Olimpíadas de Tokyo: como fazer turismo e aproveitar o evento

Olimpíadas de Tokyo: como fazer turismo e aproveitar o evento

Parece que foi ontem, mas quatro anos se passaram desde que o Rio de Janeiro sediou as Olimpíadas e a expectativa dos amantes do esporte era assistir as Olimpíadas de Tokyo, marcadas para o verão de 2020!

Mas, como todos sabem, por conta da pandemia do novo coronavírus o evento teve que ser remarcado para 2021. Os jogos olímpicos de verão vão ser disputados na capital do Japão entre 23 de julho e 8 de agosto de 2021.

E, além de assistir aos jogos, quem for a terra do sol nascente conhecerá Tokyo, uma das maiores metrópoles do mundo com cerca de 43 milhões de habitantes na região metropolitana.

E que gerou um PIB de 1,7 trilhão de dólares em 2017. Mas não é só isso, Tokyo é uma cidade antiga e muito importante para uma cultura muito peculiar. E, ao mesmo tempo, moderna, tecnológica e com uma excelente rede de transporte.

Essas características acima vão ajudar você a fazer o melhor uso do seu tempo e possibilitar que aproveite o melhor das competições das Olimpíadas de Tokyo e o melhor do que Tokyo tem para oferecer em termos de atrações turísticas.

Planeje sua viagem => Hotéis no Japão

Seguro viagem Japão »

 

Olimpíadas de Tokyo: sede

olimpiadas 2024
Tokyo fundada em 1 de maio de 1889.

Como mencionado anteriormente, a segunda edição dos Jogos Olímpicos de Verão em Tokyo será disputada entre 23 de julho e 8 de agosto de 2021 (algumas competições começarão antes), quando for verão no Japão.

Antes de detalhar mais do evento, destaco um pouco sobre a sede dos jogos, Tokyo. A capital do Japão era apenas vila de pescadores do século XII chamada de Edo. Começou a crescer e passou de 1 milhão de habitantes ainda no século XVIII.

Mas nessa época, ainda não era a capital, que era Kyoto, onde residia o Imperador. Apenas em 1869, no período chamado de Restauração Meiji, o então Imperador Meiji mudou a capital para Edo. E ainda rebatizou a cidade de Tokyo.

olimpíadas 2020 mascote
Tokyo é uma metrópole que consegue reunir o moderno e o tradicional.

Tokyo, que significa Capital do Leste, foi oficialmente fundada em 1 de maio de 1889. A cidade teve que ser reformada praticamente por inteiro após o Grande Terremoto de Kanto, de 1923, e após a Segunda Guerra Mundial.

Hoje, Tokyo é uma metrópole que consegue reunir o moderno e o tradicional no mesmo quarteirão. É possível encontrar templos Xintoístas e prédios espelhados gigantescos, lado a lado. A infraestrutura da cidade é incrível e a rede de metrô impressionante.

São: 2 operadores, 13 linhas, 285 estações e mais de 8,5 milhões de passageiros por dia. O mais importante, no entanto, é que a rede de transportes públicos abrange toda a cidade. Entenda como se locomover em Tokyo.

Vale destacar que alguns desses equipamentos olímpicos foram renovados da primeira edição das olimpíadas de Tokyo, em 1964. Inclusive, a cidades e esses equipamentos olímpicos, são pontos turísticos do Japão.

CLIQUE AQUI para agendar os melhores passeios em Tokyo »

 

Olimpíadas de Tokyo: informações

olimpiadas 2020 coronavirus
Logo dos jogos olímpicos e paraolímpicos | Foto: Facebook oficial.

O comitê organizador das olimpíadas de Tokyo, no Japão, dividiu as áreas de competições em 4 grandes zonas. São elas: (i) Heritage Zone; (ii) Tokyo Bay Zone; (iii) Outlying Venues; e (iv) Football Venues.

A Heritage Zone fica na área mais central e histórica da cidade de Tokyo, principalmente entre as regiões de Shinjuku, Shibuya, Chiyoda e Minato.

Essa região é densamente povoada e é incrível para o turismo também. Fica a noroeste da Vila Olímpica. Os equipamentos Olímpicos na Heritage Zone, e as modalidades disputadas nesses locais, serão os seguintes:

  1. New National Stadium: atletismo, final do futebol feminino e cerimônias de abertura e encerramento;
  2. Yoyogi National Gymnasium: Handball;
  3. Ryogoku Kokugikan: Boxe;
  4. Tokyo Metropolitan Gymnasium: Tênis de mesa;
  5. Nippon Budokan: Judô e Karatê;
  6. Tokyo International Forum: Levantamento de Peso;
  7. Musashinonomori Park: Ciclismo de estrada.
olimpiadas 2020 futebol
New National Stadium | Foto: Site oficial.

Já a Tokyo Bay Zone, a sudeste da Vila Olímpica, concentrará a maior parte dos novos equipamentos, predominantemente nas regiões de Ariake e Odaiba.

Essa é a histórica região industrial de Tokyo, começando o seu desenvolvimento ainda no século XIX, na área conhecida como Keihin Industrial Zone, já nos limites da região de Kanagawa, em Tokyo.

Após a Segunda Guerra Mundial, a área foi expandida na área de Keyio Industrial Zone. O desenvolvimento e posterior junção das duas áreas resultou na área mais densamente industrializada do Japão.

jogos olimpicos de verão 2028
Ariake Arena | Foto: Site oficial.

Lá estarão 13 equipamentos olímpicos, onde serão disputadas 15 modalidades:

  1. Kasai Rinkai Park: canoagem slalom;
  2. Oi Hockey Stadium: hóquei de grama;
  3. Tokyo Aquatics Center: natação, saltos ornamentais e nado sincronizado;
  4. Tokyo Tatsumi International Swimming Center: pólo aquático;
  5. Yumenoshima Park: tiro com arco;
  6. Ariake Arena: Vôlei;
  7. Olympic BMX Course: ciclismo BMX e skate;
  8. Ariake Gymnastics Center: ginástica artística, ginástica rítmica e trampolim;
  9. Ariake Coliseum: tênis;
  10. Odaiba Marine Park: triatlo; maratona aquática;
  11. Shiokaze Park: vôlei de praia;
  12. Central Breakwater e Sea Forest Waterway: hipismo, remo e canoagem de sprint;
  13. Aomi Urban Sports Venue: basquete 3×3 e escalada.

As conhecidas como Outlying venues serão os locais de evento um pouco mais afastados da Vila Olímpica, aproximadamente 8km de distância.

Estes equipamentos ficarão afastados um dos outros. Alguns deles ficarão em outras cidades fora da região metropolitana.

olimpiadas de tokyo ingressos
Izu Velodrome | Foto: Site oficial.

Assistir as competições das olimpíadas de Tokyo nesses locais irá requerer um maior planejamento. Vamos aos locais:

  1. Camp Asaka: tiro esportivo;
  2. Musashino Forest Sports Plaza: pentatlo moderno (esgrima);
  3. Tokyo Stadium: futebol, pentatlo moderno (menos a esgrima) e rugby sevens;
  4. Saitama Super Arena: Basquete;
  5. Enoshima: Vela;
  6. Makuhari Messe: esgrima, taekwondo, luta greco-romana;
  7. Baji Koen: hipismo;
  8. Kasumigaseki Counrty Club: golfe;
  9. Izu Velodrome: ciclismo tracking;
  10. Izu Mountain Bike Course: mountain bike;
  11. Yokohama Stadium: baseball e softball;
  12. Fukushima Azuma Baseball Stadium: baseball e softball (partidas de abertura);
  13. Fuji International Speedway: ciclismo de estrada;
  14. Odori Park Sapporo: maratona e marcha atlética.

Como é de costume nos últimos jogos olímpicos, a competição de futebol se espalha por diversas cidades do país sede e não apenas a cidade-sede dos Jogos Olímpicos. Não será diferente nesta Olimpíada.

Sendo assim, a competição de futebol será disputada em 7 localidades, espalhados em 6 cidades. Algumas delas, como Yokohama, ficam na região metropolitana de Tokyo, como Yokohama.

olimpiadas de tokyo quando acontecer
Yokohama Stadium | Foto: Site oficial.

Por sinal, a final do futebol vai ser disputada num estádio de ótimas lembranças para o Brasil, foi onde vencemos a Alemanha e levantamos o Penta! Vamos aos estádios das olimpíadas de Tokyo:

  1. International Stadium Yokohama;
  2. Tokyo Stadium;
  3. Saitama Stadium;
  4. Miyagi Stadium;
  5. Kashima Soccer Stadium;
  6. Sapporo Dome;
  7. New National Stadium Tokyo.

Se você quiser assistir às competições, pode adquirir ingressos para as Olimpíadas no site. Nesse site você poderá escolher os ingressos para as competições de sua preferência, além do local e horário de cada um dos eventos.

 

Mascote das Olímpíadas de Tokyo

mascote olimpíadas em tokyo
Mascotes no ônibus em Tokyo | Foto: Nori0406, via Wikimedia Commons.

Os nomes dos mascotes das Olimpíadas de Tóquio será Miraitowa. Para os Jogos Paralímpicos é Someity. As inspirações são as seguintes:

  • Miraitowa: super-herói futurista com roupas azul e branca. Seu nome combina as palavras “futuro” e “eternidade” em japonês.
  • Someity: tem roupas rosa e branca e a escolha remete à flor da cerejeira, um dos símbolos do país que, originalmente, se chama “somei-yoshino”.

Os mascotes têm um importância histórica durante as competições, como você pode assistir no vídeo acima do site oficial das Olimpíadas de Tokyo.

Agora, o que você vai fazer enquanto não estiver assistindo à uma competição? Vamos às dicas do que fazer juntando o esporte e o turismo!

Imperdível => Passeio de bicicleta em Tokyo

 

 
 

Aqui estão alguns dos principais motivos do porquê recomendamos de olhos fechados esses passeios da GetYourGuide no Japão. Temos certeza de que ao contratar tours e excursões, você vai amar sua experiência:

  • Milhares de atividades imperdíveis para todas as idades e interesses;
  • Os preços mais baixos, garantidos - sem taxas de reserva ou cobranças ocultas;
  • Faça a pré-reserva de ingressos e pule a fila nas principais atrações com o inventário exclusivo de ingressos;
  • Mantenha-se flexível com cancelamento fácil até 24 horas antes;
  • Pagamento e bilhetes otimizados para celular para reservas onde você estiver;
  • Atendimento ao cliente amigável e experiente, disponível 24/7 no seu idioma.
 

Olimpíadas de Tokyo: turismo

olimpiadas de tokyo turismo
Conheça Tokyo durante os jogos olimpícos.

Tokyo é uma metrópole gigantesca, lar de uma cultura única e peculiar. Para entender melhor como Tokyo funciona, pense nela como uma aglomeração de cidades menores (ainda assim muito grandes), que compõem um todo espetacular.

Dependendo do distrito onde você estiver, você terá um tipo específico de visão da cidade. Akihabara é um centro inigualável de compras em Tokyo, especialmente de eletrônicos. Se você não tiver em Akihabara é provável que não tenha em mais lugar nenhum do mundo.

Já Asakusa é um contraponto à Akihabra: tradicional, repleto de mercados de artesanatos e lar do magnífico templo Sensoji. Por outro lado, Chiyoda é o local dos templos e do Palácio Imperial, ladeados por imensos arranha-céus modernos.

Shibuya é o lugar do cruzamento mais movimentado do mundo, com todas aqueles letreiros luminosos que sempre vemos em fotos. Agora vamos aos pontos turísticos de Tokyo para conhecer nas olimpíadas de Tokyo:

 

O que conhecer em Tokyo durante as Olimpíadas?

  1. Tokyo Tower
  2. Tokyo Skytree
  3. Roppongi
  4. Meiji Jingu
  5. Senso-ji
  6. Yasukuni Jinja
  7. Yushukan War Museum
  8. Tokyo Kokyo
  9. Edo-Tokyo
  10. Toyosu Shijo
  11. Ginza
  12. Shibuya

 

1. Tokyo Tower

olimpiadas de tokyo pontos turisticos

 Símbolo da cidade, a Tokyo Tower é uma torre de antenas de telecomunicações que cresce acima dos arranha-céus da região de Minato, entre as estações Kamiyacho ou Hamamatsucho.

A estrutura de 332,9 metros é a segunda mais alta do Japão, atrás apenas da Tokyo Skytree, que veremos abaixo. Na torre há duas plataformas de observação, uma a 150 metros e outra a cerca de 250 metros.

Logo abaixo da estrutura está a FootTwon, que é uma estrutura de quatro andares com museus, lojas de souvenirs, restaurantes e cafés. Você pode conhecê-la em um tour personalizado com guia local em Tokyo.

 

2. Tokyo Skytree

olimpiadas de tokyo Japao

Se a Tokyo Tower é a segunda estrutura mais alta do Japão, a Tokyo Skytree é a mais alta, com 634 metros de altura. Na verdade, ela é a torre mais alta do mundo e a segunda estrutura mais alta, após apenas o prédio Burj Khalifa, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

 
Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 20% de desconto usando o cupom VERAO, é só clicar no botão.

Conheça as principais vantagens:

  • Melhor preço garantido, cobertura de qualquer oferta de seguro viagem;
  • Assistência médica e hospitalar, seguro de cancelamento e atraso de voos, seguro bagagem, reembolso com despesas médicas e muito mais;
  • É mais barato do que comprar direto nas seguradoras;
  • Cancelamento da contratação sem taxas até 48 horas antes da viagem;
  • Parcelamento em 12x sem juros nos cartões de crédito;
  • Compras com boleto bancário têm 5% de desconto;
  • Atendimento ao cliente 24hs em português.
 

Entretanto, a plataforma de observação mais alta fica a 451,2 metros do solo. A vista é incrível e dá para observar toda a grande metrópole de Tokyo e, em dias de céu claro, é possível ver também o Monte Fuji no horizonte.

A Tokyo Skytree fica localizada na região de Sumida, estação de metrô Oshiage (SKYTREE), na linha vermelha Asakusa. Compre antecipadamente um ingresso para a Tokyo Skytree.

 

3. Roppongi Hills Mori Tower

Roppongi é conhecida como a região dos expatriados em Tokyo. Pelo menos é onde eles vão curtir à noite. É bem como estarmos em Ropppongi e mal ouvirmos japonês. Nessa região existe um projeto urbanístico chamado Roppongi Hills, onde fica o prédio chamado Mori Tower.

O prédio tem 238 metros de altura e um observatório bem no topo. De lá é possível ver a cidade toda, incluindo as já mencionadas Tokyo Tower e Skytree. Vale muito à pena chegar no final da tarde e ver o contraste entre a cidade a luz do dia e iluminada. Além disso, tem um centro de artes e um museu. Fica próxima à estação Roppongi.

 

4. Meiji Jingu

toquio
Meiji Jingu | Foto: Isabela Scalioni/QVM.

O Meiji Jingu é um templo xintoísta construído em homenagem aos espíritos do Imperador Meiji e da Imperatriz Shoken. O templo fica dentro de uma área florestada de 70 hectares e fica adjacente ao parque Yoyogi, mesmo próximo do New National Stadium.

O templo começou a ser construído em 1915, finalizado em 1920, e destruído durante os bombardeios da Segunda Guerra Mundial. A reconstrução foi finalizada em 1958, através de um financiamento popular. É um local bastante popular por conta das cerimônias xintoístas e por ser uma linda área verde no meio de uma grande metrópole.

É também bastante popular no dia de ano novo, quando os xintoístas fazem o ritual do Hatsumode. Fica localizado na região de Shinjuku, próximo à estação Harajuku.

Visitei o Meiji Jingu em 2016 e foi o lugar onde mais senti tranquilidade e paz em toda a minha vida. Recomendo a excursão a pé destaques de Tokyo que visita o santuário Meiji e o Palácio Imperial.

 

5. Senso-ji

trem no japao

O budismo é uma religião bastante espalhada pelo Japão. Algumas pessoas dizem que os japoneses vivem a vida toda sendo xintoístas e, no fim da vida, se convertem ao budismo pois o budismo tem uma forma mais “leve” de encarar a morte.

O Senso-ji é um grande e antigo templo budista que fica na região de Asakusa, já mencionada acima. O templo é muito grande e sua entrada é pelo Kaminarimon, ou Portão do Trovão, e é o mais externo de 2 portões (o outro se chama Hozomon).

O primeiro desses portões foi construído no ano de 941. Nos arredores existem diversos lojas e mercadinhos. Para se chegar lá, pegue o metrô até a estação Asakusa, na linha Asakusa. É possível andar de lá até a Skytree, que fica distante apenas 1,5 km do templo.

 

6. Yasukuni Jinja

O Yasukuni Jinja é um outro templo xintoísta. Este templo tem duas peculiaridades: é um templo dedicado aos heroicos esforços dos japoneses durante guerras e contém um museu, o Yushukan. O Yasukuni Jinja, que fica na região de Chiyoda, próximo ao Palácio Imperial.

É facilmente acessível pela estação Iidabashi. Foi construído no início do período Meiji para homenagear os mortos na Guerra de Boshin. Depois seu propósito foi expandido para abranger outras guerras. O templo homenageia mais de 2,4 milhões de pessoas.

E aí que se inicia a controvérsia: dentre as pessoas homenageadas, estão 1.068 criminosos de guerra condenados, dentre estes 14 que são considerados da Classe A, que são considerados criminosos contra a Paz.

Por conta das homenagens, China, Coreia do Sul e Coreia do Norte, que foram invadidos pelo Império Japonês, acusam o templo de fazer um revisionismo histórico. Veja os mais famosos templos do Japão.

 

7. Yushukan War Museum

monte fuji tokyo
Yushukan War Museum | Foto: Yasuyuki HIRATA, via Wikimedia Commons.

O Yushukan fica dentro do templo Yasukini Jinja, descrito acima. Este museu comemora os espíritos e almas de todos aqueles que morreram em nome do Imperador do Japão através das eras. O museu é bastante completo e muito explicativo (prepare-se para perder horas lá dentro).

E oferece uma visão diferente da história. Principalmente da Segunda Guerra Mundial. Não estamos acostumados a ver tanta coisa do front do Pacífico no Brasil. Da mesma forma, não estamos acostumados a ver o lado japonês de todo o conflito.

E isso também gera controvérsia, especialmente por exaltar um período expansionista do Império Japonês, afinal, japoneses cometeram diversos crimes de guerra e contra a humanidade durante este período, especialmente durante a invasão da China e da Península Coreana.

 

8. Tokyo Kokyo

olimpiadas de tokyo natação

Ainda em Chiyoda está localizado o Kokyo (Residência Imperial), que é uma grande área verde, chamada de Fukiage Garden. Construído na área do antigo Palácio Edo (lembram do nome original de Tokyo?), este é um grande espaço aberto ao público onde é possível simplesmente passear ou fazer uma pausa durante o trabalho.

Uma curiosidade: durante a década de 1980 ocorreu uma grande bolha imobiliária em Tokyo. Neste período, a área do castelo sozinho chegou a custar o mesmo que todo o estado da Califórnia em termos de valor de terreno!

Dentro dessa área existem palácios, ruínas do antigo Palácio Edo, o Museu das Ciências, o Museu Nacional de Arte Moderna, o Nippon Budokan (que é equipamento olímpico), escritórios administrativos e o Palácio Imperial.

Bom, nem toda a área é acessível ao Público… afinal, lá ainda mora o Imperador! Mas você pode fazer uma excursão a pé até o Palácio Imperial.

 

9. Edo-Tokyo

olimpiadas de tokyo esportes
Museu Edo-Tokyo | Foto: Wiiii, via Wikimedia Commons.

 O museu Edo-Tokyo é um grande museu dedicado ao passado do período Edo (1590) até os dias atuais, já com nome de Tokyo. Aberto em 1993, foi o primeiro museu a se dedicar à história de Tokyo.

Grandes atrações do museu são maquetes dos tempos Edo e depois de Tokyo no século XX, a réplica em tamanho real da Nihombashi (que era a ponte que levava até Edo) e modelos em tamanho real de como era a vida nos tempos do período Edo.

 
Sabia que aprender através de cursos on-line nunca foi tão fácil?

Assista seus cursos pelo computador, tablet ou até mesmo pelo celular!

Devido a nossa parceria com a Learn Café, você terá acesso a cursos para todas as áreas do conhecimento, com alta qualidade, comodidade e de forma acessível. Cursos online para você:

  • Aprender rápido e ganhar dinheiro;
  • Se preparar para um novo emprego;
  • Melhorar seu currículo;
  • Continuar aprendendo sempre!
 

Nesse museu é possível ver as casas do período em tamanho real. Esse museu é necessário para todos os visitantes de Tokyo. O museu fica na região de Sumida, acessível pela estação Ryogoku.

 

10. Toyosu Shijo

Infelizmente, não posso indicar mais para você o mercado de Tsukiji. O Tsukiji era o mercado histórico de peixes, servindo a cidade por 83 décadas. Lá se faziam leilões de peixes durante a madrugada. O mercado de Tsukiji foi fechado por conta das olimpíadas de Tokyo.

E toda a sua estrutura interna foi transferida para o mercado Toyosu onde você vai encontrar os melhores e mais frescos peixes do mundo. Por conta disso, lá é possível encontrar alguns dos melhores sushis do mundo.

Não são baratos, mas valem à pena. O peixe mais caro do mundo foi vendido lá: um empresário japonês pagou 3,1 milhões de dólares por um atum Bluefin em 2019.

 

11. Ginza

Ginza é uma área da região conhecida Chuo famosa por suas lojas de alto luxo. Entretanto, essa área tem um grande valor histórico. Ginza, junto à Nihonbashi e Kanda, formavam o que se chamava de Shitamachi, que era o centro da cidade de Edo-Tokyo.

Hoje, entretanto, o que se vê em Ginza são prédios modernos, marcas de alto luxo de todos os cantos do mundo, novidades tecnológicas. Dentre os destaques dessa região estão as lojas de departamento da Wako e Mitsukoshi, o shopping center Ginza Six.

E as flaghship stores de marcas japonesas como UNIQLO, Shiseido e Sony (com previsão de abertura para 2022). Além disso, a região é sede de empresas como a Ricoh e é lar de galerias de artes e restaurantes.

Para se chegar lá, só ir até a estação de mesmo nome. Em Ginza você pode fazer uma excursão para degustação de saquê.

 

12. Shibuya

shibuya tokyo

Shibuya é uma região grande de Tokyo, abrange as duas estações de trem mais movimentadas do mundo, Shibuya e Shinjuku. Tem diversas atrações, tanto turísticas (Meiji Jingu) quanto esportivas (New National Stadium).

A região é muito popular como área de compras. Porém, o que realmente a torna mundialmente famosa é a imagem acima: o cruzamento de Shibuya. Este é considerado o cruzamento mais movimentado mundo. Você pode passar por ele na excursão de bares em Shibuya.

Uma dica: vá até o Starbucks que fica bem ali nessa esquina, suba até o segundo andar, fique olhando a quantidade de pessoas que circulam por ali. Por sinal, esse é um dos Starbucks mais movimentados do mundo.

Prático => Bilhete para ônibus turístico em Tokyo

 

Onde se hospedar em Tokyo

olimpiadas de tokyo hoteis
Hotel Gracery Shinjuku | Foto: Booking.

Se você está procurando saber onde ficar em Tokyo durante as olimpíadas de Tokyo, veja algumas das opções que separei abaixo.

  • Hotel Gracery Shinjuku: Inaugurado em 2015, o hotel fica no famoso bairro de Shinjuku, agitado e boêmio durante a noite. Seus quartos são espaçosos, com banheira, Wi-Fi, TV e todas as outras comodidades que um bom hotel oferece. O que mais te chama a atenção no hotel é o Godzilla, uma imensa escultura que representa o monstro.
  • nine hours Otemachi-Imperial Palace: Localizado a 1 km do Palácio Imperial do Japão, o hotel tem quartos com ar-condicionado e Wi-Fi gratuito. A propriedade fica a cerca de 15 minutos a pé do Marunouchi Building e a 1,3 km de Chidorigafuchi. A propriedade dispõe de recepção 24 horas.
  • Shibuya Tokyu Rei Hotel: O Shibuya Tokyu REI Hotel está localizado no coração de Shibuya, a 100 metros da Estação Ferroviária JR Shibuya. Os quartos possuem toques elegantes e têm banheiro privativo. Você pode acordar com um chá feito na hora e relaxar com um filme pay-per-view.

Não perca => Excursão para o Monte Fuji e Lago Kawaguchi

 

Tudo sobre as Olimpíadas de Tokyo

Os jogos olímpicos sempre são ótimas oportunidades de se conhecer uma nova cidade. Porém, este período tem seus prós e seus contras. Uma vantagem é que a cidade estará mais vibrante do que nunca.

O contra é que você não conseguirá sentir exatamente o dia a dia da cidade, afinal, um evento como este muda a dinâmica de qualquer cidade, mesmo uma megalópole com dezenas de milhões de habitantes.

Entretanto, tenho quase certeza de que você precisará ficar diversos dias em Tokyo (talvez todo o período das olimpíadas de Tokyo) para realmente conhecer bem a cidade.

Se a sua ideia é aproveitar tudo junto, tanto os jogos quanto Tokyo, você será recompensado: sempre haverá uma atração turística próxima de você assim que você sair do evento olímpico, principalmente na região de Shibuya e Shnjuku.

Mesmo que você esteja relativamente, ande por Tokyo apenas. Se perca por suas ruas, visite seus mercados com produtos inesperados, descubra ruas, vielas e avenidas.

Vá as kombini (pequenas lojas de conveniência) no meio da madrugada, como sushi, rámen, comida indiana, chinesa, coreana… perceba como Tokyo é cosmopolita e tradicional. Perceba que sua beleza é poder oferecer suas características básicas mesmo quando milhares de pessoas a mais estarão por lá.

Perceba que Tokyo é diferente de tudo que você já viu e cogite se mudar para lá. Lembre que terá que aprender japonês para isso e mude de ideia de novo (hahaha).

Gostou das dicas sobre as olimpíadas de Tokyo? Pretende visitar a cidade nesta época? Deixe seu comentário abaixo.

 

CATEGORIAS
ESCRITO POR

Rafael Werneck

ESCRITO POR

Rafael Werneck

Rafael Werneck, 32 anos, é carioca e advogado. Apaixonado por viagens, esportes e História. Retornou às origens de sua família no Porto há quase 1 ano e cursa Pós-Graduação em Direito Empresarial. Atleta (de fim de semana) de Handball, ama ler, escrever e planejar viagens.

Organize sua viagem

10 dicas para você
planejar sua viagem

Separamos as principais ofertas dos nossos parceiros para você economizar.
Clique nos itens abaixo e confira:

Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes de Viagem

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Ingressos

Reserve as entradas para tours, atividades e espetáculos

 

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes de Viagem

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Ingressos

Reserve as entradas para tours, atividades e espetáculos

 

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *