Viajar sozinho é bom? Lugares para ir, vantagens e desvantagens

por Guilherme Tetamanti

Viajar sozinho é bom? Lugares para ir, vantagens e desvantagens

Viajar sozinho é a forma mais fácil, incrível e libertadora de viajar. Se engana quem pensa que estará sempre sozinho, pois sempre encontramos gente com o mesmo pensamento em albergues, hotéis ou salas de espera de trens e aeroportos. Porém, quando estamos viajando acompanhados de parentes ou amigos, sempre temos a segurança de contar com alguém na hora do aperto.

Não importa se esse aperto é um problema grave ou a simples necessidade de se expressar com outra pessoa. O fato é que não temos que fazer esforço algum para conversar, isso acontece naturalmente.

Quando embarquei para minha primeira viagem sozinho, confesso que fui um pouco arrogante pensando que iria desbravar o mundo e não haveria nenhum desconforto durante a viagem. Quando você está em um país onde não consegue transmitir exatamente o que precisa na hora de pedir ajuda, comprar um remédio ou utilizar o transporte público, um parceiro de viagem certamente será o necessário para transformar isso em mais um cômico episódio de viagem.

Contudo, aprendi a ver o lado positivo das coisas, pois viajar sozinho também me trouxe experiências únicas. Apesar das saudades e de alguns momentos de agonia, a constante luta para fazer novos amigos e comprometimento apenas com o que estava disposto a fazer, me transformaram em uma pessoa que enxerga cada momento como uma oportunidade de aproveitar a vida e me divertir.

Sempre que converso com alguém sobre o assunto, minha primeira dica de viagem é: “pesquise bastante sobre viajar sozinho para saber se é algo que combina com sua personalidade”. Aprendi muita coisa na força, vivendo o dia-a-dia…ainda bem que deu tudo certo e fiz excelentes viagens de turismo. A seguir, vou listar algumas dicas que gostaria que alguém tivesse me dito.

Vai viajar? => Como contratar um seguro viagem

Dicas para encontrar hotéis no Booking.com »

 

Às vezes realmente significa viajar sozinho

Viajar sozinho é bom?

Quando planejamos uma viagem sempre temos a expectativa de fazer novas amizades, ter diferentes experiências e curtir uma balada todos os dias. Tenha em mente, que por mais extrovertido que você seja, sempre haverá um dia tranquilo e possivelmente não irá conhecer nenhuma pessoa.

Aproveite esses dias para pesquisar sobre seus próximos destinos de viagem e conhecer amigos através do Couchsurfing. Assim poderá evitar ter outro dia de aventura sem ninguém para compartilhar.

O que aprendi: antes de partir para uma viagem sozinho é preciso estar confortável com isso. Lembre-se que poderá passar vários momentos sozinho e sua consciência será sua única companhia. Em minha viagem de volta ao mundo sei que estarei preparado, pois conheço os prós e contras de viajar sozinho.

Minha vantagem é que tenho prazer em escrever e transformar meus diários de viagem em dicas úteis para os leitores. Ter um blog e participar de comunidades virtuais sobre viagens, será um grande passo se pretende aproveitar ao máximo sua viagem sozinho.

 

Devagar e sempre é o meu lema

Não sei quanto a você, mas não suporto a idéia de viajar para conhecer trocentos países em alguns poucos dias. Respeito quem prefere torrar sua grana assim, mas para uma viagem sozinho, isso irá acabar também com a chance de se divertir. Viajar sozinho não significa estar sozinho e quanto mais tempo permanecer em um lugar, mais será a chance de fazer boas amizades e conhecer mais sobre os costumes locais.

O que aprendi: é compreensível a vontade de conhecer mais lugares e países. Porém, os custos com o deslocamento podem superar os benefícios. Pelo custo com o transporte até outra cidade, muitas vezes é possível aproveitar mais alguns dias com os recentes amigos…e estreitará ainda mais a amizade com eles.

Certa vez, quando estava a viajar pela Europa de carro, percorri cerca de 9.000 km com um carro alugado em apenas 30 dias. Fiquei poucos dias em cada cidade e no final estava estressado como em alguns dias de trabalho. É melhor permanecer mais tempo em sua cidade preferida e criar vínculos com os locais. Será bem mais gratificante.

 

5 alternativas para viajar sozinho e driblar a solidão

Sou bastante suspeito quando o assunto é viajar sozinho. Afinal, decidi que faria minha primeira volta ao mundo sem a companhia frequente de ninguém, e confesso que adorei! Não ter que dividir decisões ou dar satisfações, apenas acordar e ter o dia todinho para mim.

Nunca havia viajado tanto tempo sem companhia, apenas poucos dias entre uma cidade e outra para dar tempo de encontrar amigos. Talvez não seja a opção certa para você, pois é preciso estar bastante confortável com as dificuldades que a solidão trará para seu dia a dia.

Particularmente, senti muita falta daquela pessoa para dividir as risadas e perrengues, alguém para compartilhar as lembranças da viagem pelo resto da vida. Porém, a experiência foi única e não deixaria de vivê-la por estar sozinho.

Não é porque estava viajando por conta própria, que pretendia ficar sem companhia, pelo contrário. Queria sim, estar sempre aberto às oportunidades que a viagem traria para mim.

Aquela pessoa que te olha no saguão do hotel, ponto de ônibus ou num passeio qualquer… sempre usei essas “janelas” para tentar uma nova amizade. Mais do que isso, busquei alternativas para conhecer novas pessoas.

Pensando nisso, resolvi escreve este artigo para incentivar você a viajar mais. Seja sozinho ou acompanhado. Homens, mulheres, jovens, idosos ou seja lá quem quiser conhecer o mundo. Veja agora 5 alternativas para driblar a solidão viajando.

 

Dicas para fugir da solidão na estrada

  • Estude fora
  • Faça trabalho voluntário
  • Faça grupos de viagem
  • Matricule-se em um intercâmbio
  • Visite os amigos

 

Cursos no exterior

Como viajar sozinho sem perrengues

Esse foi meu ponto de partida para conhecer gente em minha volta ao mundo enquanto decidi viajar sozinho. Meu primeiro destino foi a minha cidade favorita na Califórnia.

Durante as 6 semanas iniciais da viagem, resolvi estudar nos Estados Unidos, fazendo um curso de inglês em San Diego para aprimorar meus conhecimentos na língua, ganhar confiança e, claro, conhecer muita gente. Estudantes são sociáveis em qualquer parte do mundo.

Não foi a única vez que utilizei esse recurso. Afinal, estudar no exterior também é uma excelente maneira de interagir com os locais.

Fiz cursos de culinária e massagem na Tailândia e até mesmo um curso de artesanato nas Ilhas Fiji. Mas isso pode ir muito além… imagine fazer um curso de vinhos na França ou de esportes radicais na Nova Zelândia!!!

Conheça => Melhores tours guiados em qualquer lugar do mundo

 

Trabalho voluntário

O que fazer enquanto viaja sozinho

Fazer um trabalho voluntário no exterior pode ser a melhor alternativa para quem pretende explorar alguma parte do mundo ao viajar sozinho e realmente vivenciar a cultura de sua população.

Além disso, você poderá utilizar seus conhecimentos para ajudar no desenvolvimento da comunidade, interagindo com pessoas que jamais conheceria.

Tive uma experiência de trabalho voluntário no Camboja, após conhecer alguns amigos que já estavam planejando ajudar um pequeno orfanato numa cidadezinha do país.

Também conheci uma ONG na Tanzânia, mas não pude ficar mais tempo na capital Dar Es Salam.

Infelizmente, muitas opções que encontramos na internet são caríssimas, o que sempre me fez duvidar de certas organizações.

Como um trabalho voluntário pode sair tão caro??? Para quem pretende conhecer a Índia, encontrei uma lista de 40 lugares para trabalho voluntário.

 

Viajar em grupo

Volta do mundo dicas

Apesar de não nunca ter sido favorável a viajar com excursões, fiz isso muitas vezes durante minha volta ao mundo. Descobri que em vários países, existem alternativas para jovens que estão viajando sozinhos, tudo muito diferente daquele velho conceito de que viajar em grupo é algo somente para idosos aposentados.

Fiz roteiros incríveis na Austrália (Fraser Island), África do Sul (Baz Bus), Nova Zelândia e Sudeste Asiático (Ambos com a Stray Travel).

Em todas essas viagens, o roteiro foi elaborado em atividades que privilegiam a diversão, esportes, contato com a natureza e a interação com os participantes, que em sua maioria têm entre 20 e 35 anos.

Confira => Cupom de desconto da Seguros Promo

 

Intercâmbio estudantil

Vale a pena fazer intercâmbio

Fazer um semestre de um curso universitário no exterior, mestrado ou doutorado, pode começar a desenvolver suas habilidades para viajar sozinho.

Além de ser uma chance para aprender um novo idioma, viver por conta própria num lugar desconhecido nos deixa mais confiantes para futuras viagens sozinho.

 
Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe até 20% de desconto usando o cupom BNOVEMBER, é só clicar no botão.

Conheça as principais vantagens:

  • Melhor preço garantido, cobertura de qualquer oferta de seguro viagem;
  • Assistência médica e hospitalar, seguro de cancelamento e atraso de voos, seguro bagagem, reembolso com despesas médicas e muito mais;
  • É mais barato do que comprar direto nas seguradoras;
  • Cancelamento da contratação sem taxas até 48 horas antes da viagem;
  • Parcelamento em 12x sem juros nos cartões de crédito;
  • Compras com boleto bancário têm 5% de desconto;
  • Atendimento ao cliente 24hs em português.
 

O intercâmbio que fiz na Espanha em 2006, me ajudou muito a descobrir que gosto de tomar minhas próprias decisões e não depender de ninguém durante uma viagem de férias. Confira também como funciona o seguro viagem para intercâmbio.

Descubra => Usar celular no exterior

 

Visitar amigos

Como driblar a solidão em uma viagem sozinho

Se você tiver amigos morando em outras cidades ou países, não perca a chance de fazer uma visita. Mesmo que a pessoa não esteja de férias e não possa acompanhá-lo, ter alguém que conhece o lugar é uma ótima maneira de conhecer o destino.

Visitei diversos amigos durante a volta ao mundo, mas nem todos os viajantes conhecem gente mundo afora. Participar de comunidades como o Couchsurfing, pode ser o ponto de partida.

Quer descobrir como planejar e viajar o mundo?
Confira o meu livro Quero Viajar Mais »

 

10 coisas que aprendi viajando sozinho

Sempre recebo perguntas de gente querendo saber sobre como viajar sozinho em tal país, se é perigoso ou se determinado lugar é recomendável para quem pretende desbravar o mundo por conta própria. Dúvidas de viajantes que ainda não tiveram o prazer de provar sensações que somente uma viagem solo podem proporcionar.

Não direi que tudo são flores, mil maravilhas. É provável que numa viagem curta não hajam pontos negativos, mas para quem pretende passar um ano inteiro viajando sozinho, existem alguns pontos que devemos considerar. Saudades, saúde, alimentação!!!

Talvez minha experiência possa ajudá-lo a planejar melhor sua viagem, levando em consideração alguns argumentos para saber se vale a pena partir para o mundo sozinho ou procurar por uma boa companhia.

 

1) Antes só do que mal acompanhado

Mirante em Koh Tao

É clichê, mas também a mais pura verdade, principalmente para quem pretende passar bastante tempo viajando. Imagine querer fazer uma trilha para ver o sol nascendo no topo de uma montanha, mas seu parceiro não topar.

Ou então alguém que não sabe lidar tão bem com o dinheiro como você. Várias situações, por mais simples que possam parecer, irão formar uma bola de neve no decorrer da viagem. Sozinho, você faz seus horários e toma suas próprias decisões.

Já viajei com amigos de longa data, daqueles que escolhemos para toda a vida. Mesmo assim, tive atritos durante viagens. Tome cuidado quando for considerar viajar sozinho ou não…seu melhor amigo da vida real, pode atrapalhar a viagem dos seus sonhos.

 

2) Sempre sofro com despedidas

Fiquei 12 meses viajando, passei por 18 países e dezenas de cidades. Devo ter feito uma centena de amigos. Descobri que sempre sofro com despedidas.

Realmente me entrego para novas amizades, deve ser por isso que resolvi nomear o blog assim: “A Gente Só Conhece os Amigos, Viajando com Eles”. Numa viagem estou sempre no módulo mais aberto de mim mesmo.

Não tenho a máscara do trabalho, nem preciso agir com o cuidado que a vida cotidiana exige…apenas sou quem realmente sou. Acredito que a maioria dos viajantes são assim e estão abertos ao desconhecido, novos cheiros, lugares e principalmente amizades.

Amigos de viagem são mais intensos, exatamente por estarem nas versões mais verdadeiras de cada um. Também são mais rápidos e partem de nossas vidas deixando apenas boas recordações.

 

3) Todos temos algo em comum

Viajando sozinho pelo mundo

Não importa a nacionalidade, religião ou condição social, todas as pessoas possuem algum interesse em comum. Claro que a grande maioria das pessoas com quem me relacionei estavam viajando e isso já bastava para iniciar uma boa conversa, mas o mundo é muito mais parecido do que imaginamos.

Quando percebi isso, começou a ficar mais fácil interagir não só com viajantes, mas também com a população local de cada lugar.

 

4) Albergues são para todos

Nunca havia me hospedado em albergues antes da viagem de volta ao mundo, não por preconceito, mas por falta de costume. Hoje sou defensor fervoroso desse tipo de hospedagem, ainda mais com tantas histórias que marcaram esse ano viajando.

Conheci casais de jovens e gente na melhor idade, grupos de amigos e amigas, viajantes que estavam sozinhos por poucas semanas, meses ou anos.

O albergue é para todos os públicos, não somente mochileiros que precisam economizar dormindo num quarto compartilhado. Em muitos lugares é possível ter os mesmos privilégios de bons hotéis, com a vantagem de interagir com um monte de gente diferente. Isso abriu bastante meus horizontes.

 

5) Viajar sozinho não significa estar só

O que aprendi viajando sozinho

 
Sabia que aprender através de cursos on-line nunca foi tão fácil?

Assista seus cursos pelo computador, tablet ou até mesmo pelo celular!

Devido a nossa parceria com a Learn Café, você terá acesso a cursos para todas as áreas do conhecimento, com alta qualidade, comodidade e de forma acessível. Cursos online para você:

  • Aprender rápido e ganhar dinheiro;
  • Se preparar para um novo emprego;
  • Melhorar seu currículo;
  • Continuar aprendendo sempre!
 

Talvez o maior receio de quem pretende viajar sozinho pela primeira vez, seja o medo de ficar só. Isso pode facilmente ser evitado, principalmente para quem estiver aberto ao novo, disposto a encarar experiências diferentes e atento ao que acontece ao seu redor.

É fato que ficar hospedado em albergues facilita fazer novas amizades, mas não se resume a isso. Conheci muita gente em passeios, festas e até mesmo em bares. É incrível como me adaptei e perdi o medo de iniciar uma conversa com um estranho qualquer.

A internet também é uma ferramenta sensacional. Existem encontros do Couchsurfing em centenas de cidades do mundo e também redes sociais para compartilhar refeições, como Eat With e Traveling Spoon. Assim é possível fazer amizades e ainda conhecer um pouco mais afundo a cultura local.

 

6) A solidão sempre bate na porta

Apesar de tantas opções para fazer amizades, certamente haverão momentos que a solidão pode aparecer. Depois de uns 8 meses viajando, comecei a perceber que faltava alguém para compartilhar o que estava vivendo.

Não sei se a palavra certa é solidão, uma vez que sempre fazia novos amigos. Senti falta mesmo de amigos de longa data, minha família, pessoas que não precisavam de apresentação.

Depois de algum tempo fiquei cansado de contar minha história, dizer meu nome, o que faço, etc. Acho importante para o planejamento de uma longa viagem sozinho, combinar a visita de amigos. Porque não juntar as férias daquele grande amigo, com o seu mês na Nova Zelândia???

 

7) Compartilhar não é apenas nas redes sociais

Volta ao mundo sozinho

Por mais divertido que seja ver uma foto com centenas de curtidas no Facebook, me fez muita falta compartilhar experiências reais durante a viagem. Esses dias encontrei um amigo que fiz na Tailândia, onde ficamos juntos por um mês. Foi incrível poder reviver momentos, lembras histórias e rir dos perrengues de viagem.

Viajar sozinho foi uma experiência boa demais, que me fez crescer e aprender muito sobre a vida. Aprendi que é preciso dividir a felicidade, para ser multiplicada.

 

8) É muito bom ser brasileiro

Chega a ser engraçado a maneira como sou recebido nos lugares por onde passo. Acho que todo o mundo já conhece um pouco do alto astral dos brasileiros, sempre dispostos a um passeio no parque, museu, dia de praia ou noite de diversão.

Além disso, estamos acostumados a interagir sempre com gente diferente…sei lá, essa é minha opinião.

Receber um sorriso e saber do interesse das pessoas logo após dizer que sou brasileiro, é uma prova disso. Somos um povo muito bem visto em várias partes do mundo, isso abre portas importantes quando estamos viajando sozinhos.

 

9) É mais caro viajar solteiro

Festa em Queenstown

Sinceramente não gosto de estar sozinho, tenho coceira só de ficar algum tempo sem trocar ideias com alguém. Viajando solteiro, estava sempre disposto a cair na balada, não importando o dia da semana. Aliás, isso pouco importa para um viajante. Gastei muita grana com festas, bares e casas noturnas.

Em boa companhia, há também o prazer de cozinhar. Mesmo ficando em albergues, muitas vezes tive que fazer minhas refeições sozinho, o que acabava sendo em restaurantes…isso aumentou bastante minhas despesas em alguns países.

 

10) Viajar é a melhor escola

Depois de tudo o que vivi a partir do momento que decidi partir para uma volta ao mundo, sei e sinto que sou uma pessoa melhor. Sou mais confiante, comunicativo, sei lidar melhor com adversidades e estou ainda mais aberto para novas oportunidades que aparecem. Tenho mais amigos, melhorei meu nível de inglês, cozinho melhor e ainda tiro onda com minhas fotos e vídeos da viagem.

Enfim, viajando abri minhas portas para o mundo e acabei descobrindo muito sobre mim. Percebi que não preciso de muito dinheiro para viver bem, mas ter planos para melhorar minha qualidade de vida é essencial.

 

Já pensou em viajar sozinho?

Ficou curioso para saber mais da minha volta ao mundo? Veja o vídeo abaixo:

Viajar sozinho é realmente uma excelente maneira de conhecer o mundo. Claro que esta é uma fase na vida das pessoas e um dia estarão se aventurando com namorados (as) e filhos. Aproveite e agarre todas as oportunidades de viagem que aparecem, pois certamente é melhor ter vivido e aproveitado experiências do que se arrepender depois, sem saber o que poderia ter acontecido.

Outra questão é que o mundo é muito mais seguro do que aparenta ser. Não tenha medo de deixar o conforto de sua casa e país. Apenas pesquise bastante sobre seus destinos e evite lugares perigosos e entrar em confusões. Sempre existirão ótimas pessoas em todos os lugares do mundo, que certamente te estenderão uma mão.

Pesquisando sobre viajar sozinho? Ainda tem dúvidas? Gostaria de contar suas experiências? Deixe suas dicas e comentários!

Até + !!!

CATEGORIAS
ESCRITO POR

Guilherme Tetamanti

ESCRITO POR

Guilherme Tetamanti

Paulistano de 37 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

Organize sua viagem

10 dicas para você
planejar sua viagem

Separamos as principais ofertas dos nossos parceiros para você economizar.
Clique nos itens abaixo e confira:

Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes de Viagem

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Ingressos

Reserve as entradas para tours, atividades e espetáculos

 

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10
Icone
Passagens Aéreas

Compre passagens com até 35% off e pgto parcelado

#01
Icone
Onde Ficar

Reserve o hotel pelo Booking, com cancelamento grátis

#02
Icone
Passeios e Tours

Reserve atividades e atrações ao redor do mundo

#03
Icone
Seguro Viagem

Até 20% off e pagamento em até 12x sem juros

#04
Icone
Aluguel de Carro

Reserve com desconto em até 12x sem juros

#05
Icone
Pacotes de Viagem

Viagens nacionais e internacionais em até 12x sem juros

#06
Icone
Ingressos

Reserve as entradas para tours, atividades e espetáculos

 

#07
Icone
Chip de Internet

A melhor conexão 4G no exterior, pelo menor preço

#08
Icone
Problema com Voo?

Seja indenizado pelo atraso ou cancelamento

#09
Icone
Câmbio

Precisa de moeda estrangeira e gostaria de receber em casa?

#10

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *