Início / Europa / Itália / Dicas práticas para morar na Itália: aluguel, abrir conta e dirigir

Dicas práticas para morar na Itália: aluguel, abrir conta e dirigir

Todo projeto precisa de um ponto de partida, por isso elenquei algumas dicas práticas para morar na Itália que podem auxiliar na busca do seu sonho. Um intercâmbio, seja ele definitivo ou não, demanda muito planejamento financeiro e também emocional.

Por isso, reunir o máximo de informações possíveis é a melhor forma de prevenir surpresas desagradáveis no caminho e tornar a transição de um país ao outro mais tranquila.

Obviamente, muitas situações dependerão do estilo de vida que você pretende levar no novo país, mas existem fatores primordiais que são comuns a todos.

Essas questões costumam passar despercebidas, viram “automáticas” no nosso cotidiano, mas em outra cultura é preciso começar do zero, como abrir uma conta bancária, ter permissão para dirigir etc. Se você ainda não pensou sobre isso, ou tem medo de não saber por onde começar, essas dicas podem norteá-lo. Confira!

Planeje sua viagem => Onde ficar na Itália? Dicas dos melhores hotéis

 Como funciona o seguro viagem obrigatório para Europa »

 

Quanto economizar para Itália?

Custos de morar na Itália

Uma das primeiras dúvidas que eu tive quando iniciei o plano de morar fora do Brasil era sobre quanto dinheiro era necessário economizar. Para fazer essa conta é importante somar todos os gastos que você terá durante o período em que não terá nada “entrando”.

Ou seja, se no Brasil você pode comprar as passagens e pagar com o seu salário, assim como o seguro saúde, não coloque na conta das economias esse valor. Veja tudo para planejar uma viagem à Itália pela primeira vez.

Já o primeiro mês (ou até dois ou três, se possível) de aluguel, compras de mercado para o mesmo período, transporte, chip e recarga para celular, além de gastos extras, devem constar na sua lista para morar na Itália.

Por falar em mercado, conheça as curiosidades da gastronomia italiana e veja o que comer em cada região da Itália.

Viver na Itália dicas

A conta precisa ser feita considerando se você irá trabalhar ou não e, em caso positivo, quando iniciará. Não esqueça de inserir uma margem de segurança, afinal nem sempre os planos saem exatamente como imaginamos.

Confira como procurar emprego na Itália e se no país existe um salário mínimo. Depois de tudo isso, lembre-se que você pagará tudo em euros, então faça a conversão.

Minha sugestão para um casal, que foi o meu caso, é economizar cerca de €2.000 para residência, €1.500 para mercado, €500 para transporte e €1.000 para extras.

O valor alto para a residência se deve à necessidade de dar um caução ou pagar mais de um mês adiantado. Essa conta já inclui uma boa sobra para três meses ou até um pouco mais, dependendo do seu estilo de vida.

Para saber mais leia sobre o qual é o custo de vida na Itália. Não esqueça de garantir uma passagem de retorno ao Brasil ou, ao menos, o dinheiro para comprá-la, caso seja necessário voltar.

Confira => Internet portátil e rápida na Europa

 

Morar legalmente na Itália

Preços dos alugueis da Itália

Após o planejamento de quanto economizar para embarcar à Itália, e quanto tempo será necessário para isso, a próxima etapa é descobrir em qual perfil de imigrante você se encaixa para o país. Essa parte é bastante burocrática, mas essencial para qualquer um que deseja morar fora do seu país de nascimento.

Caso você tenha um passaporte ou carteira de identidade que comprovem sua dupla cidadania de qualquer país da União Europeia (UE), você tem entrada garantida pela lei.

Ainda com dúvidas sobre as atrações turísticas?
 

Se você tem somente o passaporte brasileiro e não tem direito a reconhecer sua cidadania em algum país da EU, você precisa ir em busca de um visto específico para aquilo que pretende fazer no país, seja trabalho, estudo ou outra categoria.

Essa emissão é feita pelo consulado ou embaixada mais próximo da sua residência e exige uma série de documentos que comprovem sua aptidão para aplicar para um visto. Conheça mais sobre os tipos de vistos mais comuns da Itália.

Por fim, você também pode ser um brasileiro que tem direito à dupla cidadania, mas que ainda não foi em busca da documentação e solicitação do reconhecimento. Eu me encaixava nessa última categoria e fui em busca do reconhecimento da minha cidadania italiana, que comento brevemente no tópico abaixo.

Dúvida => Como usar WhatsApp na Europa?

 

Cidadania italiana

Dicas sobre cidadania europeia

Se você tem cidadania italiana, mas precisa reconhecê-la perante o governo da Itália, o primeiro passo é reunir toda a documentação que comprova que você descende de italianos.

Ou seja, no meu caso eu sou neta de italiano e precisei reunir as certidões de nascimento, casamento e óbito do meu avô; as certidões de nascimento e casamento do meu pai; e as minhas certidões de nascimento e casamento.

Essas certidões foram suficientes para comprovar a minha genealogia. Após reuní-las, o próximo passo é verificar se há algum erro entre elas, seja de grafia ou datas e retificá-los em cartório.

Depois é necessário traduzir para o italiano (por meio de tradutor juramentado) e apostilar, conforme a Convenção de Haia, todas certidões em inteiro teor. Depois disso, você pode embarcar para a Itália e dar entrada no processo de reconhecimento da sua cidadania jure sanguinis, ou seja, por ligação sanguínea.

Vai viajar e não contratou seu Seguro Viagem?
 

Claro que existem muitos pormenores nesse processo todo, mas basicamente é assim que se inicia a busca pela comprovação da sua cidadania italiana.

Economia​ => Internet ilimitada na Europa: saiba como funciona

 

Alugar um imóvel na Itália

Burocracia para alugar um imóvel na Itália

A Itália é um país complicado quando se trata de alugar um imóvel, isso se deve ao fato de que quase tudo no país é baseado na residência.

Com uma residência você consegue emprego, pode abrir conta bancária, se inscreve no sistema público de saúde e coloca as crianças na escola mais próxima. Ou seja, o aluguel é algo muito sério e, por vezes, difícil de obter logo na chegada.

Isso acontece pois a maioria dos proprietários de imóveis ou agências pedem um comprovante de renda e cauções altas para não correr riscos ao aceitar um inquilino. Para te ajudar, descubra quais são as cidades mais baratas da Itália para morar.

A melhor forma de alugar para quem está chegando no país é por meio de contato direto com proprietários, caso você conheça alguém de confiança, ou pagando alguns meses a mais de aluguel antecipado, como seis meses ou um ano.

Por falar nisso, saiba qual é a melhor época para viajar para a Itália e conheça o clima das cidades italianas mais visitadas.

Ainda há a opção de dividir casa, que é um modelo mais confiável tanto para o proprietário quanto para o inquilino e demanda valores bem menores do que casas inteiras para alugar.

Top => Melhores passeios na Itália

 

Abrir conta bancária na Itália

Como abrir conta bancária na Itália
Banco da Itália em Palermo | Foto: Salvatore Caronia Roberti, via Wikimedia Commons.

Para abrir uma conta em um banco tradicional, a agência irá solicitar um comprovante de residência e, por vezes, também de emprego.

Além disso, você precisa estar apto a morar na Itália, então deve apresentar um documento válido, como visto ou passaporte/identidade de algum país da União Europeia.

É importante descobrir também quais são os feriados na Itália para saber os dias em que tudo fecha, inclusive os bancos.

Muitas vezes é difícil para o brasileiro apresentar todos esses documentos, por isso a melhor opção para quem está chegando na Itália é simplificar e optar por um banco online.

Minhas sugestões são o LeuPay, que pode ser feita ainda no Brasil, ou o N26, banco online alemão. Esses bancos, por mais que operem de maneira online, funcionam como um banco tradicional e é possível utilizá-los como conta salário, por exemplo, além de retirar dinheiro em caixas eletrônicos do Bancomat (os caixas ATM na Itália)

Leia também sobre qual moeda levar para a Itália.

Dúvida​ => Quais são as cidades mais baratas da Itália?

 

Carteira de motorista na Itália

Alugar carro na Itália

A Itália e o Brasil fizeram um acordo que beneficia e muito os brasileiros que se mudam para a “Bota”. Os viajantes que possuem a Permissão Internacional para Dirigir (PID) têm suas carteiras de motorista brasileiras válidas para dirigir na Itália até a data de vencimento das mesmas.

Elas podem ser solicitadas em qualquer Centro de Formação de Condutores. Mas aqueles que estão de mudança definitiva para o país têm seis meses para pedir em um CFC italiano a conversão da sua carteira brasileira para a italiana e, desde o início de 2018, sem necessitar passar pelas aulas e testes novamente.

No momento da conversão, a carteira de motorista brasileira deixa de ser válida, ela é entregue à autoescola italiana e você recebe a do país em substituição.

Para saber como é a infraestrutura das estradas italianas,  confira o artigo sobre como funciona o aluguel de carro na Itália.

 

Procurar emprego na Itália

Procurar emprego na Itália sites

A busca de emprego pode e deve iniciar ainda no Brasil, principalmente caso você não tenha dupla cidadania que te permita residir no país sem um visto específico.

Para áreas de graduação, o LinkedIn é uma ótima ferramenta de busca de empregos, bem como o InfoJobs, Subito e Indeed.

Além disso, para empregos na área de serviços ainda é possível buscar pelos grupos de “cerco/offro lavoro” no Facebook.

Não é impossível ir à Itália com visto de turismo e buscar emprego dentro dos três meses permitidos para permanência no país, mas nesse caso o empregador deve estar disposto a fornecer a documentação necessária para que você aplique para o “permesso di soggiorno per lavoro” e, isso sim, é bastante difícil de conseguir.

 

Dicas para quem vai morar na Itália

Dicas para residir na Itália

Para quem sonha e quer morar fora do Brasil, planejamento é tudo! Se o seu destino for a Itália, sugiro que os preparativos tenham cuidado dobrado, pois embora seja um país incrível é também muito burocrático e pode pegá-lo desprevenido.

Não deixe, no entanto, que as dificuldades que aparecerem no caminho sejam motivos suficientes para desanimá-lo desse sonho. Garanta tudo que puder, esteja seguro de que você poderá arcar com as despesas que terá até se estabelecer no novo país.

Tenha em mente que mudar de país é também recomeçar. Talvez no Brasil você já tenha uma carreira consolidada, uma graduação reconhecida e respeitada, mas na Itália você precisará provar tudo isso novamente e, até mesmo, refazer algumas etapas. Por falar nisso, saiba como estudar na Itália.

Não desanime com esses desafios, mas os utilize como motivação para alcançar objetivos maiores e para permanecer em uma nova nação.

O seu esforço e dedicação certamente agregarão novas experiências pessoais e profissionais, além de possibilitarem que você colha frutos diferentes e até melhores daqueles que imaginava. Como dizem na Itália, “in bocca al lupo”, ou seja, boa sorte!

Já pensou em morar na Italia? O que achou dicas? Deixe nos comentários a sua experiência!

 

Leia os últimos posts sobre a Itália:

Vai viajar? Comece a planejar sua viagem!

seguro viagem

Nunca se esqueça do Seguro Viagem! Além de ser obrigatório para entrar nos países da Europa, é essencial a contratação caso você tenha viagem marcada para qualquer lugar do mundo. Veja como o seguro me salvou na Alemanha, quando precisei de internação devido a uma infecção alimentar. Também precisei usar meu seguro viagem nos Estados Unidos, logo quando estava curtido uma das ilhas do Hawaii…acabei economizando R$ 2.000,00. Sem contar que auxilia quando há extravio de bagagem ou qualquer outro imprevisto. Utilize o comparador da Seguros Promo, que faz a pesquisa entre as melhores seguradoras para você economizar tempo e dinheiro. Por serem parceiros do blog, nós recebemos uma comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Ao contrário, leitores do blog ganham 5% de desconto usando o cupom QUEROVIAJARMAIS5. O pagamento pode ser feito em até 12 x no cartão, ou com + 5% off no boleto bancário!

celular no exterior

Saia do Brasil com internet 4G (Confira o comparativo entre os chips)

reserva de carros

Compare os melhores preços para alugar um carro na Rent Cars => Saiba mais

Cadastre seu email para receber nossas atualizações!

Sobre Bárbara Armino

Bárbara Armino Decimo - a Bah - é jornalista, gaúcha de apelido e nascença. Italiana nascida no Brasil, reside atualmente na Itália, onde veio resgatar as raízes da família, aprender e reconhecer-se na cultura dos seus antepassados. Ama as coisas simples da vida, o céu, o vento no fim da tarde, um chimarrão compartilhado, cafés e viagens. No momento, não economiza pernas para conhecer novos lugares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *