Início / Inspiração / Porque viajar me deixou mais jovem?

Porque viajar me deixou mais jovem?

Pode até ser estranho ler isso vindo de uma pessoa com 34 anos, claro, dependendo de sua idade e referencial. Mas é fato, quando fui chegando perto da temida virada para os trinta anos, me sentia a cada dia mais velho. As responsabilidades da vida, trabalho, família, necessidade de juntar patrimônio e tudo o que é comum para alguém que está nessa fase da vida, se acumularam e essa mistura de atividades acabou formando uma rotina maçante que aos poucos minou minha percepção de juventude…não estava curtindo a vida como deveria curtir. Eu trabalhava demais e já não tinha mais tempo livre para fazer as coisas que sempre amei…ver os amigos, praticar esportes, namorar, dançar, sair por aí, dar um rolê, viajar…ahhh viajar!

Sempre fui apaixonado pelo mundo e era daquelas crianças que tinha mapa-mundi no quarto, passava as férias longe da cidade, papai pouco ficava em casa devido às viagens do trabalho e até meu avô colocava inconscientemente a semente de viajante em mim. Já faz mais de 25 anos, mas lembro como se fosse ontem, quando ele voltava de suas viagens para caçar codornas no Paraguai (sem julgamentos, por favor). O velho ia de Kombi com seus amigos e alguns cachorros perdigueiros. Na volta fazia um banquete para toda a família, e eu achava isso demais.

Na escola, era viciado nas aulas de geografia, principalmente por causa de um professor do primário que sempre voltava das férias com fotos de diversas partes do mundo. Nunca me esquecerei da primeira vez que vi fotos de Machu Picchu…mal deixei meus colegas de sala ver o álbum de fotografia. Naquele momento soube que um dia viajaria para o Peru.

Eu viajei, não só para Machu Picchu e Peru, mas colecionei – até agora – 35 carimbos no passaporte, e olha que voltei algumas vezes para certos países, como Chile, África do Sul, Espanha, Itália, França, Alemanha e Grécia…adoro voltar para o mesmo lugar em momentos diferentes da vida. Enfim, esse estalo para cair no mundo clicou mais forte exatamente aos 29 anos, quando o máximo do estresse me abalou, como nunca imaginei que poderia acontecer. Como é possível alguém bem sucedido e aparentemente feliz, passar mal de estresse? Foi o que me perguntei após uma bateria de exames e três tapinhas nas costas, do médico que comunicou minha saúde perfeita. Você está estressado Guilherme, ele disse.

Naquele momento soube que precisava mudar meu estilo de vida, fazer algo diferente. Afinal, sempre acreditei em uma afirmação: “burro é aquele que faz as mesmas coisas, buscando resultados diferentes”. E o resultado que sempre quis, foi ser feliz!

Mudei, não de emprego ou cidade. Tinha que ser pra valer! Após alguns dias pensando o que faria da vida, decidi vender minha empresa e realizar o mais maluco dos desejos, aquele sonho que sonhamos acordados imaginando como seria bom acontecer…decidi dar a volta ao mundo!

A partir daí, minha tarefa foi vender mais alguns pertences, carro, video game e tudo o que valia mais de cem reais. Além é claro, de planejar toda a viagem. Esperei o verão chegar no hemisfério norte, e parti!

 

Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras. Aproveite e ganhe 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5, é só clicar no botão.
 

A volta ao mundo

Porque viajar me deixou mais jovem?
Galera da viagem após 30 dias na Nova Zelândia!

Foram exatamente 365 dias na estrada, 18 países e sei lá quantas cidades. Amigos, fiz dezenas, daqueles que dá vontade de chorar quando dizemos adeus, sabe? “A Gente Só Conhece os Amigos, Viajando com Eles“… foi o nome que escolhi para o blog onde contei toda a história da viagem, parece que já sabia o que estava por vir. Depois mudei o nome para Quero Viajar Mais, mas isso é outra história.

Em agosto de 2016 completará 4 anos que terminei a viagem. O blog cresceu, virou profissão e já conversei com centenas de pessoas sobre a volta ao mundo. Família, novos e velhos amigos, blogueiros, leitores e também dei entrevistas para outros sites, jornais e revistas. Até na TV contei minha história. Para a grande maioria das perguntas, tenho as respostas na ponta da língua. Mas tem uma, que é difícil expressar minha opinião sempre da mesma maneira: “Guilherme, o que mais mudou em você depois de tanto tempo viajando?“.

Sinceramente existem várias respostas, mas a que mais gosto é sobre minha teoria da percepção do tempo. Sabe aquela sensação que temos ao encontrar alguém que vemos pouco, geralmente um parente distante no Natal?

– Nossa, já faz 1 ano desde a última vez que nos vimos? Parece que foi ontem!

Pois é, quando os dias são iguais e temos a mesma rotina, nosso cérebro não precisa gravar certas informações e acaba utilizando o mesmo “rolo de fita”, entra no automático. Quando passei a viver um dia diferente do outro, meu cérebro acumulou mais dados, imagens, sentimentos e sensações, o que no final de 1 ano aumentou absurdamente minha percepção do tempo. Sério, tive a impressão de ser uma vida inteira!

Vai viajar e precisa ter internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com a EASYSIM4U, clicando no botão abaixo você ganha 10% OFF para comprar qualquer chip e receber em casa, e assim ter conexão em até 210 países.
 

Hoje eu não poderia ser mais feliz com o que conquistei. Claro que tenho ambições e objetivos, mas conquistei com muito suor – e conquisto dia após dia – a vida que sempre sonhei.

Um dia desses, numa dessas conversas com uma nova amizade (Thais, do blog Sai do Ninho), a pessoa se espantou quando descobriu minha idade: “nossa, eu nunca daria mais de 30 anos pra você“.

Fiquei feliz, lógico, e isso me fez pensar. Humm, será que viajar tanto me deixou mais jovem? Não sei dizer, mas garanto que hoje sou muito mais feliz!

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Guilherme Tetamanti

Paulistano de 35 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *