Início / Ásia / Tailândia / Você sabe qual é o país mais feliz do mundo?

Você sabe qual é o país mais feliz do mundo?

Eu não sei quanto a você, mas sempre procurei planejar as viagens para desenvolver o aspecto mais importante de minha vida: DIVERSÃO. Claro, gosto de aprender sobre a cultura dos povos, provar os sabores e apreciar lindas paisagens, mas eu gosto mesmo é de sorrir. Gosto de dar uma gargalhada gostosa com as palhaçadas de uma criança, gosto de ganhar o sorriso de um estranho num café e me divertir com os novos velhos amigos que acabei de conhecer num lugar qualquer.

Talvez seja pretensão demais querer apontar qual o país mais feliz do mundo, mas quem disse que escrevo verdades absolutas? Quem falou que o país tal pode ser bom pra mim e ruim pra você? Quem pode botar o bedelho na opinião dos outros?

Planeje sua viagem => Dicas de hotéis e localização nas principais ilhas da Tailândia

Dicas de hotéis e localização dos melhores bairros em Bangkok

Quando decidi partir para minha volta ao mundo, sabia que o Sudeste Asiático seria um dos lugares mais especiais e passei os meses que antecederam minha chegada bastante ansioso. Queria ver de perto porque esse pedacinho do mundo era tão famoso por sua alegria de viver.

 

Tailândia, a “terra dos sorrisos”

Templos de Ayutthaya.Tailândia, o país mais feliz do mundo.A fantástica massagem tailandesa.

Minha porta de entrada para esse novo mundo foi a Tailândia, o país mais procurado pelos turistas e famoso por suas tradições. Em tradução para o português, thai quer dizer “sorriso”, “feliz”. Land vem do inglês e significa “terra”. Portanto, Thailand é literalmente a “terra dos sorrisos” ou “terra feliz”. Os próprios tailandeses chamam seu país de “Terra dos Sorrisos”.

Ainda com dúvidas sobre as atrações turísticas?
 

Com uma teoria dessas, quem pode discutir? Mas eu queria mesmo é entender de fato as raízes que fundamentaram essa definição. Viajar o país, fugir dos turistas, comer com os locais e tentar trazer pra mim um pouquinho da essência do único país do Sudeste Asiático que nunca foi colonizado e, mesmo com o absurdo desenvolvimento do turismo, ainda consegue encantar quem sai da caixinha e enxerga além dos vendedores insistentes, prostitutas, travestis e desorganização.

Leia também => As 10 principais dicas e segredos para acumular milhas aéreas

 

Minha opinião sobre a Tailândia

Qual o país mais feliz do mundo?
Jovens se divertindo em Koh Phi Phi.

Tempos atrás vi uma lista sobre os países mais felizes do mundo, e a Tailândia estava apenas na 70ª posição. O 1º foi a Austrália. Eu respeito e entendo esse tipo de análise, mas é fácil entender tamanha discrepância. Ver o sorriso no rosto de crianças num país de primeiro mundo é comum; medir o nível de satisfação em adultos num lugar onde tudo funciona não requer muito empenho. Difícil é entender como um povo que sempre viveu com tão pouco, mostra tanta alegria de viver…isso sim eu valorizo.

Claro que existem muitos problemas na Tailândia, exploração do turismo, a falta de boas moradias, saneamento básico e atendimento médico para toda a população. Porém, acredito que a valorização das coisas simples da vida, costume talvez posto em prática devido ao budismo ser a religião de 95% da população, para mim é o fator mais importante para medir.

Vai viajar e não contratou seu Seguro Viagem?
 

Na Tailândia ainda é possível ver crianças correndo juntas pelas ruas, ao invés de trocando mensagens pelo smartphone. Os estranhos te recebem com prazer em suas casas para conhecer uma nova história, ao invés de trancar as portas com medo do desconhecido ou costume com a solidão. Ainda existem bom dia, boa tarde e boa noite, onde o SAWADEEEE, uma espécie de “seja bem vindo”, parece ser a palavra mais pronunciada pela população.

+ Leias todas as minhas dicas sobre a Tailândia.

 

Um lugar para se divertir

Porque viajar na Tailândia!!!
Eu e meus novos velhos amigos.

Por suas incríveis paisagens, clima tropical e alegria das pessoas, certamente a Tailândia pode ser considerada o paraíso mais incrível de nosso planeta. Porém, o desenvolvimento exagerado do turismo trouxe alguns problemas…é assim o capitalismo. Apesar disso, é o lugar perfeito para quem, assim como eu, procura por diversão.


Fazendo sua reserva através dos links parceiros encontrados no blog, ganhamos uma pequena comissão, VOCÊ NÃO PAGA TAXAS EXTRAS, e dessa forma monetizamos nosso trabalho. Se houver dúvida, leia as políticas do blog, ou deixe um comentário.

Planeje sua viagem => Stray Travel, a melhor agência para viajar no Sudeste Asiático

Pensando na viagem e não sabe como começar?
"Quero Viajar Mais", o livro, por R$ 14,95 »
Ganhe 10% OFF no Seguro Viagem + bônus!
 

Aluguel de Carros | Passagens Aéreas | Passeios na Tailândia | Seguro de Viagem


Quando criei o projeto viagem de volta ao mundo em 365 posts, imaginava que fazer uma viagem para o Laos seria a parte mais complicada do roteiro. O país é muito pobre e poucas cidades oferecem boas opções para o turismo, mas valeu a pena conhecer uma cultura tão diferente. Este é o 267º artigo da série, veja as dicas de viagem dos posts anteriores:

Curtiu o país mais feliz do mundo? Ainda tem dúvidas? Gostaria de compartilhar suas histórias?

Deixe suas dicas e comentários!

Até + !!!

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Guilherme Tetamanti

Paulistano de 35 anos e muita história pra contar. Amo e odeio a selva de pedra, e por isso faço de tudo pra viajar. Sou empresário, administrador de empresas e criador de algumas lojas virtuais. Vendi tudo em 2011 para realizar o sonho de fazer uma viagem de volta ao mundo e praticar fotografia, uma de minhas paixões. Sempre fugi das aulas de redação, mas a vontade de viajar, fazer novas amizades e compartilhar minhas andanças, me motivaram a criar o Quero Viajar Mais.

7 Comentários

  1. Nossa Guilherme,

    a Tailândia é realmente uma cidade de muitos sorrisos.
    seu artigo é muito bom e dá vontade de viajar para lá!

    Rui de http://troiaportugal.pt

  2. Bem legal o post Guilherme. A resposta para felicidade deles é simples. Eles preferem o ser do que o ter. A felicidade está dentro de você e não nos outros ou nas coisas que você pode comprar.
    Assim eles vivem e assim nós que já demos o Volta ao Mundo vivemos um dia. Minha Volta ao Mundo foi a época mais feliz da minha vida e ao mesmo tempo a época que tive menos coisas. Não tinha celular, não tinha lap top, só tinha uma mochila com meia dúzia de roupas. Ao mesmo tempo vivi intensamente o ser. Ser amigo das pessoas, ser paciente, ser flexível, enfim ser feliz.
    Assim a felicidade independe se você mora em país rico ou pobre e não é mais fácil ser feliz em países ricos, alguns deles são bem infelizes. Estive na Dinamarca e realmente eles são felizes apesar de pagar 50% do salário em impostos. Quem quiser entender melhor pode ler o post: http://quatrocantosdomundo.wordpress.com/2011/02/25/no-reino-da-dinamarca-de-onde-vem-tanta-felicidade/
    abs
    Eder

  3. Ponto de vista perfeito… Dizer que em Copenhague as pessoas são felizes é fácil. Difícil é ver como se vir o Rei do Butão para manter a sua “Felicidade Interna Bruta”. Tenho muita vontade de conhecer a Tailândia e saber o quanto o povo de lá é hospitaleiro só me faz ficar com ainda mais vontade! Abração, bro!

    • Tenho um amigo que diz “a ignorância é uma dádiva”. Não a burrice ou a falta de conhecimento, mas no sentido de não ter a noção que certas coisas existem. Lá acho que é um pouco assim, desconhecem um monte de problemas do mundo moderno. Claro, não é perfeito, ainda mais com a influência do mundo ocidental, mas é diferente principalmente nas cidadezinhas. E eu adoro essas diferenças 🙂

      Valeu meu Travel Bro!!!

  4. Super concordo com você Guilherme! Quando vi que a Australia estava no topo da lista como país mais feliz do mundo, pensei a mesma coisa que você, e olha que eu estou morando aqui…Mas o título pra mim também vai pra Tailândia, impossível não se contagiar com o sorriso daquele povo!
    Abraço

  5. Muito legal, concordo com você. É muito fácil sorrir quando a vida vai de vento em popa. Difícil é um pais mais pobre passar por cima das dificuldades e simplesmente sorrir delas. A Tailândia é mesmo assim, um país de sorriso, com todas as suas contradições. Mais que tudo, é um lugar que faz a gente sorrir, né?! Abraços!

    • Pois é Rafa,

      Impossível não sair sorrindo de um role de tuk-tuk, ou de uma noite na Khao San Road, e o que falar dos baldinhos turbinados de bebida!!!

      Não vejo a hora de voltar!!! Abração

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *