Início / Europa / Itália / O que fazer em Florença? Tudo sobre a capital da Toscana

O que fazer em Florença? Tudo sobre a capital da Toscana

Florença é a capital da Toscana, uma região muito interessante do país. Somente esse título já deveria ser suficiente para te convencer de que você precisa incluí-la no seu roteiro pela Itália! Se isso não basta, lá vai: histórica, cultural, cheia de atrativos naturais e paisagens deslumbrantes. A cidade tem tanto a oferecer. Portanto, há muito o que fazer em Florença!

Para te ajudar a organizar sua viagem fiz este post, abordando informações importantes sobre a cidade, respondendo suas dúvidas sobre “o que não posso perder”. Assim, você saberá o que visitar em Florença, como se locomover e onde ficar. Além disso, dou dicas de compras, programações culturais e culinárias.

Leia também => Entenda de vez o seguro viagem obrigatório para Europa

Chip de celular na Europa: internet ilimitada com a EasySIM4U »

 

O que visitar em Florença?

O que fazer em Florença
Duomo de Florença.

Como a cidade não é muito grande, os principais pontos turísticos de Florença estão bem próximos um dos dos outros. A Duomo de Florença ou Santa Maria Novella é o principal deles e sua cúpula é um verdadeiro primor.

Os museus e galerias são um atrativo à parte. Afinal, estamos na cidade em que Davi, obra-prima de Michelangelo, pode ser apreciada na Galleria degli Uffizi. A Ponte e o Palazzo Vecchio também são lugares que valem a pena uma visita.

Para te ajudar a se locomover entre esses lugares tem um post sobre o Transporte público e como se locomover em Florença. A Toscana não conta com uma malha de metrô extensa, como outras das cidades europeias, por isso você precisa saber quais são os meios de transporte disponíveis na cidade, que vão desde ônibus urbano, passando pelos elétricos, tram e ônibus turístico.

Saiba mais => Como ir do aeroporto ao centro de Florença

 

Onde ficar em Florença?

O que fazer em Florença em 1 dia
Melhor bairro para ficar em Florença é o Centro.

Essa é uma dúvida recorrente, uma vez que a região de Florença é muito bem servida de hotéis, pousadas e outros tipos mais alternativos de hospedagem. Uma coisa é certa: ficar no centro é a melhor opção! Você vai acabar economizando tempo, dinheiro e vigor físico.

Como já disse, as principais atrações de Florença ficam no centro ou em bairro aproximados. No artigo Onde ficar em Florença: dicas dos melhores bairros e hotéis, disponibilizamos boas alternativas de hotéis, B&Bs e apartamentos no centro e no bairro de Santa Maria Novella, onde fica a estação de trem mais movimentada da cidade.

 

Culinária italiana em Florença

É claro que existem milhares de restaurantes em Florença, o coração da Toscana. Lá você pode aproveitar o melhor da gastronomia do mundo, e claro, os pratos da culinária italiana. Aqui coloco sugestões para todos os gostos e orçamentos.

A maioria dos estabelecimentos comerciais são classificados em osterias, trattorias e restaurantes. Mas, você sabe a diferença entre os três? Confere lá no artigo Dicas de restaurante em Florença e pratos típicos da região.

Vai viajar e não contratou seu Seguro Viagem?
 
O que não posso perder em Florença
Bruschetta é um dos pratos típicos de Florença.

Nesse post também esclarecemos a ordem do menu italiano que causa um pouco de confusão nas pessoas que não são acostumadas com pratos sequenciais. É melhor dar uma boa lida para não passar perrengue ou pagar mais caro enquanto toma um simples café sentado ou invés de no balcão.

Sorveterias, sanduíches, frios, massas e carnes todos fazem parte de uma maneira ou de outra dos pratos típicos feitos nos melhores restaurantes!

 

Programação Cultural de Florença

Florença é o Berço do Renascimento! A cidade possui inúmeras opções culturais. As gallerias degli Uffizi e Accademia são os dois principais museus da cidade, além do que fica dentro da Duomo, no centro da cidade. Algumas das principais obras de Michelangelo, Da Vinci e Botticelli podem ser apreciadas nesses espaços.

Quando for se programar para visita-los é preciso ficar atento aos horários e dias de abertura para não perder tempo. Essas informações estão todas disponíveis no post baladas e vida noturna em Florença.

O que visitar em Florença
Florença é sede de eventos culturais, gastronômicos e esportivos.

Nele, é possível tomar nota de todos os principais eventos anuais que acontecem em Florença. Isso vai te ajudar bastante a escolher as melhores datas de acordo com áreas do seu interesse, como esporte, gastronomia ou música. Além disso, pode te ajudar a fugir de altas temporadas quando a cidade fica lotada para os grandes eventos e eleva os preços dos hotéis e restaurantes.

 

Quantos dias ficar em Florença?

É um dilema ter que programar poucos dias para uma cidade tão interessante, mas você pode dinamizar bastante o seu tempo montando um roteiro bem planejado.

Ficar quantos dias em Florença?
Opções não faltam para fazer um roteiro surpreendente por Florença.

O artigo Roteiro de 1, 2, 3, 4 e 5 dias em Florença pode te inspirar a organizar tudo com antecedência e selecionar até visitas rápidas a cidades de Pisa, Siena ou Cinque Terre. Também explicamos a melhor forma de chegar em Fiesole, uma comuna encravada no alto de uma colina que fica a apenas 3km de Florença.

 

Onde fazer compras em Florença?

Onde comer em Florença
Mercato Centrale de Florença: ótimo para comprar iguarias italianas.

Florença é a cidade da Gucci, sabia? A famosa marca italiana nasceu por lá e junto a ela, outras importantes marcas como Armani, Prada, Dolce & Gabanna ganham as vitrines das lojas mais luxuosas da cidade.

Mas não é preciso gastar fortunas para fazer compras na capital da Toscana. Alguns mercados oferecem artigos em couro bem acessíveis e bonitos. Você poderá comprar queijos e outros defumados no Mercato Centrale e encontrar achados antigo no Mercato delle Pulci.

Outra opção econômica é conhecer os três outlets das grandes marcas italianas que ficam nos arredores de Florença. No artigo com dicas de compras em Florença ainda revelamos ‘Uma dica de ouro para economizar nas compras em Florença’.

 

Mais dicas sobre Florença:

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Polly Batista

Penso que todas as coisas são parte de mim. Procuro pelo mundo pedaços da minha alma escondidos em cada novo destino, cada pessoa, cada cultura, cada monumento. Os lugares me revelam o quanto sou pequena, ignorante e humana e, ao mesmo tempo, o quanto somos ricos, parecidos e divinos. Me sinto grata em redescobrir isso em cada viagem.

2 Comentários

  1. Olá! Gostaria de saber se vc tem um roteiro para 4 dias em Roma, dois em Lentiscosa e outros 3 na região da Toscana (Florença, Siena e Pisa)
    Grata,
    Renata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *