quarta-feira , 23 / agosto / 2017
Cadastre seu email para receber nossas atualizações!
Início / Categorias / Dicas / Como e onde comprar dólar mais barato para viajar?

Como e onde comprar dólar mais barato para viajar?

Quando vamos fazer uma viagem internacional, a compra de moeda estrangeira sempre gera dúvidas. Ficamos confusos em como levar dinheiro para o exterior: papel moeda ou cartões pré-pagos? Onde comprar: banco, casa de câmbio ou online? Como pesquisar a cotação? Quais taxas são obrigatórias?

Eu era um desses e sempre fiquei muito confuso com o processo, mas com o tempo, depois de tantas viagens, fui aprendendo a lidar com os macetes de como comprar dólar, euro e outras moedas, garantindo sempre o melhor preço. Para ajudar quem também anda confuso, preparei esse post com dicas sobre como comprar dólar com o melhor preço. Você entenderá como funciona o mercado, e na prática poderá pagar mais barato na compra de qualquer moeda estrangeira.

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?
Compare preços e compre online no Bee Câmbio »

 

Entendendo a cotação do dólar

Onde comprar dólar mais barato

O primeiro passo para aprender como comprar dólar barato é entender as diferenças entre as cotações e os tipos de dólar. Muita gente acha estranho ver na TV um valor, e quando liga para a casa de câmbio ser informado de outro mais caro. Isso acontece porque existem diferentes tipos de cotação e o valor é definido de acordo com a finalidade.

O câmbio ou cotação do dólar é o valor da moeda em reais, ou seja, ela informa quantos reais são necessários para comprar 1 dólar. Por sua vez, o câmbio comercial ou o dólar comercial é o valor usado por empresas e bancos em suas transações, como importação, exportação, transferências financeiras, etc.

E a parte que nos interessa, o dólar turismo, é aquele que compramos quando vamos fazer alguma viagem ao exterior. Ele também é usado para gastos em estabelecimentos internacionais, e também para a conversão de débitos efetuados em moeda estrangeira no cartão de crédito.

Por fim, há ainda a taxa de venda e taxa de compra. A taxa de venda é o preço cobrado pelo banco ou casa de câmbio para vender a moeda estrangeira (ou seja, o valor que você paga ao comprar a moeda). A taxa de compra é o preço que o banco ou a casa de câmbio pagam pela moeda estrangeira que é ofertada (ou seja, é o valor que você receberá se vender dólar).

Entendido isso é hora de escolher onde comprar seu dólar para a viagem. Como a cotação varia muito e há diversas casas de câmbio no mercado, para saber quais são as empresas que oferecem uma cotação menor, uma dica é consultar o ranking do Banco Central. Ele é divulgado mensalmente e mostra quanto os bancos e casas de câmbio cobraram em média pela moeda no mês.

Os números divulgados se referem ao valor efetivo total (VET), que inclui a taxa de câmbio, as tarifas e o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). O Banco Central disponibilizou também um aplicativo para celular chamado Câmbio Legal. Através dele é possível encontrar casas de câmbio legalizadas próximas a você. Além disso, o aplicativo oferece uma ferramenta de conversão de moedas, utilizando a taxa de referência PTAX divulgada pelo Banco Central e a consulta do histórico de cotações de moedas.

Ele está disponível para sistemas iOS e Android e é bastante útil para quem está planejando uma viagem e quer saber onde comprar dólar barato. Além do aplicativo do Banco Central, existem vários outros aplicativos para ver a cotação de moedas disponíveis gratuitamente que ajudam a monitorar a cotação em casas de câmbio perto de você.

Outra dúvida recorrente é se há limite de dinheiro em viagem internacional. Não há um valor máximo que a pessoa possa levar em papel moeda para viagens internacionais. Entretanto, se o montante ultrapassar R$ 10.000,00, você deverá declarar a Receita Federal.

 

É mais barato comprar em banco ou casa de câmbio?

Essa é uma dúvida recorrente e não tem resposta certa ou errada, pois dependerá de vários fatores. A primeira coisa que é necessário saber, é que ao ligar solicitando a cotação em um banco ou casa de câmbio, o valor informado quase sempre será menor no banco. Isto porquê no valor de venda do dólar turismo nas casas de câmbio, já estão embutidas todas as taxas referentes a compra. Por sua vez, o banco não embute essas taxas no valor da cotação, que é cobrada de forma separada.

Isso acontece porque as tarifas são calculadas de acordo com a sua relação com o banco. Por exemplo, se você é correntista ou não, qual o tipo de sua conta, etc. Para clientes do banco, principalmente aqueles especiais, é possível negociar boas condições de compra, com redução das taxas. Além disso, se você estiver negociando a compra de um grande montante, certamente as taxas serão mais flexíveis. Basta pechinchar!

Há um macete importante para descobrir o que vale mais a pena no seu caso. Basta dividir a taxa cobrada pelo banco, pela diferença das duas cotações. O resultado final será o valor mínimo que compensa comprar no banco.

Por exemplo, se a taxa do banco for R$30,00 e a cotação estiver a R$3,40 na casa de câmbio e R$3,30 no banco (a diferença entre eles é 0,10), então divida R$ 150,00 por R$0,10. O resultado é 1500. Isso significa que para compras inferiores a esse valor vale a pena comprar na casa de câmbio. Já para quem deseja comprar um valor superior, o mais vantajoso é comprar no banco. Desta forma, na hora da escolha não tem como fugir. O jeito é pesquisar e fazer as contas direitinho, para tomar a decisão correta e economizar.

 

Comprar papel moeda ou cartão pré-pago viagens?

Sempre questionamos também se vale mais a pena levar dinheiro (papel moeda) ou adquirir um cartão pré-pago para viagens, como o Visa Travel Money, por exemplo. Mais uma vez isso dependerá do seu destino, tempo de viagem, orçamento, etc.

Para comprar dólar ou outra moeda estrangeira em papel moeda, você paga um IOF de 0,38% (aumentou para 1,1% em maio de 2016). Levar papel moeda tem como vantagem o imposto mais baixo e a possibilidade de ter um maior controle financeiro, pois você sabe com clareza qual o seu orçamento e percebe melhor como o dinheiro está sendo gasto. Entretanto, não é muito seguro você andar com grandes quantias de dinheiro durante sua viagem, pois corre risco de perder, sofrer assaltos, etc.

Por sua vez, para comprar o cartão pré-pago de viagens você paga um IOF de 6,38%, e de um modo geral não é cobrada uma taxa de aquisição (mas isto vai depender do emissor). Este tipo de cartão é amplamente aceito em estabelecimentos comerciais, já que os mais comuns são das bandeiras Visa ou Master. É possível ainda fazer saques em caixas eletrônicos de redes conveniadas com esse tipo de cartão, mas para esse serviço é cobrada uma taxa por cada operação, que vai variar de acordo com o banco e caixa eletrônico.

Por causa dos impostos, esse tipo de cartão sai bem mais caro do comprar o papel moeda, mas esta forma de levar dinheiro para o exterior é mais segura, pois não é necessário andar com grandes quantias em espécie, e em caso de perda ou roubo é possível bloquear o cartão. Além disso, caso seja necessário, há a opção de fazer recarga pela internet ou telefone.

O ideal é mesclar entre as duas alternativas, ter um pouco de dinheiro em espécie e o restante em cartões. Ter um cartão de crédito internacional também é importante!

 

Onde comprar dólar e moeda estrangeira?

As opções são muitas e como não somos especialistas no assunto, sempre ficamos confusos e inseguros na hora de tomar uma decisão de como comprar dólar e como levar o dinheiro para a viagem. Uma coisa que aprendi com as minhas viagens é que com dinheiro a gente não brinca.

Então, na hora de comprar dólar ou qualquer outra moeda estrangeira, é necessário ter confiança na empresa escolhida para não ter nenhum problema e correr o risco de estragar a viagem. Com anos de experiência em viagens internacionais, hoje tenho minhas preferências e peguei confiança comprando online no site Bee Câmbio, que aliás é parceiro do QVM 🙂

Com o tempo e depois de passar muita raiva com outras empresas, fui percebendo que os preços eram sempre os melhores, e que ficava muito satisfeito com o atendimento e o serviço prestado. Por isso viraram parceiras do blog! Outra facilidade que me ganhou, é a possibilidade de comprar online e ter o papel moeda ou o cartão entregue na minha casa, sem eu precisar sair.

Comprar dólar online, ou qualquer outra moeda, me poupa tempo e é muito mais seguro, pois não é preciso andar com grande quantia de dinheiro na rua. Por esses motivos, ao me perguntarem como levar dinheiro para viagens e onde comprar dólar, eu indico o Bee Câmbio.

Não há uma resposta certa de qual é a melhor forma de levar dinheiro para viagem e de onde comprar dólar. Isso vai variar de caso a caso, mas coloque sempre na balança a praticidade, segurança e preço. E seja qual for a sua escolha, opte sempre por fazer a compra em empresas de confiança. Não deixe que imprevistos atrapalhem sua viagem!

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Guilherme Tetamanti

Paulistano de 35 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

Confira Também

Conversos de moedas do Melhor Câmbio

Como achar casas de câmbio com a melhor cotação do dólar hoje?

Passagens aéreas compradas, hotéis reservados, seguro viagem contratado e o roteiro completo da viagem está …

4 Comentários

  1. JESSIKA MAYARA LISBOA

    Olá guilherme. Estou indo como au pair. E tenho muitas duvidas. De como levar dinheiro pra esses primeiros dias, se vale a pena levar em espécie, ou qual cartão eu uso. e também chegando la vou fazer conta em banco, mas e se eu quier ter outro cartão, qual eu devo usar? Se alguém quiser colocar dinheiro pra mim aqui no Brasil, e eu usar lá, qual melhor solução? Existem outros cartões além do travel money? Como eu recarrego os cartões pre pagos lá fora? Meu cartão aqui no brasil é débito somente e não é internacional. Compensa fazer ele crédito e internacional? Tenho muuuuuitas dúvidas sobre isso.

  2. Rogério Cardoso

    Boas dicas. Só uma correção. O IOF cobrado nas transações de compra de moeda em espécie sofreu um aumento tem alguns meses. Agora a taxa é de 1,1%, e não mais 0,38%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *