Início / Europa / Suíça / Regiões turísticas da Suíça: passeios e cidades imperdíveis

Regiões turísticas da Suíça: passeios e cidades imperdíveis

As regiões turísticas da Suíça, um dos países mais charmosos da Europa, atraem visitantes do mundo todo, seja para contemplar as paisagens dos Alpes, observar a arquitetura encantadora e medieval ou experimentar uma gastronomia envolvente. O país é divido em 26 cantões (similares a estados) e possui quatro línguas oficiais (alemão, francês, italiano e romanche).

A cultura das regiões turísticas tem traços diferentes em cada localidade. A região próxima à fronteira da França (oeste) possui cultura francesa; ao norte, a influência maior é alemã e; ao sul, italiana.

As principais cidades do país encontram-se espalhadas nessas três principais regiões, por isso, o ideal é separar alguns dias para explorar um pouco de cada cultura. Há ainda um quarto item digno de roteiro: os vilarejos alpinos. Vale a pena e devem ser incluídos para conhecer um pouco das montanhas mais encantadoras do país.

A Suíça não é extensa territorialmente e o deslocamento pode ser realizado muito facilmente. Lembre-se de observar a estação do ano, pois o clima altera muito as paisagens e possibilidades de atividades no país. No verão, por exemplo, se precisar optar, escolha visitar a parte francesa e desfrutar dos lagos, já no inverno, vale a pena investir em locais em que é possível esquiar.

Planeje sua viagem​ => Melhores hotéis da Suíça em oferta

Quanto custa o seguro viagem para a Europa obrigatório?

 

Regiões turísticas imperdíveis da Suíça

  • Região Francesa
  • Região Italiana
  • Região Alemã
  • Vilarejos Alpinos

Descubra​ => Quando ir para a Suíça: melhor época e clima

 

Região Francesa

Roteiros turísticos pela Suíça
Chillon fica na parte francesa da Suíça.

Marcada por muito charme, a região francesa se destaca pela presença dos lagos. Os vizinhos estão tão próximos que na cidade de Lausanne, por exemplo, é possível chegar em Evian (França) com apenas quarenta minutos a bordo de um belo barco.

Sem dúvidas, essa é a parte mais encantadora de toda a Suíça, por isso, prepare-se para descobertas incríveis.

Roteiro pela Suíça dicas
Vista para o lago em Genebra.

Entre as principais cidades para incluir no roteiro nessa região, destacam-se Genebra, Lausanne e Montreux, além dos charmosos vilarejos pelo caminho.

Cada cantinho possibilita uma descoberta! Um bom motivo para começar o roteiro por essa parte é que o Aeroporto de Genebra está localizado bem próximo ao centro da cidade.

Genebra ficou conhecida como sede de órgãos que realizam trabalhos humanitários, por isso, tornou-se um dos principais locais de encontro de líderes mundiais.

Entre as belezas da cidade, destacam-se o jato de água com mais de cem metros e o relógio florido. Conheça uma excursão turística por Genebra com cruzeiro.

Lugares lindos na Suíça
Bois de Sauvabelin | Foto: Gzzz, via Wikimedia Commons.

Além da famosa capital da paz, a cidade de Lausanne é outro destino importante na região. Com um ar ora universitário, ora medieval, a cidade abriga diversas universidades, mas também possui um centro com uma arquitetura encantadora.

Ademais, Lausanne oferece bons passeios, como o Bois de Sauvabelin, bosque de ar fresco possuidor de uma torre que garante uma das melhores vistas da cidade. Para conhecer tudo isso de perto, confira os 10 melhores hotéis de Lausanne.

Dicas de passeio pelas regiões turísticas da Suíça
Montreux é conhecida como “Riviera Suíça”.

Um dos destinos mais bonitos nessa região, conhecido como “Riviera Suíça” é a charmosa Montreux, palco de diversos festivais e do principal mercado de Natal de todo o país. Descubra os 30 melhores hotéis de Montreux.

A principal atração da cidade é o castelo de Chillon, mas os encantos da cidadezinha estão espalhados por vários cantos do município.

A cidade está a apenas uma hora de Genebra e vinte minutos de Lausanne e existem passeios de bate-volta como o tour por Vevey, Montreux e Lavaux.

Para conhecer os principais pontos turísticos de cada município reserve um dia para cada, se precisar escolher algum ponto para ser base durante a estadia opte por Lausanne, mais barata que Montreux e mais perto dos outros destinos do que Genebra a cidade será um excelente ponto para os bate-voltas.

Na região de Lausanne ainda estão os Vinhedos de Lavaux, declarados Patrimônios da Humanidade pela Unesco.

Fotos dos lugares mais bonitos da Suíça
Vilarejo de Gruyères na Suíça.

Caso tenha mais tempo, reserve um dia para conhecer o Vilarejo de Gruyères. Com somente uma rua, essa aldeia é uma das mais bonitas de todo o país. Veja alternativas de hotéis em promoção perto de Gruyères.

Nele, há a oportunidade de conhecer uma típica fábrica de queijo suíço, além de um dos castelos mais conservado. Tem até uma excursão saindo de Genebra com degustação de chocolate.

Programe-se​ => Ingressos para passeios imperdíveis em Genebra

 

Região Italiana

Roteiros turísticos da Suíça dicas de passeios
Lugano é destino de férias de muitos suíços e italianos.

A principal cidade da região italiana da Suíça é Lugano, com arquitetura que se difere do restante do país, as construções do município assemelham-se à região de Lombardia, na Itália.

Com belos jardins e áreas verdes o município é destino de férias de muitos suíços e italianos. Há trens partindo de Zurique com destino a Lugano, com duração média de três horas de viagem.

Regiões que vale a pena conhecer na Suíça
Castelgrande na Suíça.

Além de Lugano, uma das cidades mais interessantes dessa região é Bellinzona, principalmente, por possuir três castelos patrimônios da Unesco: Castelgrande, Montebello e Sasso Corbaro. As obras foram feitas por duques de Milão durante a Idade Média com objetivo de fortificar, ajudando na defesa da região.

Para onde ir na Suíça?
Locarno, Suíça.

Outra bela cidade nessa região é Locarno. Não há trem direto, mas uma viagem iniciada em Berna dura cerca de três horas, por isso, fazer um bate-volta pode ser cansativo. Portanto, avalie a possibilidade de se hospedar na região, para isso veja os hotéis em oferta em Locarno.

Chip​ => Como usar ter internet ilimitada na Europa

 

Região Alemã

Onde passear nas regiões turísticas da Suíça
Lucerna possui a ponte de madeira mais antiga de toda a Europa.

Das regiões da Suíça a maior é a alemã. A capital Berna e a agitada Zurique fazem parte da região, além da linda cidade de Lucerna. Começar a conhecer o país a partir dessa cultura é uma ótima opção.

Vai viajar e não contratou seu Seguro Viagem?
 

Os Alpes também fazem parte dessa região. Entretanto, para facilitar na montagem de um roteiro separei-os como um lugar específico. Afinal, nem só de montanhas é formada a bela Suíça.

Roteiro turístico Zurique
Zurique, Suíça

Iniciando os passeios por Zurique, aproveite para desfrutar da atmosfera urbana da cidade, pois ela pode ser considerada a mais cosmopolita de todo o país. Conheça os principais atrativos de Zurique em uma excursão guiada.

O município possui diversos museus, como o da Fifa e também, uma fábrica da Lindt, com chocolates com um bom preço e uma parte interativa.

Conhecer toda a Suíça
Berna, Suíça.

Na capital Berna, as ruas exibem bandeiras, transparecendo o patriotismo do país. Caminhar pelo centro é uma experiência fascinante para observar as diversas fontes espalhadas por toda a cidade. Uma delícia experimentar um passeio a pé por Berna por toda a cidade velha.

Um passeio próximo de Berna que vale a pena é uma visita à fábrica de biscoitos Kambly na qual, pode-se experimentar livremente diversos sabores salgados, doces, amanteigados e suspiros. Veja também onde ficar em Berna.

Dicas de roteiros e passeios pela região turística da Suíça
Zurique é considerada a cidade mais cosmopolita de todo o país.

A região alemã ainda oferece aos viajantes descobertas na cidade de Lucerna, destino para aventureiros e apreciadores de belas paisagens, Lucerna exibe seus encantos entre lagos e montanhas.

Uma ótima indicação é desfrutar de um cruzeiro panorâmico em Lucerna.

Cenários de filme na Suíça
Lucerna, Suíça.

O principal atrativo do município fica por conta da ponte de madeira mais antiga de toda a Europa que possui um grande acervo de obras retratando a história da região.

Com exceção dos viajantes que procuram atividades na neve, o inverno é a estação menos recomendada para conhecer essa região, uma vez que os dias são mais curtos, escurecendo cedo. Descubra também onde ficar em Lucerna.

Dicas​ => Atrações e passeios nas cidades mais bonitas da Suíça

 

Vilarejos Alpinos

Dicas de passeios pelas regiões turísticas da Suíça
Zermatt tem três ótimas pistas de esqui no inverno.

Impossível falar de Alpes Suíços sem mencionar em primeiro lugar a cidadezinha de Zermatt.

Pensando na viagem e não sabe como começar?
"Quero Viajar Mais", o livro, por R$ 14,95 »
Ganhe 10% OFF no Seguro Viagem + bônus!
 

A localização desse vilarejo, apesar de estar a três horas de Zurique, o deixa ideal para a prática de diversos esportes, como trekking, escalada e ciclismo no verão e três ótimas pistas de esqui no inverno. Saiba onde se hospedar em Zermatt.

Com certeza, você já viu a montanha mais famosa da região: a Matterhorn, que ilustra as embalagens do chocolate Toblerone. Aliás, a loja da Lindt em Zermatt costuma ter bons preços. Veja uma excursão até Matterhorn.

Um dos passeios mais fascinantes nessa região é a viagem de trem panorâmico que liga esse destino à St. Moritz.

O que visitar na Suíça
Matterhorn, Suíça.

Outro destino nessa região é a famosa Interlaken, localizada a cerca de duas horas do aeroporto de Zurique. O município encontra-se entre dois lagos. Encontre hotéis em Interlaken com menores preços.

Teleféricos e barcos fazem parte do turismo na cidade e por eles a paisagem pode ser observada por outros ângulos. De lá, é possível ainda fazer uma excursão de um dia para Jungfraujoch a partir de Interlaken.

Confira​ => Quanto custa um seguro de viagem internacional?

 

Roteiro pelas regiões turísticas da Suíça

Dicas de roteiros pelas regiões turísticas da Suíça
Castelos de Bellinzona são considerados patrimônios da Humanidade pela Unesco.

Apesar de não possuir um território muito extenso, cada cantinho da Suíça traz algo muito especial, principalmente pela belíssima arquitetura e paisagens de lagos e montanhas.

Para montar um roteiro sem erros, basta escolher o aeroporto: Genebra para conhecer o lado francês ou Zurique para a região alemã. A parte italiana e os Alpes podem ser incluídos em qualquer um dos dois planejamentos.

Os suíços, no geral, são bastante educados e solícitos com estrangeiros, mesmo se você não falar o idioma deles.

Porém, como o idioma muda bastante dependendo da cidade, procure ter um tradutor, principalmente na região alemã, para compreender placas e embalagens no mercado.

Veja também os melhores aplicativos para uma viagem para a Europa. Entretanto, a maioria dos moradores fala inglês, o que facilita a comunicação.

Boa parte dos hotéis disponibiliza um cartão de transporte que garante gratuidade de viagens e descontos em entradas de castelos e museus, verifique se a sua hospedagem possui esse benefício.

O transporte público é organizado e funcional, horários são levados a sério. Pontualidade é importante, cuidado para não perder o trem.

Aproveite sua estadia para olhar vitrines, conhecer e quem sabe comprar um exemplar de relógio ou canivete suíço. Outra dica de compras é adquirir chocolates em mercados, pois costumam ser bem mais baratos do que em chocolaterias ou lojas específicas.

Por fim, lembre-se: ainda que o euro seja aceito em algumas lojas, a moeda do país é o Franco Suíço. Organize-se para não passar aperto. Cidadãos do Brasil não precisam de visto para permanecer por até 90 dias na Suíça como turistas. Então, agora é só fazer as malas e ir conhecer esse lindo destino.

Já conhece as regiões turísticas da Suíça? Conte nos comentários qual dessas é a sua preferida ou que gostaria de conhecer!

 

Leia nossos últimos artigos sobre a Suíça​:

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Redação QVM

A redação do Quero Viajar Mais está sempre em busca das melhores dicas para você conseguir planejar sua viagem, seja um simples final de semana na praia ou mesmo uma volta ao mundo. Siga nossos perfis nas redes sociais: @QueroViajarMais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *