Museu do Louvre: guia com mapa, preço dos ingressos e dicas

Museu do Louvre: guia com mapa, preço dos ingressos e dicas

Visitar o Museu do Louvre é um passeio imperdível para os apaixonados por arte e até para aqueles que não têm tanta intimidade com o assunto. Isso porque, além de obras de pintores famosos mundialmente, de esculturas surpreendentes e de achados arqueológicos que remontam à história da civilização do planeta, a própria arquitetura do museu já é um atrativo por si só e merece ser vista de perto.

Fundado em 1793, o Louvre é o maior museu de arte não só da França, mas de todo o mundo. Atualmente, conta com mais de 380 mil peças e uma exibição permanente de 35 mil obras de arte. E justamente por ser tão emblemático já vale a pena ser conhecido.

Neste artigo, preparei um guia completo para visitar o Museu do Louvre e te ajudar a aproveitar o seu passeio da melhor forma possível. Confira agora o preço do ingresso, curiosidades e dicas incríveis.

Planeje sua viagem => Onde se hospedar em Paris

É obrigatório contratar seguro viagem na Europa? »

 

Mapa do Museu do Louvre

O que ver no Museu do Louvre
Mapa externo do Louvre | Fonte: Site oficial.

Há quem diga que se você é realmente um apreciador de arte, conhecer o Museu do Louvre em apenas um dia é tarefa impossível. E eu arrisco dizer que nem dois ou três dias inteiros lá dentro serão suficientes para conhecer todos os salões e corredores do museu, principalmente se você quiser prestar atenção nos mínimos detalhes e descobrir a história por trás de todas as obras.

Mas como nem todos dispõem de tanto tempo (ou paciência) para se dedicar a somente um dos pontos turísticos de Paris, é preciso otimizar o tempo da visita para contemplar o maior número possível de alas e obras de arte.

Dicas de Paris Museu do Louvre

Para isso, a primeira coisa a fazer é dispor de um mapa do museu em mãos, pois, de tão grande, o Louvre se transforma em um verdadeiro labirinto. Apesar de o local ser bem sinalizado, não é difícil se sentir um pouco perdido ou com aquela sensação de ter desperdiçado seu precioso tempo lá dentro, passando por sessões que não te interessam tanto em vez de explorar aquelas que realmente te atraem.

Mas, calma! Com as dicas a seguir você vai se sentir muito mais preparado para visitar o museu e se manter entretido durante todo o passeio. Ah, e logo na entrada os mapas também são disponibilizados gratuitamente, inclusive com uma versão escrita totalmente em português.

CLIQUE AQUI para agendar a visita ao Museu do Louvre »

 

Por dentro dos pavilhões do Museu do Louvre

Para entender o Museu do Louvre, você precisa saber que ele conta com três pavilhões principais: Sully (a frente), Denon (direita) e Richelieu (esquerda), e outras 17 sub alas, espalhadas por cinco andares, sendo os dois primeiros no subsolo.

Visita virtual no Museu do Louvre
Mapa do piso 1 | Fonte: Site oficial.

O nível -2, por exemplo, é a porta de entrada ao museu para quem chega pela linha 7 do metrô, saltando na estação Palais-Royal/Museé do Louvre. A saída da estação dá acesso a essa entrada subterrânea do museu, onde os visitantes passam por um shopping antes de chegar até a bilheteria. Esse complexo de lojas é o Carrousel du Louvre. Apesar de não ser a entrada principal, ela é bastante recomendada, pois as filas costumam ser menores.

Mapa interativo do Museu do Louvre
Mapa do Piso 2 | Fonte: Site oficial.

Após comprar os bilhetes e acessar o museu, você já sairá direto no salão principal, localizado abaixo da famosa pirâmide invertida, o Hall Napoleão. Dali, é possível avistar as placas indicativas para os três pavilhões e escolher um deles para iniciar a visita.

 
 

Aqui estão alguns dos principais motivos do porquê recomendamos de olhos fechados esses passeios da GetYourGuide na França. Temos certeza de que ao contratar tours e excursões, você vai amar sua experiência:

  • Milhares de atividades imperdíveis para todas as idades e interesses;
  • Os preços mais baixos, garantidos - sem taxas de reserva ou cobranças ocultas;
  • Faça a pré-reserva de ingressos e pule a fila nas principais atrações com o inventário exclusivo de ingressos;
  • Mantenha-se flexível com cancelamento fácil até 24 horas antes;
  • Pagamento e bilhetes otimizados para celular para reservas onde você estiver;
  • Atendimento ao cliente amigável e experiente, disponível 24/7 no seu idioma.
 

No piso -1, no pavilhão Denon, estão as esculturas europeias, obras de arte islâmica e também objetos artísticos do Oriente Médio e Egito. Já no pavilhão Richelieu, que fica na direção oposta ao Denon, estão as esculturas da França e as antiguidades gregas.

Visita ao Museu do Louvre
Fonte: Site oficial.

Ainda nesse piso, na ala Sully, está uma das entradas de acesso ao Pavilhão do Relógio, um percurso que mostra a transformação do antigo Palácio do Relógio em museu, em torno do luxuoso castelo medieval que abriga o complexo do Louvre. Nesse pavilhão, no nível 1 e 2, uma seleção de obras escolhidas a dedo representa a multiplicidade das coleções presentes nos demais alas do museu.

No nível 0, ou seja, o térreo, está a mais famosa porta de entrada do museu, a pirâmide de vidro, que passou a integrar o Louvre no ano de 1989. Por ser a mais famosa, essa entrada costuma atrair muitas filas. Por isso, se você não quer perder tempo, a dica é escolher uma entrada menos badalada e depois da sua visita ir até a frente da pirâmide para fazer suas fotos.

Nesse piso, estão concentradas escultura da França e do Oriente Próximo (Richelieu e Sully), antiguidades egípcias, gregas e a apresentação da civilização (Sully) e ainda antiguidades etruscas, da península itálica e romanas (Denon).

Quadro da Monalisa em Paris
Monalisa | Foto: QVM.

O nível 1 é um dos mais disputados pelos visitantes, pois é onde estão obras consagradas como a Mona Lisa, pintura de Leonardo Da Vinci. O quadro, aliás, fica num amplo salão e só é possível ser visto de perto por quem tem disposição para atravessar o mar de turistas que se posicionam ali, na tentativa de fazer a foto perfeita. O saguão da Mona Lisa é extremamente movimentado até nos dias mais tranquilos.

A Mona Lisa, assim como outras pinturas de artistas italianos e espanhóis, está no Pavilhão Denon. No Sully, ainda são expostas antiguidades gregas, romanas e egípcias, enquanto no Pavilhão Richelieu estão artes decorativas da Europa, ao longo de todo o primeiro andar. É nessa ala que se encontram os apartamentos de Napoleão III, um dos meus pontos preferidos no Museu do Louvre.

O que vale a pena conferir no Louvre
Apartamentos de Napoleão III | Foto: Daniel Perez Sutil, via Wikimedia Commons.

Nessa área, o visitante pode passear pelas dependências que datam do Segundo Império, mas que foram abertas ao público somente na década de 90. A grandiosidade e o luxo dos apartamentos impressionam e nos dão uma vaga ideia de como era viver como um membro da realeza francesa da época.

A riqueza (literalmente) dos detalhes da decoração é de cair o queixo.

   

Por fim, no segundo e último piso, o pavilhão Sully abriga pinturas da França. Já na ala Richelieu, estão pinturas da Europa do Norte que são bem menos conhecidas entre o grande público.

Prático => Comprar ingresso para os museus de Paris (SEM FILA)

 

Preço do Museu do Louvre

Louvre em Paris dicas
As famosas pirâmides de vidro em frente ao Louvre | Foto: QVM.

Os preços dos ingressos para o Museu do Louvre podem ser sempre consultados no site oficial, onde também podem ser adquiridos com antecedência. Se você prefere fazer visitas guiadas, também há essa opção no site do museu.

As entradas por adulto custam 17 euros. Já menores de 18 anos entram gratuitamente. Também são isentos da taxa de entrada deficientes e seus acompanhantes, bem como menores de 26 anos que residam no espaço econômico europeu. Nesses casos, há a obrigatoriedade de mostrar documentos que comprovem o direito ao benefício.

Quem quiser investir em uma visita guiada (com áudio em inglês ou francês) deverá desembolsar 26 euros. Para essa opção, a melhor sugestão é que você compre antecipadamente, pois os tours guiados são realizados com hora marcada.

Museu do Louvre arquitetura
Fila interna | Foto: QVM.

Há também diversas empresas que promovem o tour guiado no Louvre, uma das vantagens é a entrada prioritária, ou seja, sem filas. Se você estiver curtindo o verão parisiense vai agradecer por isso.

Se você já tem a data de sua visita ao Museu do Louvre definida, comprar o ingresso antecipadamente pode ser uma grande vantagem, principalmente se você quiser evitar filas. Porém, fugir completamente delas é impossível, já que no acesso ao museu, todos os visitantes são obrigados a passar pela revista, como norma de segurança. Dependendo da quantidade de pessoas, esse processo pode ser um pouco lento.

Pelo site, também é possível comprar ingressos para mostras temporárias, além da tradicional exibição permanente. Por isso, uma dica é ficar de olho na agenda do museu para conferir se haverá alguma exposição de seu interesse coincidindo com a data da viagem.

Sem fila => Ingresso online para o Museu de Louvre

 

Dicas do que ver no Museu do Louvre

Mapa do Museu do Louvre em Paris
Foto: QVM.

É tanta coisa interessante para se ver no Museu do Louvre que é difícil elencar as principais. Sobretudo porque cada visitante tem os seus próprios temas de preferência. Porém, ouso dizer que algumas atrações são imperdíveis, além dos citados apartamentos de Napoleão e da Mona Lisa (Denon, pinturas italianas, sala 6).

A Balsa de Medusa | Foto: Théodore Géricault, via Wikimedia Commons.

A pintura de Théodore Géricault, A Balsa de Medusa, é uma das que considero das mais impressionantes do museu. Com seus 7 metros de largura por 4 de altura, a obra impressiona por seus detalhes e cores, sendo um ícone do Romantismo do século 19. A pintura consegue passar todo o drama por detrás da sua história: um trágico naufrágio com poucos sobreviventes, que envolve uma narrativa de canibalismo como pano de fundo. A obra encontra-se na ala Denon, nível 1, sala 77.

A escultura Vitória de Samotrácia, que está no caminho para a Mona Lisa, é outra das obras mais emblemáticas do museu e representa a deusa grega Nice. A peça, criada por um escultor grego desconhecido, foi descoberta pelo arqueólogo francês Charles Champoiseau, em 1863, e enviada para Paris naquele ano. Está na Ala Denon, nível 1, ao topo da Escadaria Daru, na sala 703.

Estátuas famosas do Museu do Louvre
Foto: Britchi Mirela, via Wikimedia Commons.

Ainda falando de esculturas famosas, a Vênus de Milo também integra o time de estátuas ilustres do Louvre. Descoberta sem braços em 1820, a escultura foi oferecida ao rei Luís XIII, que, mais tarde, a cedeu para o acervo do museu. A peça é uma das muitas representações da deusa Vênus, também conhecida pelos gregos como Afrodite, e está no Pavilhão Sully, nível 0, sala 346.

Os Touros Alados são esculturas de animais com cabeças humanas com 4,2 metros de altura por 4,36 de comprimento. Devido ao seu tamanho impressionante, as esculturas eram colocadas nas entradas das cidades assírias, onde hoje é o território do Iraque, para trazer proteção. Podem ser vistas na ala Richelieu, no nível térreo, na sala 229.

No Museu do Louvre também está o famoso Código de Hamurabi, o conjunto de leis mais antigo encontrado do mundo. A peça fica na ala Richelieu, no térreo, e é imperdível para os turistas da área do Direito (e para todos os curiosos de plantão).

   

Economia => Passe para os museus de Paris

 

Como aproveitar o seu passeio no Louvre

Guia do Museu do Louvre
Foto: QVM.

O Louvre é com certeza um dos lugares mais impressionantes para se ver na vida, seja você um fanático por artes ou não, por isso mesmo está entre os passeios imperdíveis de Paris. Para aproveitar cada minuto da sua estadia no museu, uma dica básica, porém certeira é usar sapatos extremamente confortáveis, pois acredite, você vai andar muito.

Outra dica valiosa é a de traçar um pré-roteiro do que você deseja ver no museu. Não se esqueça de contar com a ajuda de um mapa para sair em busca dos seus pontos de interesse. Isso vai te ajudar a ganhar tempo.

Melhores dicas do Museu do Louvre
Foto: QVM.

Se der fome depois da visita, o shopping do subsolo, o Carousel du Louvre, conta com uma praça da alimentação, onde há inclusive opções de fast-food.

No local, também há uma loja de souvenirs que vende até mesmo réplicas das pinturas mais famosas do museu na versão pôster. Vale a pena dar uma olhada para garimpar alguma lembrancinha.

O Museu do Louvre não abre às terças-feiras e fecha um pouco mais tarde às quartas e sextas. Por isso, procure planejar a sua visita levando esses pontos em consideração. Todas as informações estão disponíveis no site oficial.

Para quem quer conhecer o maior museu do mundo sem gastar nenhum euro sequer, há uma alternativa: desde janeiro de 2019, a visita ao museu passou a ser gratuita em todo 1° sábado de cada mês, a partir das 18h.

E para finalizar, dá uma olhada nesse vídeo sobre o Louvre, feito pelo site oficial de turismo só para dar um gostinho de quero mais!

Gostou das dicas? Então deixe um comentário contando qual atração você ficou com mais vontade de ver no Museu do Louvre e boa viagem!

Até + !!!

 

ESCRITO POR

Silvia Montico

ESCRITO POR

Silvia Montico

Silvia Montico tem 33 anos, é jornalista, fotógrafa e ativista pelos direitos dos animais. Ama viajar e vivenciar os destinos visitados como uma moradora local. É apaixonada por cinema, praia, vinho e sonha morar em uma casinha no meio da natureza.

Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Roteiro de Viagem

Confira tudo sobre o que fazer durante seus dias no destino

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Roteiro de Viagem

Confira tudo sobre o que fazer durante seus dias no destino

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Quero Viajar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *