Início / Amapá

Amapá

Vantagens de contratar seguro viagem internacionalO Amapá é o estado mais ao norte do Brasil. Cortado pela Linha do Equador, fica parte no Hemisfério Norte e parte no Sul, além de ser o local onde a Floresta Amazônica é mais preservada no país. Por isso, o turismo no Amapá é forte em atividades ligadas ao ecoturismo, mas também em tours que exploram essa curiosidade do estado estar em dois hemisférios.

Localizado na região chamada de Platô das Guianas, o Amapá faz divisa com o Pará e com os países da Guiana Francesa e do Suriname, além de ser banhado pelo Oceano Atlântico e pela Foz do Rio Amazonas. O estado, inclusive, já pertenceu ao Pará. Foi desmembrado em 1943, se tornando o Território Federal do Amapá (TFA), se tornando estado somente em 1988.

Só há 16 cidades no Amapá e, entre as mais importantes estão a capital, Macapá, Oiapoque, famosa como a cidade mais ao norte do país; Pedra Branca, Laranjal do Jari e mais. Quer saber mais sobre o turismo no Amapá? Veja este artigo e fique por dentro de tudo o que fazer no Amapá.

Planeje sua viagem => Melhores hotéis no Amapá

Seguro viagem para viajar pelo Brasil »

 

Turismo no Amapá

O que fazer no Amapá
Chuva no rio Jacaré no Amapa | Foto: Jose Donizetti Dias, via Wikimedia.

O Amapá recebeu esse nome por conta do amapazeiro, uma árvore frutífera da região, mas há uma lenda que diz que o nome, na verdade, tem a ver com o clima da região, uma vez que em tupi significaria “o lugar da chuva”. Isso é “culpa” do clima equatorial ou de floresta tropical da região, que confere características de altas temperaturas e muita umidade.

E, de fato, essa característica de ser “o lugar da chuva” é bem marcante da região. Tanto que é comum as pessoas marcarem compromissos para “depois da chuva”, porque ela costuma cair sempre na mesma hora. Assim, não tem como perder a hora!!!

O clima é único, já a geografia do Amapá tem três características diferentes: Amazônica, Guianense e Oceânica. O que isso quer dizer? Que a paisagem do Amapá mistura floresta, pantanal, cerrado e até áreas de mangue. Mas, são dois aspectos que chamam mais atenção no estado e atraem muitos viajantes: a Floresta Amazônica e a Pororoca, que é o encontro do rio com o mar. Por isso, o forte é o ecoturismo.

Mala => Como  evitar golpe da cesárea

 

O que fazer no Amapá

Macapá

Turismo no Amapá
Fortaleza de São José | Foto: Paulo Akira, via Wikimedia Commons.

Macapá é a maior cidade do Amapá e única de várias maneiras: é a única cidade do país que não ligação por terra, somente ar e barco; é a única cortada pela Linha do Equador; e também a única cidade que fica no Rio Amazonas. Por isso, é um município interessante de se conhecer e que vale a visita.

Entre os pontos turísticos de Macapá estão a Fortaleza de São José de Macapá, construída em 1764 e 1782 como forma de proteger a cidade, a fortaleza fica na margem do Rio Amazonas e tem formato de estrela que propicia observar todo o entorno; a orla de Macapá; o trapiche Eliézer Levy, que avança 400 metros no Rio Amazonas; a Casa do Artesão; o Museu Sacaca.

Além do monumento Marco Zero do Equador, que marca a linha imaginária que divide a terra em dois hemisférios. Esse é um dos locais preferidos dos viajantes para fotos, uma vez que a pessoa pode esta ao mesmo tempo no Norte e no Sul, e também porque nos equinócios de primavera e outono (março e setembro, respectivamente, no Hemisfério Norte) o sol se encaixa no círculo no alto do monumento. É bonito de se ver.

Dicas => Como acumular milhas aéreas?

 

Outros destinos no Amapá

Roteiro no Amapá
Rio Oiapoque, no Parque Cabo Orange | Foto: Arria Belli, via Wikimedia Commons.

Além da capital, há outros destinos turísticos no Amapá. Entre eles, estão os parques Cabo Orange e as Montanhas do Tumucumaque (que fica na divisa com o Pará), que junto com o Parque Serra do Divisor (Acre), o Monte Roraima e o Pico da Neblina (Amazonas) formam o conjunto de Parques Nacionais fronteiriços da Amazônia brasileira.

O Cabo Orange passa pela cidade de Oiapoque (aquela que fica na ponta norte e é usada como referência para delimitar o país, sabe a frase do Oiapoque ao Chuí?) e tem co o objetivo preservar as áreas de mangue e a planície na foz do Rio Oiapoque.

Já o Parque das Montanhas corta 9 cidades, inclusive Macapá, Oiapoque e Laranjal do Jari. Também foi criado para preservar a biodiversidade local. Para entrar em ambos é preciso de autorização da mantenedora, além de custear um barqueiro para explorá-lo.

Outro atrativo do estado, o mais famoso deles, é ver a Pororoca, que é o “violento” encontro das águas do Rio Amazonas com o mar. Para vê-la é preciso pegar um avião de Macapá e viajar cerca de 50 minutos até a Foz do Rio  Amazonas. O espetáculo atrai muitos viajantes e já teve até quem se arriscou a surfar durante a Pororoca.

Qual é a melhor? => Internet na viagem

 

Dicas de turismo no Amapá

O Amapá tem muitos elementos que tornam o estado bem curioso para os viajantes como as características da capital, Macapá, que é cortada pela Linha do Equador e fica nos dois hemisférios, a vegetação mista, com cerrado, floresta e mangue, além do espetáculo da Pororoca e dos parques naturais.

Não conheço quase nada do estado, mas todo mundo que vai curte muito o turismo na região. Por isso, o Amapá está na minha lista de destinos e sugiro que você inclua na sua também. Vale a pena!

Para mais informações, sugiro dar uma olhada no post índice da Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem (RBBV), que reúne artigo de blogueiros de viagem de todo o Brasil.

Como está a sua lista de destinos? Tem curiosidade de conhecer o Amapá? Conte para a gente nos comentários.

Até +!!!

 

Leia os últimos artigos do blog:

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!