Natal

O turismo em Natal atrai mais de 2 milhões de viajantes todos os anos. Também, com cerca de 300 dias de sol no ano, praias maravilhosas, dunas e gastronomia deliciosa, sobretudo para quem adora camarão, não podia ser diferente.

Além de todas as belezas naturais e da culinária, a cidade ainda é moderna, urbana e cheia de atrativos para quem curte passear durante o dia ou sair à noite. Isso sem falar no artesanato típico maravilhoso. Não é à toa que a capital do Rio Grande do Norte virou a porta de entrada para viajantes europeus. Nos últimos anos, cada vez mais há voos direto de várias cidades do velho continente para Natal.

Quer saber mais sobre o turismo em Natal? Veja neste artigo todos os links para os posts sobre Natal, RN, com seus pontos turísticos, clima, onde se hospedar na cidade e tudo para montar seu roteiro na capital do Rio Grande do Norte.

Planeje sua viagem => Hotéis em Natal

Seguro viagem para viajar no Brasil »

 

Turismo em Natal: mapa da cidade

  • Unidade federativa: Rio Grande do Norte
  • Área total: 167,264 km²
  • População total: 890 480 hab.
  • Clima: Tropical úmido

*Fonte: Wikipédia

CLIQUE AQUI para agendar os melhores passeios em Natal »

 

Tudo sobre Natal

o que fazer em natal
Vista de Natal | Foto: Josep, via Wikimedia Commons.

Natal é a capital do Rio Grande do Norte. É a 2ª capital brasileira com menor área territorial (167 km²) e, por outro lado, a 6ª maior capital em densidade populacional com mais de 877 mil habitantes, resultando em 5.247 habitantes por km².

Com cerca de 300 dias de sol por ano, altas temperaturas, dunas, camarões e muito mais, a cidade já recebeu diversos apelidos. Entre eles, Cidade do Sol, Noiva do Sol, Capital Espacial do Brasil, Capital Mundial do Buggy, Terra do Camarão e ainda Londres Nordestina.

Prático => Transfer do aeroporto de Natal para o hotel

 

Mais da história de Natal

o que ver em Natal
Ponte Newton Navarro. Foto: Gil Filgueira, via Wikimedia Commons

Até o ano 1000, a região de Natal era habitada pelos índios tapuias, que foram expulsos do local pelos índios tupis, da etnia potiguara, que vieram da região Amazônica. Quando os portugueses chegaram ao Brasil, uma frota foi enviada para a capitania do Rio Grande para colonizar o local.

Mas essas colonização não foi tranquila, já que houve resistência dos índios que se juntaram aos piratas franceses que traficavam pau-brasil para expulsar os portugueses. Em 1597, uma nova esquadra portuguesa chegou pelo Rio Potengi e conseguiu ocupar a região começando, em seguida a construção de um forte.

A vila cresceu no entorno desse forte, chamado de Fortaleza da Barra do Rio Grande. Essa vila foi batizada de Cidade dos Reis e depois passou a se chamar Cidade de Natal. O crescimento foi lento por séculos e só se acelerou a partir de 1922 sobretudo por conta da aviação, já que recebia muitos hidroaviões.

Natal passou por uma violenta rebelião em 1935, foi uma base para abastecimento de aviões norte-americanos durante a 2ª Guerra Mundial e foi na cidade que o presidentes do Brasil, Getúlio Vargas, e dos Estados Unidos, Franklin Roosevelt, se encontraram e foi acordada a participação brasileira na 2ª Guerra.

Ingresso => Forró do turista em Natal

 

Qual a melhor época para ir a Natal?

dicas de viagem Natal
Dunas de Natal

O clima de Natal é tropical com temperaturas elevadas ao longo do ano todo, tendo pouca variação entre o verão e o inverno. No verão, entre janeiro e março, o clima é bem seco, já entre o outono e o inverno (de abril a julho) chove mais e entre o inverno e a primavera (agosto e outubro) os ventos são muitos fortes.

Para telefonar para Natal é preciso usar o código telefônico 84. O fuso horário de Natal, assim como de todo o estado, é o mesmo que de Brasília, ficando -1 hora que a capital brasileira quando é horário de verão no país, que não é adotado no Rio Grande do Norte.

Agende => Passeio de barco em Natal

 

O que fazer em Natal

Conhecida como a Cidade do Sol por conta do clima e os quase 300 dias ensolarados, possui uma infraestrutura turística muito interessante, com ótimo hotéis e resorts; convidativo para famílias, grupos de amigos e até mesmo casais em lua de mel.

Para finalizar, veja este vídeo do site oficial do turismo de Natal e saiba mais sobre a capital do estado brasileiro do Rio Grande do Norte:

 

O que não se pode deixar de fazer em Natal?

Pontos turísticos e passeios

melhores passeios em natal
Forte do Rei Magos Foto: Jean Paulo de Souza Henrique, via Wikimedia Commons

Natal é uma cidade maravilhosa e com uma lista imensa de atrativos turísticos. Inclusive, a capital do Rio Grande do Norte está na minha lista dos melhores lugares no Brasil para lua-de-mel. Entre os pontos turísticos de Natal, os mais famosos são a Praia de Ponta Negra, onde fica o Morro do Careca, uma das várias dunas e cartão postal da cidade.

Além da Catedral Metropolitana, do Centro Histórico, Forte dos Reis Magos, uma construção militar que tinha como objetivo observar quem chegava do mar e proteger a cidade.

O Forte dos Reis Magos foi inaugurado no dia 25 de dezembro de 1599 e trata-se de uma fortaleza em formato de estrela. Em 2019, o forte passa por reformas e está fechado para visitação, com previsão de reabrir no início de 2020.

Quando visitá-lo, observe a igreja situada bem no centro e também o piso do local, que é original da época. Neste ponto turístico ainda existem canhões preservados e uma ponte na saída onde é possível tirar ótimas fotos.

dicas de viagem Natal
Dunas de Natal

A Ponte Newton Navarro, a Avenida Via Costeira, o Parque das Dunas e às Dunas de Genipabu, onde você pode fazer um passeio de buggy pelas dunas.

Areias com formato inigualável, água cristalina, sensação de liberdade e um visual digno do paraíso. Estes requisitos são atendidos pelas Dunas de Genipabu, que ficam localizadas a 15 km do centro turístico de Natal.

Geralmente, os turistas a visitam ao comprar o passeio de buggy, onde o condutor faz a rota tradicional e pode até andar de lado nas partes altas, o que traz uma adrenalina muito legal e, em alguns casos, tem também a parada para andar de dromedário.

dicas de viagem Natal
Centro de Turismo de Natal. Foto: enioprado, via Wikimedia Commons

O Centro de Turismo de Natal, localizado em um edifício antigo bem conservado com vista para o Forte dos Reis Magos, abriga uma feira de lojas de artesanato, memorial com a história do local (era um presídio), lanchonete e restaurante.

A grande atração do local ocorre todas às quintas, no tradicional Forró com Turista.

Sempre às 22 horas, uma banda potiguar embala as pessoas a dançarem no ritmo da música nordestina; é muito comum ver famílias com crianças, é um ambiente muito agradável.

verão em natal
Praia do Forte | Foto:  Alex Régis/MTur Destinos, via Wikimedia Commons.

Outras praias de Natal estão as lindas e famosas Praia do Cotovelo, Praia dos Artistas, Praia do Forte. A Praia do Meio, apesar de ser urbana, é em geral recomendada para banho, por isso, aproveite para dar um relaxante mergulho e contemplar uma bela visão multicolorida dos corais, além de uma bela variedade de peixes.

A praia possui areia em um tom quase dourado, fofa e larga (o que facilita a frequente prática de esportes, como o vôlei e frescobol), um mar um pouco agitado de águas cristalinas. A Praia do Meio é ótima também para a prática de esportes aquáticos, como o surf.

Você também pode fazer passeio de bugue e aproveitar a belíssima vista do trajeto. Se desejar um pouco mais de tranquilidade, procure ficar nos quiosques ou nos restaurantes da orla.

A Praia da Areia Preta e da Redinha. Entre os atrativos estão o Canto do Mangue, considerado um dos mais lindos pores-do-sol da cidade, e as lagoas de Pitangui e de Jacumã, o Aquário de Natal.

praias de natal
Praia da Areia Preta | Foto: Patrick – Patrick, via Wikimedia Commons.

Se couber no seu roteiro, faça um passeio à Praia de Pipa, que fica a 80 quilômetros de Natal, em Tibau do Sul, ou a Parnamirim, onde você pode conhecer o maior cajueiro do mundo, ou ainda faça uma excursão para a Praia de Maracajaú, a 60 quilômetros de Natal, que é conhecida como o caribe brasileiro, devido ao azul do mar e da barreira de corais.

Se você deseja economizar sem perder o conforto na sua hospedagem, conheça as opções de Airbnb em Natal. Hospedagens em apartamentos e casas, nas praias de Ponta Negra, do Meio e também nos arredores da cidade no RN, como Parnamirm e Pipa.

Completo => City Tour em Natal com praias

 

Quantos dias são suficientes para conhecer Natal?

Eu sugiro ao menos 3 dias para apreciar as belezas de Natal, antes de partir para suas belas praias nos arredores. Caso queira incluir um roteiro mais amplo, 7 dias são suficientes para explorar a capital e suas proximidades.

Fazer turismo em Natal é fantástico e só pesquisando para montar seu roteiro você já começa a entender porque milhões de viajantes vão conhecê-la ao longo do ano. Mas, somente chegando na cidade e vendo as belezas naturais e a modernidade da capital do Rio Grande do Norte é que você entende totalmente, isso se já não se apaixonar logo de cara.

Seja em um mochilão pelo Nordeste ou em uma viagem para o Rio Grande do Norte não deixe Natal de fora do seu roteiro e aproveite tudo que a capital tem para oferecer aos seus visitantes.

Para outras informações sobre Natal, visite o site da Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem (RBBV) e procure o post índice do Rio Grande do Norte. Lá estão relacionados artigos sobre diversos destinos produzidos por blogueiros viajantes de todo o Brasil.

 

Já conhece Natal ou a cidade ainda está na sua lista de destinos? Conte nos comentários o que mais te interessa na cidade.

Até + !!!

 

Background Tickets
Natal

Promoções de Passagens

Selecione um filtro para visualizar os pacotes de viagens.
Natal

Lazer e Diversão

Background Acomodação
Natal

Ofertas de Hotéis

Preços mais baixos encontrados por usuários reais.
Os valores podem variar conforme disponibilidade, datas e taxas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *