espetáculos

 

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes de Viagem

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Ingressos

Reserve as entradas para tours, atividades e espetáculos

 

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *