Início / Oceania / Nova Zelândia / Travessia Tongarino, 8 horas incríveis na Nova Zelândia

Travessia Tongarino, 8 horas incríveis na Nova Zelândia

A Nova Zelândia é um dos países com as mais diversas e incríveis belezas em todo o mundo, mas isso descobre-se fácil, basta pesquisar um pouquinho sobre seus encantos. O trekking conhecido como Tongarino Alpine Crossing, ou simplesmente Travessia Tongarino, é uma longa trilha que atravessa Parque Nacional Tongarino. Para você começar a imaginar, o lugar é tão incrível que foi eleito uma das melhores caminhadas de 1 dia em todo o mundo, sendo sem sobre de dúvidas uma das atrações mais tops da Nova Zelândia.

Já fiz dezenas e dezenas de trilhas ao redor do mundo, subi vulcões, geleiras e vi com meus próprios olhos cenários de arrepiar, mas sinceramente nada como a sequência surpreendente de lugares alucinantes como no Tongarino National Park.

Planeje sua viagem => Stray Travel, a melhor agência para tours na Nova Zelândia

 

Dicas gerais sobre a Travessia Tongarino

Não tive nenhuma dificuldade ou esforço para planejar minha visita ao Tongarino, pois como estava viajando com roteiro pré-estabelecido pela Stray Travel, já estava tudo agendado. Confesso que geralmente prefiro fazer minhas viagens por conta própria, mas após muitas recomendações de amigos, resolvi comprar um de seus pacotes de viagem….foi sensacional, por diversos motivos.

Caso esteja viajando por conta própria, fique atento, pois em determinadas épocas do ano é preciso reservar para conseguir ter acesso ao parque. Como a trilha é bastante procurada pelos viajantes e existe um limite diário de visitantes, não corra o risco de ficar de fora. Mais informações no site oficial do parque.

Como chegar | O parque está localizado na região central da ilha norte, pertinho do famoso Lago Taupo e 350 km ao sul de Auckland. Chegar de carro é obviamente bem fácil, mas de qualquer maneira você precisará de transporte para o trajeto de volta para o estacionamento. Neste caso utilize transfers com o Mountain Shuttle. De ônibus, compre passagens na Naked Bus caso saia direto de Auckland ou a Hot Bus para saídas de Rotorua ou Taupo. Nesse link você encontrará mais informações sobre meios de transporte, inclusive se preferir contratar uma agência de viagem.

Quando ir |  O ideal mesmo é durante os meses mais quentes, entre outubro e maio, mas é possível fazer a trilha até mesmo no inverno, mas nesse caso não deixe de contratar um guia.

O trekking | Um trilha que dura de 6 a 8 horas e exige moderado esforço físico, então é desaconselhável para sedentários de plantão. São muitas variações de terreno, cascalho, pedras soltas, subidas íngremes, vento frio e 19,4 km de distância e cerca de 1000 metros de variação de altura, então é preciso realmente bater de frente com a situação.

O que levar | Água, comida, protetor solar, um kit básico de primeiros socorros, celular e mapa da trilha, que você consegue facilmente nos ônibus ou centro de informações do parque.

O que vestir | Em condições normais é preciso de calça, camiseta, boné, luvas, blusa de frio e uma bota é altamente recomendável. Uma jaqueta corta-vento que também seja impermeável é essencial. Caso esqueça alguma coisa, o próprio parque aluga todo o necessário para uma caminhada confortável.

Ainda com dúvidas sobre as atrações turísticas?
 

 

Minha experiência no Tongarino

Tongarino Alpine Crossing

Marco zero da Tongarino Alpine Crossing, mas ao fundo já conseguia ver o que viria pela frente. Momento para ir ao banheiro, pois após esse ponto apenas no meio e final da trilha.

Trekking no Parque Tongarino
Placa no início da trilha: “Você está mesmo preparado para continuar?”

Logo nos primeiros quilômetros da trilha vejo essa placa para certificar que o visitante tem certeza sobre as condições do clima, se possui os equipamentos e roupas necessárias e se está preparado fisicamente.

Tongarino National Park
Outubro, meio da primavera e neve em Tongarino.

Você assistiu a trilogia “O Senhor dos Anéis”. Se respondeu sim, deve estar familiarizado com a paisagem da foto acima, pois aqui foram filmadas cenas da cidade de Mordor.

Parque Nacional Tongarino
Red Crater. Primeira etapa cumprida, o ponto mais alto da trilha.

Os primeiros 8 quilômetros são os mais difíceis, com subidas íngremes e muitas partes com chão de cascalho. O Red Crater está a quase 2 mil metros de altitude, sendo o ponto mais alto da travessia. A partir de agora as maiores surpresas, e mais 11,3 km sem subidas. Amém!!!

Trilha mais bonita do mundo
A chegada dos três lagos coloridos.

O momento mais especial do dia é a chegada nos lagos coloridos do Tongarino National Park, sendo dúvida o ponto mais sensacional da trilha. Sabe aquela sensação de realização, quando conseguimos algo muito difícil, mas que após muito esforço conseguimos??? Pois é, não encontrei melhor maneira para descrever 🙂

Vai viajar e não contratou seu Seguro Viagem?
 
Trekking mais bonito do mundo
Os lagos coloridos do Tongarino National Park.

E aí, vale a pena o esforço??? Sempre que olho para essa foto agradeço pela oportunidade de ter conhecido os melhores pontos turísticos da Nova Zelândia, e sem dúvida o Tongarino está entre os tops da minha lista.

Tongarino Crossing
O melhor almoço da minha vida.

Foi consenso entre a galera, amigos que também estavam fazendo o tour com a Stray Travel, e a parada para o almoço foi no lago mais top desse que para mim é o trekking mais bonito do mundo. Era um simples pão com geléia, mas foi um das melhores refeições da minha vida.

Melhor trilha do mundo
Pausa para descanso após o almoço.

Bem no meio da foto um grupo de amigos no outro lado do lago, bem ao lado de uma pequena geleira. Fico sempre imaginando como deve ser essa mesma paisagem no inverno, com a lago com essa água verde transparente e as montanhas nevadas.

Trilhas e trekking na Nova Zelândia
Trecho final da Travessia Tongarino.

O trecho final da trilha é bem tranquilo, num caminho bem marcada e sem grandes surpresas. Apesar de não haverem mais paisagens tão esplendorosas, é a parte mais gostosa do passeio, com tantas memórias bem frenquinhas pra guardar.

 

Hotéis na região do Parque Tongarino

Onde ficar no Tongarino Park: dicas de hotéis
Skotel Alpine Resort, aos pés do Tongarino.

Existem boas opções de hotéis nos arredores do parque, com preços que variam de 20 a 300 dólares por noite. É a melhor alternativa para quem está viajando por conta própria, de carro ou mesmo de ônibus, e está procurando onde ficar na região.

Encontre opções de hotéis nos arredores do Tongarino National Park

 

Pretende fazer a Travessia Tongarino?

A Nova Zelândia é cercada de belezas naturais por todos os lados e as caminhadas são grandes oportunidades de apreciá-las e também conseguir boas fotos. É difícil dizer que é meu lugar preferido no país, afinal existem outros lugares especiais, mas certamente está entre os top 3.


Fazendo sua reserva através dos links parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, VOCÊ NÃO PAGA TAXAS EXTRAS, e dessa forma monetizamos nosso trabalho. Se houver dúvida, leia as políticas do blog, ou deixe um comentário.

Planeje sua viagem => Stray Travel, a melhor agência para tours na Nova Zelândia

Aluguel de Carros | Passagens Aéreas | Tours na Nova Zelândia | Seguro de Viagem


Agora que estou viajando e trabalhando no projeto viagem de volta ao mundo em 365 posts, tive a chance de viajar na Nova Zelândia e posso compartilhar as melhores dicas para facilitar seu planejamento. Este é o 70º artigo, confira os artigos anteriores:

Pretende fazer o trekking no Tongarino National Park? Ainda tem dúvidas? Foi e gostaria de contar uma história?

Deixe suas dicas e comentários!

Até + !!!

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Guilherme Tetamanti

Paulistano de 35 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

2 Comentários

  1. Aline Moraes

    Ola Guilherme,ache bacana viajar com Stray Travel, mas vi que nos pacotes não estão incluso a hospedagem,tem como você passar mais ou menos,quanto gastou de hospedagem?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *