Início / Dicas / 10 comidas exóticas ao redor do mundo: o que eu já experimentei

10 comidas exóticas ao redor do mundo: o que eu já experimentei

Uma das experiências mais legais em conhecer lugares novos, com certeza é experimentar as comidas exóticas ao redor do mundo. Uma roteiro sem apreciar a culinária local, é uma viagem sem sal e sem açúcar.

Conhecer a rotina alimentar de um povo e as comidas exóticas no mundo nos aproxima ainda mais da cultura do país. Porém, o que um nativo pode considerar um bom prato, para os brasileiros, as comidas exóticas de outros países podem não ser tão atrativas assim. Porém, despertam a curiosidade de todos. 

E como um verdadeiro viajante do mundo, não posso deixar de incentivar você a experienciar as formas, os sabores, os temperos, o cheiro, as cores e a conhecer alguns dos cardápios com as comidas mais diferentes do planeta. Vamos juntos nessa aventura da culinária mundial e aprofundamento do nosso paladar.

Livro => Como organizar uma viagem incrível

Seguro viagem para a Ásia | Veja qual é o melhor

 

Comidas exóticas ao redor do mundo

Comidas exóticas ao redor do mundo
Gafanhotos fritos são umas das comidas exóticas ao redor do mundo.
  • Aranha frita no Camboja
  • Churrasco com carne de diversos animais no Camboja
  • Ovo fecundado no Laos
  • Rato do mato no Laos
  • Lao Lao, bebida típica do Laos
  • Insetos na Tailândia
  • Peixe feito na brasa com frutas nas Filipinas
  • Carne de canguru na Ásia
  • Foie gras, Patê de fígado de pato, na França
  • Morcilha, Linguiça de sangue, na Espanha 

Incrível => Lugares mais bonitos do mundo

 

Pratos curiosos e exóticos ao redor do mundo

1) Aranha frita, no Camboja

Comida exótica
Aranhas fritas | Foto: Mat Connolley (Matnkat), via Wikimedia Commons.

Um dos animais mais temidos no Brasil é também um dos mais famosos da culinária do Camboja, país localizado no Sudeste Asiático.

A aranha, da espécie tarântula ou caranguejeira, é uma opção “deliciosa” de petisco vendido pelas ruas de várias cidades. Já imaginou poder escolher as aranhas mais carnudas e pedir para fritar a sua porção?

Elas podem ser saboreadas por inteiro e aqui vai um atrativo para você se arriscar a experimentar: a tarântula possui uma grande quantidade de proteínas e, após passar pela fritura, o veneno não oferece perigo. Também, antes de fritar, os pelos são queimados no fogo para retirar o venenoO tempero que deixa a carne da aranha saborosa é o sal, açúcar, pimenta e alho. Elas são servidas em porções na bandeja e também no espeto.

O animal é utilizado tanto para petiscos, como para serem criados como animais de estimação. E aí, você comeria ou teria como estimação? Eu experimentei e até que não foi tão assustador assim. Lembra o gosto do frango, mas só experimentando para sentir a textura. De fato, uma das comidas exóticas ao redor do mundo.

Luxo => Hotéis incríveis ao redor do mundo

 

2) Churrasco com carne de diversos animais, no Camboja

Carne de crocodilo
Carne de Crocodilo | Foto: Rudolph.A.Furtado, via Wikimedia Commons.

A palavra churrasco soa muito familiar para os brasileiros, mas o churrasco de que estou falando é um pouco mais exótico. O churrasco cambojano usa algumas carnes de animais pouco convencionais. Confira também alguns passeios turísticos no Camboja.

Ele é composto por 14 tipos de carne como de jacaré, cobra, crocodilo, perna de rã, camarão e, para a alegria dos brasileiros, têm a opção de carne de gado. Você escolhe as carnes preferidas.

O prato inclui alguns legumes e macarrão, cozidos na água em volta da chapa. A gordura e tempero vão se acumulando para depois virar uma sopa. Os legumes também podem ser assados na chapa. Outro acompanhamento é o nosso famoso arroz cozido.

O churrasco cambojano não é assado em uma churrasqueira, como no Brasil. As carnes vem à mesa cruas, em pequenos potes, e junto acompanha essa chapa quente na mesa para assarmos na hora, mas na verdade a palavra certa seria fritar na hora. Na cidade mais turística do Camboja, Siem Reap, esse prato custa entre U$h15 e U$31, dependendo do restaurante, e serve duas pessoas. E aí, encara?

Viagem => Remédio para o estresse

 

3) Ovo fecundado, no Laos

Comidas exóticas de outros países
Ovo Fecundado | Foto: Aterux, via Wikimedia Commons.

Essa comida típica do sudeste da Ásia é chamada de Balut. Eu conheci o sabor inusitado desse prato no Laos, mas também é comum nas Filipinas e outros países da região. O ovo de pato é servido cozido e já fecundado, ou seja, o embrião está quase todo formado, com cerca de 11 dias de formação.

Ele é temperado com sal, vinagre, alho e pimenta. Esse prato incomum é encontrado tanto nos restaurantes da alta culinária, como em barracas pelas ruas das cidades. O Balut pode ser comprado embalado a vácuo, já cozido. É só descascar, colocar sal e apreciar. É um alimento muito consumido pelos asiáticos por ter um alto teor de proteína.

É uma sensação bem estranha na primeira mordida, por causa da consistência. O sabor é de ovo, mais concentrado, mas por ser um pouco mais firme, demora para mastigar e engolir. Com o sabor intenso, é realmente bem enjoativo. Muita gente nem consegue engolir!

Recomendo => Tours guiados no Laos

 

4) Rato do Mato – Laos

Carnes exóticas
Carne de Rato | Foto: dalbera, via Wikimedia Commons.

Pode parecer nojento para os brasileiros, mas muitos países comem a carne de rato, como nós comemos a carne de gado. Eu experimentei a carne de rato no Laos, na Ásia. Lá é muito comum servirem o rato inteiro, frito, cozido ou assado. A carne também vira picadinho, utilizando os miúdos cozidos e bem temperados. Você comeria?

Tive a experiência quando um dos guias da Stray Travel, agência que usei para viajar 3 semanas pelo país, levou o grupo para um jantar especial na casa de um parente. Os homens estavam todos à mesa, as mulheres na cozinha.

Haviam vários recipientes, cada um com uma parte do ratão. Até então eu não sabia do que se tratava, peguei um palitinho à milanesa e comecei a provar. Depois descobri, cada palito era o rabo de um rato.

Dica => Hotéis com boas avaliações no Laos

 

5) Lao Lao, no Laos

Bebidas exóticas
Lao Lao | Foto: Gerd Eichmann, via Wikimedia Commons.

Lao Lao ou uísque de arroz é uma bebida bem tradicional nas cidades do Laos, na Ásia. E possui um generoso teor alcoólico, aproximadamente 40%. A bebida é feita da fermentação do arroz e é produzida manualmente nos lares da população local.

A curiosidade é que dentro das garrafas de vidro com a bebida é comum ter raízes de plantas ou cobras e escorpiões, que segundo eles tem propriedades medicinais. Dá pra encarar um gole?

Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5, é só clicar no botão.
 

É cultural e eles consomem a todo momento, para brindar, celebrar a visita dos turistas, etc. Ou seja, como passei 3 semanas viajando tive a chance de provar diversas vezes…muitas vezes é um desrespeito negar um trago. Mas cuidado, pois como a produção é artesanal, muitas vezes a bebida é quase álcool puro, sem controle algum!

Dói só de lembrar das ressacas!

Interessante => Curiosidades no Laos

 

6) Insetos, na Tailândia

Onde comer insetos
Insetos | Foto: Basile Morin, via Wikimedia Commons.

Pelas ruas da Tailândia é comum ver barracas vendendo porções e espetos de todo tipo de insetos: fritos ou assados. A variedade é grande: grilos, vespas, lagartas, formigas, besouros, abelhas, gafanhotos, cupins, cigarras, moscas, libélulas, baratas, escorpião e por aí vai. A maioria deles é empanado e, na hora de servir, tem um temperinho e molhinho de acompanhamento.

Essa comida é uma tradição na Tailândia por que houve uma época que havia escassez de alimentos e, para suprir a demanda de proteínas na alimentação da população, criou-se esse hábito. Hoje, apenas em alguns pontos são vendidos essa iguaria e, durante o ano novo budista, aumenta a produção e venda.

O nome que se dá para o consumo de insetos é antropoentomofagia. Para os nativos é muito comum, já para os turistas é uma atração e tanto. E o sabor até que não é tão estranho assim! Definitivamente, uma das comidas mais exóticas que provei ao redor do mundo.

No centro de Bangkok, principalmente na famosa Kao San Road, muitas barraquinhas vendem insetos para os turistas tirarem fotos. Ahhh, e se você não quiser comer, pagará pela “refeição” mesmo assim. Eles não permitem que peguemos um inseto apenas para tirar foto…tem que comer hahahaha.

Imperdível => Passeios na Tailândia

 

7) Carne de Canguru, na Austrália

Carne de canguru
Carne de Canguru | Foto: Roke~commonswiki, via Wikimedia Commons.

Comer carne de canguru ainda gera polêmica entre os australianos. Alguns enxergam o animal como ratos gigantes e uma praga no país, outros enxergam como um animal fofo e alguns entendem que é uma iguaria nativa que deve ser apreciada. Porém, a carne de canguru é muito apreciada pelos turistas em geral, principalmente os asiáticos.

Para equilibrar a superpopulação de quatro espécies de cangurus, o governo local permitiu a caça de cangurus selvagens e comercialização, com a devida fiscalização.

Antigamente, a carne era encontrada somente em alguns açougues da Austrália, com especialidade em carnes exóticas. Hoje em dia, já é encontrada nos supermercados em formato de espeto, salsicha, bife ou hambúrguer e, claro, nos restaurantes com diversos tipos de acompanhamento. Entre os vários benefícios: é uma carne magra, com baixo teor de gordura saturada e rica em ferro e proteínas.

Sinceramente, é deliciosa e tem um sabor bem suave, comum ao paladar brasileiro!

Saiba => Tudo sobre a Austrália | 10 dicas imperdíveis

 

8) Foie Gras

Como é feito o foie gras
Foie Gras | Foto: Luigi Anzivino, via Wikimedia Commons.

É uma espécie de patê de gansos, patos e marrecos, considerada uma das maiores iguarias da culinária da França. O nome Foie Gras significa fígado gordo, em francês, e há muita polêmica no consumo desse prato, pois alguns ecologistas não concordam em como são produzidos.

Os patos possuem uma vida confinada e são alimentados de maneira forçada, através de um tubo colocado na garganta, para que o fígado fique hiperdesenvolvido. A alimentação das aves é uma ração feita com gordura de ganso, porco e carboidrato à base de amido de milho.

Para o fígado ficar com uma massa semi sólida, macia e aumentar de tamanho, nos últimos dias de vida, as aves comem até que o fígado cresça 12 vezes mais que o tamanho normal. Após o abate, já está pronto pra comer e muitas pessoas preferem quando recém-retirado do animal ou também cortado em fatias, frio ou cozido.

Eu achei bem nojento!

Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a EASYSIM4U, clicando no botão abaixo você ganha 10% OFF para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão em até 210 países.
 

Confira => Cidades mais lindas do mundo

 

9) Morcela ou Morcilha

Onde comer morcela
Morcela | Foto: Adriao, via Wikimedia Commons.

A morcilha pode ser encontrada em diversos países, desde a Ásia à América Central. No Brasil, também existe a fabricação desse alimento, que foi trazido pelos colonizadores espanhóis e portugueses, conhecida como chouriço. Podemos até considerar também uma comida exótica brasileira.

A base dessa comida exótica é o sangue do porco coagulado e a gordura, que são inseridos nas tripas do animal já limpas, formando uma linguiça preta. Pode conter também os miúdos do animal e carnes rejeitadas com tempero e ervas. Ela pode ser apreciada cozida, assada ou até frita. Geralmente, a morcilha faz parte dos famosos pratos servidos na Espanha: cozido à portuguesa e feijoada.

O sabor é bem forte, prefiro a nossa linguiça!

Supreenda-se => Praias paradisíacas em destinos exóticos

 

10) Peixe feito na brasa com frutas, Filipinas

Comidas diferentes ao redor do mundo

A comida em si não é exótica, mas foi um das refeições mais incríveis que já fiz por minhas viagens ao redor do mundo. Foi durante um passeio de barco para explorar as ilhazinhas e praias nos arredores do Coron, uma das 7107 ilhas das Filipinas. Inclusive, leia mais sobre Coron, um dos paraísos das Filipinas.

Entre mergulhos e paradas em mirantes para tirar fotos, o grupo desembarcou em uma pequena praia deserta para almoçar. Os barqueiros, que também fizeram papel de cozinheiros, prepararam o almoço ali mesmo. Peixe na brasa, arroz, frutas e água de coco. Tudo bem simples, mas não poderia ter sido melhor.

Fazer ou não? => Dúvidas sobre o seguro viagem

 

Comidas diferentes ao redor do mundo

Que tal experimentar ao menos algumas das comidas exóticas ao redor do mundo e se aventurar pelos costumes do paladar de diversos países? Aqui, relatei 10 das comidas exóticas no mundo que pude ter a oportunidade de experimentar em minhas andanças por esse mundão.

Eu acredito que saborear comidas de diferentes culturas nos trazem boas aventuras e histórias pra contar, além de entendermos as raízes históricas profundas de um povo.

Se você achou interessante, compartilha este artigo nas suas redes sociais e deixe sua opinião nos comentários. Vou adorar saber!

 

Leia os últimos artigos do blog

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Guilherme Tetamanti

Paulistano de 35 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *