Siem Reap: o que fazer, atrações e roteiro completo no Camboja

por Guilherme Tetamanti
5/5 - (2 votes)

Siem Reap: o que fazer, atrações e roteiro completo no Camboja

A grande maioria dos turistas que pretende fazer uma viagem para o Camboja, certamente passará por Siem Reap. A cidade é bastante agitada e possui bons restaurantes, bares e movimentada vida noturna. É claro que o principal motivo para esse agito, é o desenvolvimento do turismo, principalmente por ser porta de entrada dos Templos de Angkor Wat, um dos sítios históricos mais importantes do mundo.

A arquitetura do centro da cidade também é atração aos visitantes, principalmente na região conhecida como Old French Quarter. Caminhar pelas ruas, conhecer os segredos dos mercados antigos e saborear a culinária local são alguma opções para quem procura o que fazer em Siem Reap.

Planeje sua viagem => Hotéis em oferta em Siem Reap

Seguro viagem internacional »

 

Templos de Angkor no Camboja

Turismo em Angkor Wat / Camboja
Famoso amanhecer em Angkor Wat.

Durante os últimos anos, conheci muitos viajantes que estiveram em Siem Reap para visitar os templos de Angkor. Todos contavam extasiados sobre a imponência do lugar e como os templos eram mais impressionantes que qualquer outro templo na Tailândia, ou qualquer outro país ao redor do mundo.

Só não imaginava que era tudo tão imenso. Foi o que descobri durante a minha volta do mundo: são 400 km² de área, centenas de templos e portais que definitivamente valem a visita.

O templo mais popular é o Angkor Wat (da foto acima), que é considerado o maior templo religioso do planeta. E já foi muito maior um dia, antes de ser reduzido ao sítio e ocupar quase de 2km de construção.

A Unesco já o classificou como Patrimônios Mundiais da Humanidade e não é para menos: o Angkor Wat era um templo hindu construído em homenagem a Vishnu pelo rei Suryavarman II, mas atualmente é um espaço budista graças ao rei Jayavarman VII.

Chama a atenção as suas torres, cuja maior chega a 55 metros de altura. Porém, muita gente pensa que só existe um templo nessa região arqueológica quando na verdade passam de mil! Isso mesmo! Então, esse sítio arqueológico não pode ficar de fora do seu roteiro pelo Camboja de forma alguma.

Passei 10 semanas viajando no sudeste asiático e conheci dezenas de templos impressionantes, como o famoso Templo Branco de Chiang Rai na Tailândia. Contudo, tenho que confessar que nada é tão esplendoroso como em Angkor Wat.

Além da quantidade e imensidão das construções, a energia desse lugar, com tanta história, lendas e mitos, explica porque é um lugar sagrado e destino turístico cobiçado por viajantes do mundo inteiro.

CLIQUE AQUI para agendar os melhores passeios em Siem Reap »

 

Como chegar em Angkor Wat

Sítio arqueológico no Camboja
Complexo de templos Angkor Wat.

Ao chegar no sítio arqueológico, você pagará a entrada. Existem descontos para o passe de 3 dias e semanal, mas sinceramente não acho que vale a pena para quem não tem tanta grana para gastar.

Eu paguei para entrar 3 dias no parque, com o tour guiado num tuk-tuk, mas no final poderia ter feito o mesmo em 1 dia com moto-táxi. A vantagem é que 3 dias foram legais para curtir os templos com mais tranquilidade e tempo livre.

Os tours guiados geralmente duram de 6 a 7 horas, a menos que entre em algum acordo diferente. Fazendo o passeio por conta em um dia, desde o nascer do sol até o por do sol, é suficiente para conhecer e aproveitar todos os principais templos.

São várias opções de tours para Angkor Wat, todos eles partindo de Siem Reap, a cidade que é ponto de partida. Os templos estão a poucos minutos do centro da cidade e você pode chegar de diversas maneiras.

 
 

Aqui estão alguns dos principais motivos do porquê recomendamos de olhos fechados esses passeios da GetYourGuide no Camboja. Temos certeza de que ao contratar tours e excursões, você vai amar sua experiência:

  • Milhares de atividades imperdíveis para todas as idades e interesses;
  • Os preços mais baixos, garantidos - sem taxas de reserva ou cobranças ocultas;
  • Faça a pré-reserva de ingressos e pule a fila nas principais atrações com o inventário exclusivo de ingressos;
  • Mantenha-se flexível com cancelamento fácil até 24 horas antes;
  • Pagamento e bilhetes otimizados para celular para reservas onde você estiver;
  • Atendimento ao cliente amigável e experiente, disponível 24/7 no seu idioma.
 

Na minha opinião, a melhor opção é fazer o tour por conta de bicicleta ou utilizar o moto-táxi. Você faz no seu tempo, curte o interior do parque e se precisar de uma aula de história, basta contratar um guia por alguns momentos.

Mas para te ajuda a decidir o que é melhor para você, veja agora todas as opções de chegar em Angkor Wat:

– Moto-táxi: boa opção para quem viaja sozinho e quer conhecer o máximo possível em apenas um dia, contando com a ajuda do condutor, que muitas vezes trabalha também como guia. É uma experiência bem local e muito prática;

– Tuk-Tuk: o meio de transporte mais tradicional no sudeste ssiático, é também a maneira mais barata para quem pretende fazer um tour guiado. Com capacidade para até 4 pessoas dá para dividir o valor entre todas elas. Se estiver em 3 ou mais pessoas, procure um motorista que aceite o trabalho. Muitos deles podem dizer que é ilegal levar mais que 2 passageiros, o que é mentira.

No tuk-tuk você faz a viagem seu próprio ritmo durante a visitação dos templos, mas ficam dependentes da velocidade do motorista (é que a maioria dos tuk-tuks é muito lenta). Por exemplo, se tiver somente um dia nos templos de Angkor Wat, isso pode ser um problema. Mas certamente é uma ótima experiência.

 
Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a America Chip, você ganha 10% de desconto com o cupom QUEROVIAJARMAIS para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão 4G de ALTA VELOCIDADE em diversos países. Conheça as vantagens:

  • Receber o chip na sua casa ainda no Brasi;
  • A configuração do chip é extremamente fácil;
  • Os planos têm excelente custo-benefício, com preço a partir de USD 31,00;
  • Muita economia, porque você contrata apenas os dias que for usar;
  • É sem dúvida a opção mais fácil, prática e segura para ter a melhor internet 4G;
  • Já falei internet ilimitada? ;)
 
   

– Van: agências de viagem e hotéis disponibilizam vans com ar condicionado, guia e água, o que faz muita diferença no verão, quando a temperatura supera os 40 graus. Os preços da excursão para os templos de Angkor Wat variam dependendo do número de passageiros. A desvantagem é ter que seguir o ritmo do grupo e ter horário para voltar ao ponto de encontro após cada atração.

A principal vantagem de fazer um tour guiado, é não precisar procurar as principais atrações. O parque é bem grande e basta pedir alguma coisa para o motorista que ele faz. Se tiver sorte, o motorista ainda pode fazer o papel de guia e contar um pouco da história de Angkor Wat. Os tours com as vans dos hotéis e agências, também são muito bons nesse sentido.

– Bicicleta: para quem gosta de praticar exercícios e quer economizar, a diária de uma bicicleta muito barato. É bastante cansativo, principalmente na época seca, pois além de pedalar, subir e descer dos templos também exige bastante esforço. Como já falei acima, o calor é imenso e só vale para quem é amante das bikes. E se quiser explorar os templos por conta de bike e mesmo assim quiser a ajuda de um guia, existem vários na porta dos principais templos.

Incrível => Excursão de jipe em Siem Reap

 

Chong Khneas, a cidade flutuante em Siem Reap

O Camboja é um país muito procurado por mochileiros que estão viajando pelo sudeste asiático. Apesar de ser um destino de viagem tão barato como os vizinhos Laos, Vietnã e Tailândia, os pontos turísticos de Siem Reap possuem entradas com preços que assustam para quem está viajando pela Ásia, mesmo comparadas com atrações de Las Vegas, Paris, São Paulo ou qualquer outra cidade turística.

Em Siem Reap, cidade mais procurada pelos turistas que viajam ao país, as entradas para o Angkor Wat e para a vila flutuante destoam dos preços de alimentação, hospedagem e transporte.

Siem Reap
Criança fazendo pose para pedir dinheiro em Chong Khneas.

Além de conhecer o sítio arqueológico de Angkor Wat, você também pode conhecer mais a cidade de Siem Reap, porta de entrada para os templos. Uma das principais atrações de Siem Reap, é a cidade flutuante de Chong Khneas.

E apesar de ser interessante conhecer esse diferente modo de vida, achei um passeio caro e até mesmo apelativo. Cobra-se por pessoa para utilizar o barco, tuk-tuk e gorjetas para o guia. Considero os preços superfaturados, mesmo em relação a países com custo de vida muito mais caros.

Achei tudo meio teatral para nos sentirmos na obrigação de ajudar a comunidade, com sacos de arroz ou outros produtos para as crianças. Saiba mais em viagem à cidade flutuante de Siem Reap.

Viagem para Siem Reap Camboja
Casa flutuante em Chong Khneas.

Em contrapartida, uma experiência que recomendo muito é provar os sabores da culinária local. No Camboja, para quem tem estômago e coragem, é possível provar uma das iguarias mais famosas do país, a famosa e temida tarântula; isso mesmo, aquela aranha gigante e cheia de pelos. Eu conto tudo isso no post sobre comidas exóticas ao redor do mundo.

Se preferir algo mais normal, o churrasco cambojano é uma boa pedida. A grande diferença é a forma de preparo, com a mini-churrasqueira sobre a mesa dos clientes. Entre as carnes, você poderá provar crocodilo, cobra, avestruz e até mesmo canguru, a minha favorita. No mesmo aparelho, coloca-se água com vegetais para ferver. Com o caldo das carnes, vai se formando uma deliciosa sopa.

Como é o passeio em Chong Khneas

Uma das principais atrações de Siem Reap, é a cidade flutuante de Chong Khneas. Apesar de ser interessante conhecer esse diferente modo de vida, achei um passeio caro e até mesmo apelativo. Além dos US$ 15,00 por pessoa para utilizar o barco, tuk-tuk e gorjetas para o guia, parece que fazem um teatro para nos sentirmos na obrigação de ajudar a comunidade, com sacos de arroz ou outros produtos para as crianças.

O problema são os preços superfaturados, mesmo em relação a países com custo de vida muito mais caros. Sei que a comunidade realmente precisa de ajuda e o turismo é certamente a melhor forma de conseguir recursos para a população, mas acho que a maneira como abordam os turistas, acaba tornando o passeio cansativo. Se realmente oferecessem algo aos visitantes, tudo seria mais natural.

 
Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 20% de desconto usando o cupom CRIANCA, é só clicar no botão.

Conheça as principais vantagens:

  • Melhor preço garantido, cobertura de qualquer oferta de seguro viagem;
  • Assistência médica e hospitalar, seguro de cancelamento e atraso de voos, seguro bagagem, reembolso com despesas médicas e muito mais;
  • É mais barato do que comprar direto nas seguradoras;
  • Cancelamento da contratação sem taxas até 48 horas antes da viagem;
  • Parcelamento em 12x sem juros nos cartões de crédito;
  • Compras com boleto bancário têm 5% de desconto;
  • Atendimento ao cliente 24hs em português.
 
Chong Khneas
Fim de tarde colorido na cidade flutuante de Siem Reap.

A viagem do centro de Siem Reap até a vila flutuante dura uns 30 minutos com os famosos tuk-tuks. O motorista, que dependendo de sua sorte também pode ser um simpático guia, provavelmente irá espera-lo na saída de Chong Khneas. A partir daí, basta pegar o barco que segue pelo rio até chegar na cidade flutuante.

   

O guia conta sobre como funciona a comunidade num tom bastante apelativo, armando o cerco para a doação dos turistas. Não existe nenhum ponto de visitação ou casa que esteja aberta para visitação, apenas o depósito de arroz e a escola. Aí sim, pude descer do barco e entrar no “mercado”, que funciona numa plataforma flutuante.

Confesso que ninguém é obrigado a fazer nenhum doação, mas a insistência é grande. Após comprar um saco de arroz junto com meus colegas da Stray Travel, visitamos duas escolas, entregamos os superfaturados sacos de arroz e assim terminou o passeio.A melhor parte, foi o pôr-do-sol incrível que acontecia enquanto voltava para o hotel.

 

Até parece brincadeira de criança

Cidade flutuante de Chong Khneas

Quando o barco chegou na cidade, logo vi algumas crianças que pareciam brincar alegremente entre as casas do vilarejo flutuante. O barco chegou mais perto e uma das crianças parecia querer me dar a mão. Me estiquei para alcança-la e por um momento achei que iria cair no rio, aí ouvi a menina falando repetidamente:

– One dollar, one dollar, one dollar!!! Isso aconteceu com todas as crianças em seus barcos-bacia. Pois é, infelizmente não é só no Brasil que os pais colocam seus filhos para trabalhar.

Agende => Excursão à cidade flutuante em Siem Reap

 

Viajar para Siem Reap, no Camboja

Dicas do Sudeste Asiático
Angkor Wat.

Siem Reap é destino certo para quem viaja a esse país do sudeste asiático, com temperaturas médias, que superam os 30ºC durante todos os meses do ano. Conhecer Angkor Wat é a motivação dos viajantes, mas todos os outros encantos, a simpatia do povo cambojano e pontos turísticos de Siem Reap, certamente merecem sua visita.

Planejando o que fazer em Siem Reap? Ainda tem dúvidas? Foi e gostaria de contar uma história? Deixe suas dicas e comentários!

Até + !!!

 

 

ESCRITO POR

Guilherme Tetamanti

ESCRITO POR

Guilherme Tetamanti

Paulistano de 40 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Melhores Hotéis

Descubra as melhores opções de hotéis para se hospedar

#02
Icone
Quando Ir

Saiba quando é melhor viajar para aproveitar ao máximo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Curiosidades

Fatos e histórias interessantes para conhecer o destino

#05
Icone
Roteiro de Viagem

Confira tudo sobre o que fazer durante seus dias no destino

#06
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#07
Icone
Fotos

Veja paisagens e fotos das principais atrações turísticas

#08
Icone
Angkor Wat

Tudo para planejar a visita nos Templos de Angkor Wat

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Melhores Hotéis

Descubra as melhores opções de hotéis para se hospedar

#02
Icone
Quando Ir

Saiba quando é melhor viajar para aproveitar ao máximo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Curiosidades

Fatos e histórias interessantes para conhecer o destino

#05
Icone
Roteiro de Viagem

Confira tudo sobre o que fazer durante seus dias no destino

#06
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#07
Icone
Fotos

Veja paisagens e fotos das principais atrações turísticas

#08
Icone
Angkor Wat

Tudo para planejar a visita nos Templos de Angkor Wat

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Quero Viajar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários do post

  1. Rafael Carvalho

    Demais, Guilherme! Ainda mais pra mim, que estou planejando as próximas férias! Parabéns, abraços, Rafa

  2. Guilherme Tetamanti

    Valeu Rafa. Abraços